*

*
Clique na logo para ouvir

*

*

quinta-feira, 16 de agosto de 2007

III Conferência da Cidade nesta sexta e no sábado

Pontos importantes da administração pública serão discutidos nesta sexta-feira, 17, e no sábado, 18, durante a III Conferência Municipal da Cidade de Feira de Santana, que terá lugar na Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs). Cerca de 150 delegados que representam diversos segmentos da sociedade participarão dos debates. A conferência será presidida pelo prefeito José Ronaldo de Carvalho.
Os trabalhos serão abertos às 9 horas, por José Ronaldo, no anfiteatro do módulo II do campus. O evento é parte preparatória para a Conferência Estadual. Serão escolhidos os delegados que participarão da conferência que vai ser realizada em Salvador. Sob o lema "Desenvolvimento Urbano Com Participação Popular e Justiça Social", e o tema "Avançando na Gestão Democrática da Cidade", os participantes vão discutir e encaminhar propostas que objetivam a implementação de políticas de desenvolvimento.
“Este é um evento interessante porque a participação da comunidade em questões importantes para o futuro próximo e distante de Feira significa um exemplo de gestão democrática”, disse o prefeito. “É, sem dúvidas, uma oportunidade para que todos os segmentos dêem suas contribuições de forma consciente”, completou. Na avaliação de José Ronaldo, a participação popular na gestão pública vem crescendo nos últimos anos.
Para o prefeito, as discussões deverão sugerir formas para que se chegue ao desenvolvimento sustentado. Ele salientou que durante a conferência serão debatidos assuntos importantes, relacionados ao meio ambiente, saúde, educação, assistência social e qualidade de vida para os feirenses.
O tema 1, “A Política de Desenvolvimento Urbano e as Intervenções nas Cidades”, será subdividido em três subtemas: “As Intervenções Urbanas e Integração de Políticas”, “As Intervenções Urbanas e o Controle Social” e “As Intervenções Urbanas e os Recursos”. O tema 2, “A Capacidade de Forma de Gestão das Cidades”, e subtemas “Capacidade Administrativa e de Planejamento e Estrutura Institucional” e “Receitas Municipais e Ampliação de Receitas Próprias”.

Nenhum comentário: