*

*

*

*

domingo, 5 de março de 2017

"A Grande Muralha": Diversão de encher os olhos



Matt Damon (1) e Tian Jing (2) em "A Grande Muralha"
Fotos: IMdb
"A Grande Muralha", produção da China e Estados Unidos, de Yimou Zhang, em cartaz no Orient Cinemas Boulevard - sessões às 16h30 e 18h40, com cópia dublada, e às 20h50, com cópia legendada -, assim como em todo o país, tem ação, aventura e fantasia, como prometido. O filme é diversão de encher os olhos dos espectadores - que lotam as sessões.
Tudo com a exuberância do cinema chinês e a qualidade técnica do cinema americano. 
Trata de mitologia milenar chinesa - a ação se passa no século 12 -, com descobertas (balões de ar, magnetismo de pedras imantadas, pólvora), solidariedade de uns aos outros, ambição, confiança,  honra, heroísmo inesperado, sacrifício, escolhas e redenção.
William (Matt Damon) é um mercenário europeu, que usa arco e flecha. Ele vaga pelas terras orientais ao lado de outros quatro companheiros. Após um ataque somente ele e Tovar (Pedro Pascal) sobrevivem. Presos em uma emboscada, ambos ficam reféns da Ordem Sem Nome, exército de mais de 100 mil soldados, guerreiros com habilidades especiais, divididos em cinco regimentos, inclusive um feminino, que reside na protegida da Cidade Fortaleza, um posto avançado que protege os moradores das criaturas monstruosas - os Tao Tie - que habitam além da Muralha.
O visual é espetacular, assim como os efeitos visuais. Os movimentos da câmera em cenas de ação são frenéticos, com lutas e acrobacias variadas. Repetindo, uma diversão de encher os olhos. 
Ainda no elenco: Andy Lau, Pedro Tovar, Willem Dafoe, Hanyu Zhang, Lu Han, Kenny Lin e Eddie Peng.

Nenhum comentário: