*

*
Clique na logo para ouvir

*

*

quarta-feira, 29 de agosto de 2007

California Filmes lança 15 títulos em DVD

A bela Ines Sastre em "A Cidade Perdida"

Divulgação


A distribuidora California Filmes, que há mais de 15 anos atende o mercado de home enterteinment no segmento rental, inaugurou uma nova fase com sua entrada no segmento sell-thru, pelo qual disponibilizará uma relação de 15 títulos para o consumidor final, via varejo, ao preço sugerido de R$ 39,90.
A lista inclui obras especiais como "Manderlay" (segundo longa da trilogia de Lars Von Trier), "Três Enterros" (estréia na direção de Tommy Lee Jones, premiado em Cannes), "Caché" (de Michael Haneke, com Juliette Binoche e Daniel Auteuil), "A Cidade Perdida" (de e com Andy Garcia, que faz uma bela homenagem a Havana), e o terror "Abismo do Medo" (de Neil Marshall).
A estréia da nova operação é uma conseqüência do bom desempenho nos segmentos onde já atuava. Presente na distribuição de filmes para cinema desde o segundo semestre de 2005, a California obteve no ano passado a marca de 1,3 milhão de ingressos vendidos e ganhou posições no ranking das distribuidoras do mercado cinematográfico brasileiro, subindo do 14º para o nono lugar. No ranking das distribuidoras independentes do país, ocupa hoje a quarta posição.
Veja a relação dos primeiros filmes lançados em sell-thru: "Abismo do Medo", de Neil Marshall; "Caché", de Michael Haneke; "A Cidade Perdida", de Andy Garcia; "Os Fugitivos", de Todd Robinson; "O Homem Urso", de Werner Herzog; "Hooligans", de Lexi Alesander; "Maldição", de Courtney Solomon; "Manderlay", de Lars Von Trier; "O Mercador de Veneza", de Michael Radford; "O Prisioneiro da Grade Ferro", de Paulo Sacramento; "A Proposta", de John Hillcoat; "Querida Wendy", de Thomas Vinterberg; "O Sacrifício", de Neil LaBute; "Três Enterros", de Tommy Lee Jones; e "36", de Olivier Marchal.

2 comentários:

Anônimo disse...

LULA DISSE QUE JULGAMENTO DO STF NÃO O ATINGE

(vai nessa e senta em cima de um formigueiro chamado BRASIL, sil, sillllllllll)

30/08/2007

O presidente disse ontem que o julgamento da denúncia contra 40 acusados de participação no esquema de mensalão não atingiu seu governo. Entre os acusados, estão três ex-ministro: Zé Dirceu (Casa Civil), Alfredo Nascimento (Transporte) e Luiz Gushiken (Comunicação). Para Lula, a resposta de que o escandalo não o atingiu está na sua reeleição. “A oposição tentou me atingir, e 61% do povo deu a resposta na eleição do ano passado. Eles (oposicionistas) sabem perfeitamente bem o que é o processo", afirmou Lula, durante cerimônia de lançamento do livro "Direito à Memória e à Verdade", que relata detalhes da ditadura militar no Brasil.


http://www.samuelcelestino.com.br/

Anônimo disse...

http://www.correiodabahia.com.br/

Votação do piso do magistério mobiliza professores e alunos

Alan Rodrigues


Professores, diretores de escolas públicas e estudantes passaram o dia na Praça da Piedade mobilizados pela aprovação do piso nacional do magistério, que aguarda votação em Brasília. A paralisação nacional da categoria visa assegurar que o projeto seja apreciado ainda hoje, data final de votação, e que o piso aprovado seja superior ao proposto pelo governo.
Com música, palhaços, cartazes e até uma cama elástica, “para jogar o salário para cima”, os manifestantes distribuíram panfletos e esclareceram o público sobre o projeto, visando angariar apoio popular para o projeto.


Três propostas estão colocadas. A do executivo federal oferece um salário de R$850 para uma jornada semanal de 40 horas/aula. O relator, o deputado baiano pelo PDT, Severiano Alves, propõe R$900 para uma jornada de 25 horas e o Conselho Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE) reivindica um piso de R$1.050 para 30 horas.


Na prática, o piso proposto pelo relator é o mais vantajoso, proporcionalmente, mas a preocupação da categoria é com alguns detalhes da lei que se encontram em aberto. Como a diferenciação entre salário e remuneração. A Associação dos Professores Licenciados da Bahia, (APLB-Sindicato), defende que o piso seja relativo ao salário-base e não leve em consideração as gratificações e vantagens de cada função, que seriam aplicadas, desta forma, sobre o novo piso. Do contrário, o piso poderia ser inferior aos vencimentos de boa parte dos professores da rede pública em alguns estados e municípios.


O coordenador da APLB, Ruy Oliveira, passou o dia de ontem em Brasília, visitou o gabinete do deputado Severiano Alves, para onde se dirigiram representantes sindicais de todo o país. O ministro da Educação, Fernando Haddad, também era esperado. O vice-coordenador e diretor de imprensa da APLB, Jorge Carneiro, coordenou as atividades na Bahia. Ele informou que houve adesão maciça nas escolas da capital e também recebeu notícias de mobilização no interior, em cidades como Vitória da Conquista, Queimadas e Alagoinhas.


Ele informou que uma assembléia será realizada no próximo dia 12, no Ginásio dos bancários, para avaliar os rumos do projeto de lei e os avanços das mesas de negociação com o governo do estado. Na mesa setorial, o texto do projeto para implantação de eleições diretas para diretores nas escolas está quase pronto. Na mesa geral, continua o impasse sobre os reajustes diferenciados para os níveis I e II (17,28%) e os demais, que receberam pouco mais de 4%.

Versão para impressão



30/08/2007 Campanha de vacinação prossegue até amanhã
30/08/2007 Defensores públicos reivindicam nomeação
30/08/2007 Eletricista é condenado a 16 anos por matar namorada
30/08/2007 Licitação do Carnaval prossegue sem definição
30/08/2007 Proliferação de ambulantes na Piedade desagrada a idosos
30/08/2007 Roteiro cidadão
30/08/2007 Segurança/Assaltante executado na Chapada do Rio Vermelho
30/08/2007 Segurança/BLITZ
30/08/2007 Segurança/Caminhoneiro e filho morrem carbonizados em Conquista
30/08/2007 Segurança/Polícia prende envolvido no roubo de Focus da Casa Civil
30/08/2007 Segurança/Tiroteio provoca pânico no centro da cidade
30/08/2007 Última rodada
30/08/2007 Versão revisada do PDDU deve ser aprovada este ano
30/08/2007 Videoartroscopia é usada para tratar lesões no joelho e ombro
30/08/2007 Votação do piso do magistério mobiliza professores e alunos
Notícias anteriores