*

*
Clique na logo para ouvir

*

*

quarta-feira, 24 de setembro de 2008

Os que entram e os que estiveram em cena

Adriano Lima, José Guedes e Márcio Sherrer vão ser os primeiros atores a encenarem no novo palco do Teatro Municipal Margarida Ribeiro, com seus 10 metros por 8,5 metros de profundidade, além de 1 metro de proscênio. Com "Graxeira, Graças a Deus", que reabre o espaço totalmente reformado, o grande privilégio dos atores feirenses.
Lembrar que no palco de antes, entraram em cena nomes do cenário nacional como Carlos Alberto e Priscila Camargo (com "Os Inimigos Não Mandam Flores") Bemvindo Siqueira, Carlos Vereza (com "Nó Cego"), Henriqueta Brieba, Yumara Rodrigues (com "Apareceu a Margarida"), bem como nomes feirenses, a exemplo de Aliomar Simas e Galdino Neto, já falecidos, Cícero Souza, Edson Baptista, Gerinaldo Costa, Gilmar Portugal, Hildete Galeão, Jorge Manga, Josué Alves, Lóide Augusta, Nazaré Machado, Roberval Barreto e mais, em peças dirigidas por Cézar Ubaldo, Geraldo Lima, Luluda Barreto, Neide Sampaio, Rui Barcelos, entre outros. Lembrar de Antônio Barreto, que realizava no Margarida Ribeiro o Festival de Teatro Amador e Universitário do Nordeste. Também lembrar de espetáculos de Salvador dirigidos por Armindo Bião, Deolindo Checcucci, Fernando Guerreiro e Luiz Marfuz.
Antes, o espaço já abrigou sessões e eventos de cinema, até com a presença do hoje chanceler Celso Amorim, que era dirigente da então existente Embrafilme. Filmes de Olney São Paulo foram exibidos. Também shows musicais, com Carlos Pitta, Fábio Paes, Rosa Passos, Timbaúba, Xangai, entre outros.

Um comentário:

Anônimo disse...

Ói nós de novo na fita. Obrigado pela lembrança.
Em tempo: acesse o site www.revistamusicabrasileira.com.br e, se possível, repasse para Juracy Dórea, pois, não tenho o e-mail dele e foi ele o elo de ligação. Obrigado.
timbauba@rg3.net