#vaiterBRT

quinta-feira, 1 de dezembro de 2016

Os filmes brasileiros de 2016

"O Shaolin do Sertão" e "Elis" se salvam da ruindade


 Os filmes brasileiros que foram exibidos este ano em Feira de Santana, no Orient Cinemas Boulevard.
Foram lançadas as comédias: "Vai Que Dá Certo 2", de Maurício Farias (de 1 a 27 de janeiro); "Um Suburbano Sortudo", de Roberto Santucci (11 de fevereiro a 2 de março); "Uma Loucura de Mulher", de Marcus Ligocki Júnior (de 2 a 8 de junho); "Porta dos Fundos: Contrato Vitalício", de Ian SBF (1 a 20 de julho); "Um Namorado Para Minha Mulher", de Julia Rezende; "O Roubo da Taça", de Caito Ortiz (de 8 a 21 de setembro); "Tô Ryca!", de Pedro Antonio (de 22 de setembro a 11 de outubro); "Desculpe o Transtorno", de Tomas Portela (de 15 a 28 de setembro);  "É Fada!", de Cris d'Amato (6 a 31 de outubro); "O Último Virgem", de Rilson Baco e Felipe Bretas - que está em cartaz a partir desta quinta-feira, 1º.
Também os filmes "Reza a Lenda", de Homero Olivetto, que pretendeu ser o "Mad Max" brasileiro (de 21 a 31 de janeiro); "Os Dez Mandamentos", que durou 11 semanas em cartaz, de 28 de janeiro a 13 de abril; "Escaravelho do Diabo", de Carlo Milani (14 a 20 de abril); "Em Nome da Lei", de Sérgio Rezende (de 21 de abril a 4 de maio); "Carrossel 2: O Sumiço de Maria Joaquina", de Maurício Eça (de 7 de julho a 3 de agosto mais 18 a 24 de agosto); e os dois melhores apresentados e vistos - que se salvaram da ruindade geral: "O Shaolin do Sertão", de Halder Gomes (de 20 de outubro a23 de novembro); e "Elis", de Hugo Prata - que está em segunda semana, desde 24 de novembro).
Dezenas de outros filmes nacionais não foram exibidos aqui. Exemplos de "Amores Urbanos", de Vera Egito; "Uma Noite em Samba", de Ugo Giorgetti; "Mulheres no Poder", de Gustavo Acioli; "Mãe Só Há Uma", de Anna Muylaert; "Um Homem Só", de Claudia Jouvin; "Pequeno Segredo", de David Schurman - pre-indicado do Brasil ao Oscar -; e o superestimado "Aquarius", de Kleber Mendonça Filho.  
Até o final do ano pode chegar em Feira de Santana outros filmes brasileiros, como "O Vendedor de Sonhos", "O Amor no Divã" e "Minha Mãe É uma Peça 2".

Nenhum comentário: