#EsteBlogÉDemais!

#EsteBlogÉDemais!
Feira precisa continuar no caminho de progresso

*

*
Clique na logo para ouvir

Lançamento nacional

Lançamento nacional
Orient Cineplace Boulevard - 15h40 - 18h10 - 20h40 (Dublado)

Lançamento mundial - 19.12

Lançamento mundial - 19.12
11 horas (sábado, 21) - 14h10 - 17h20 (Dublado) - 20h30 (Legendado)

Dê este livro - R$ 30,00 - de presente

Dê este livro - R$ 30,00 - de presente
Adquira no Boulevard Shopping (na Cappa Clara Tabacaria), Restaurante Flor do Maracujá (na Kalilândia), bancas Avenida, Cidreira e Status (na avenida Getúlio Vargas), em O Folheteiro (no Mercado de Arte Popular)

sexta-feira, 18 de maio de 2018

"Deadpool 2" é politicamente incorreto


Irreverente e politicamente incorreto - o que torna o filme muito bom. Como o primeiro filme do anti-herói da Marvel, lançado em 2016. Um filme de ação, aventura, ficção científica e comédia. É legítima cultura pop. Mesmo com toda violência, que é criativa e exagerada, com muita sanguinolência, "Deadpool 2" é um filme que trata sobre família. O Mercenário Tagarela continua debochado, violento, vulgar e zoeiro.
O personagem apareceu pela primeira vez - e é lembrado neste filme, em cena com Wolverine (Hugh Jackman) - em "X-Men: Origens" (2009).
Em relação ao filme inicial, "Deadpool", além de Ryan Reynolds como Wade Wilson/Deadpool, estão no elenco Morena Baccarin (Vanessa), T. J. Miller (Weasel), Brianna Hildebrand (Míssil Atômico Adolescente), Karan Soni (Dopinder) e Randal Reeder (Buck). Stan Lee não aparece. No primeiro, era um dj de strip club. Mas neste aparece sua imagem em um outdoor.
Tem final surpresa e cenas após os créditos finais. E a maioria da plateia espera para ver.
São muitas referências e citações a filmes. A abertura é uma homenagem aos filmes de James Bond, o agente 007. São exemplos: "Entrevista com um Vampiro", "A Centopeia Humana", "Exterminador do Futuro", "Flashdance", "Frozen", "The Goonies", "Harry Potter", "Jamaica Abaixo de Zero", "Liga da Justiça", "Os Miseráveis", "Star Wars", e "Vingadores: Guerra Infinita". Também referências a artistas e personagens. Casos de Barbra Streisand, Cher, David Bowie, Dolly Parton, George Michael, Kirsten Dunst, Patrick Stewart, Scarlett Johansson, Tom Cruise, o próprio ator Ryan Reynolds em auto referência, mais Batman, Charles Xavier, Hawkeye, Karl Marx, Lanterna Verde, Robocop, Soldado Invernal, Superman, Wolverine, X-Men, o urso Teddy. Até os brasileiros Augusto Cury e Roberto Justus são citados na cópia dublada.
O filme faz gozação e brinca com a DC Comics e a Warner Bros.
Na trilha sonora, músicas de A-Ha, Air Supply, Céline Dion, Cher, Dolly Parton e Peter Gabriel.

Nenhum comentário: