*

*

sexta-feira, 10 de junho de 2016

Sobre Jairo Carneiro

Jairo Carneiro (Foto: Reprodução), que nos últimos seis anos, aliado ao petismo, passou pela Secretaria de Estado da Agricultura e pelo Desenbanco, anunciando que é pré-candidato a prefeito de Feira de Santana.
A última vez que ele disputou uma eleição - para a Câmara dos Deputados - foi há seis anos, em 2010, depois que trocou de partido, saiu do Democratas para o PP. Jairo conseguiu 19.736 votos. Em 2014 não foi candidato.
Antes, em 1996, o senador Antonio Carlos Magalhães indicou Josué Mello como candidato do PFL, preterindo Jairo. Em 2000, o mesmo ACM preferiu apoiar José Ronaldo em vez de Jairo Carneiro.
Jairo Carneiro se elegeu deputado federal pela primeira vez em 1986, para a legislatura de 1987 a 1991 (Congresso Constituinte).
Depois, em 1990, ficou como suplente para a legislatura de 1991 a 1995 (Congresso Revisor), mas assumiu logo em 18 de março de 1991, com o licenciamento de Waldeck Ornelas. Ele foi efetivado em 23 de março de 1994 com a renúncia de João Alves.
Foi eleito nas eleições de 1994, legislatura de 1995 a 1999; e de 1998, legislatura de 1999 a 2003. Em 2002, foi eleito com 67.782 votos para a legislatura de 2003 a 2007. Quatro anos, em 2006, obteve 1.951 votos a mais (69.733), mas ficou na suplência da legislatura de 2007 a 2011. Assumiu o mandato de 21 de agosto de 2009 a 31 de março de 2010, em virtude do afastamento de João Leão; e a partir de 1º de janeiro de 2011, com o licenciamento de Mário Negromonte. Os cinco mandatos iniciais pelo PFL, depois Democratas. O último pelo PP.

Nenhum comentário: