Clique na imagem

*

*
Clique na logo para ouvir

*

*

segunda-feira, 29 de setembro de 2008

Processo contra candidatura de Fábio Lucena ainda não tem definição

No TSE registro de candidatura do vereador está como apto
Na sessão desta segunda-feira, 29, da Câmara Municipal, o vereador Fábio Lucena (DEM) voltou a falar sobre o pedido de impugnação de sua candidatura, feito pelo Ministério Público Eleitoral, através da promotora Patrícia Medrado.
Segundo o vereador, após perder duas vezes, na instância local e estadual (junto ao Tribunal Regional Eleitoral da Bahia), o MPE voltou a recorrer junto ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), em busca da impugnação da candidatura do vereador.
"Apesar do parecer inicial ter sido favorável ao MP, o processo ainda será votado e não há uma definição do TSE sobre o caso. Como a minha candidatura foi aceita por unanimidade, quando o processo estava no TRE, eu acredito que não terei maiores problemas", explicou Fábio Lucena.
O Blog Demais consultou o site do TSE (www.tse.gov.br), no link Divulgação de Registros de Candidaturas, e o nome de Fábio Lucena está na situação apto. O vereador candidato à reeleição não está entre os 18 considerados inaptos.
DENÚNCIA
O vereador denunciou que existem candidatos divulgando que sua candidatura já foi cancelada, com o objetivo de ganhar mais votos e conseguir apoio das lideranças que o apóiam.
"Eu quero comunicar aos meus eleitores que não acreditem no que ouvem por aí, porque com certeza poderei concorrer normalmente às eleições. Eu acho um absurdo esta política de querer roubar votos de seus concorrentes com mentiras", afirmou o vereador.
Jair de Jesus (PSL), Maurício Carvalho (PR), Renildo Brito (PTC) e Roberto Tourinho (PSB) manifestaram apoio ao vereador e se posicionaram contra as práticas dos concorrentes. "Quero que saiba que, apesar de militarmos em posições opostas, tenho muito respeito pelo colega e desejo, sinceramente, que em 1° de janeiro de 2009, a cidade possa contar com o senhor de volta a esta Casa", declarou Roberto Tourinho.
(Com informações da Assessoria de Comunicação da Câmara Municipal)

Nenhum comentário: