*

*

terça-feira, 14 de fevereiro de 2017

'"Bunker' de petistas ainda comanda Previdência"



Seis meses após o impeachment, petistas se agarram como carrapatos a cargos no governo que consideram "golpista". O então ministro Ricardo Berzoini pagou o pato pelo "recadastramento" que atormentou velhinhos, no governo Lula, mas seu inventor seria Benedito Brunca, ex-diretor de Benefícios do INSS, nos governos Lula e Dilma, elevado a secretário de Políticas da Previdência do governo Michel Temer.
Gabando-se
Amigo de Dilma e ex-ministro petista, Carlos Gabas continua senhor absoluto das ações na Previdência, segundo servidores do ministério.
Cadeia de comando
O diretor de Benefícios do INSS, Robinson Nemeth, é ligado a Brunca e se reporta a Flávio Miyashiro, ex-diretor que ainda dá cartas na área.
Até sub do sub
São inúmeros casos de aparelhamento da Previdência, como no caso do importante assessor João Paulo Silva, filiado ao PT desde 1999.
É problema
Os aliados estão revoltados. O deputado Lúcio Vieira Lima (PMDB-BA) advertiu que, com petistas na Previdência, fica difícil aprovar a reforma.
Sabotagem petista
Se petistas continuam aboletados no governo "golpista" de Michel Temer, também não largam o osso nos estados e municípios. No DF, a suspeita é de sabotagem de petistas no sistema no Passe Livre Estudantil, para provocar filas humilhantes e extenuantes de 4 horas.
Fonte: Cláudio Humberto

Nenhum comentário: