#EsteBlogÉDemais!

#EsteBlogÉDemais!
Feira precisa continuar no caminho de progresso

*

*
Clique na logo para ouvir

Lançamento nacional

Lançamento nacional
Orient Cineplace Boulevard - 15h40 - 18h10 - 20h40 (Dublado)

Lançamento mundial - 19.12

Lançamento mundial - 19.12
11 horas (sábado, 21) - 14h10 - 17h20 (Dublado) - 20h30 (Legendado)

Dê este livro - R$ 30,00 - de presente

Dê este livro - R$ 30,00 - de presente
Adquira no Boulevard Shopping (na Cappa Clara Tabacaria), Restaurante Flor do Maracujá (na Kalilândia), bancas Avenida, Cidreira e Status (na avenida Getúlio Vargas), em O Folheteiro (no Mercado de Arte Popular)

quarta-feira, 20 de fevereiro de 2019

"Eu Sou Inimigo da Globo" em primeiro lugar no Twitter

Internautas entendem que
a emissora é inimiga do povo brasileiro

Após a revelação do áudio entre o presidente Jair Bolsonaro e o ex-secretário da Presidência Gustavo Bebianno ser divulgado, a Rede Globo lançou uma nota na Globo News dizendo que não tem inimigos.
A resposta é para a fala do presidente que foi contra o encontro entre Bebianno e o vice-presidente de Relações Institucionais do Grupo Globo, Paulo Tonet Camargo, no Palácio do Planalto.
Bolsonaro afirmou: "Gustavo, o que eu acho desse cara da Globo dentro do Palácio do Planalto: eu não quero ele aí dentro. Qual a mensagem que vai dar para as outras emissoras? Que nós estamos se aproximando da Globo. Então não dá para ter esse tipo de relacionamento. Agora… Inimigo passivo, sim. Agora… Trazer o inimigo para dentro de casa é outra história".
A nota da emissora sobre essa fala foi que "O Grupo Globo considera que não tem nem cultiva inimigos". Defendeu-se a postura da empresa afirmando que "sua missão é levar ao público jornalismo independente - dando transparência a tudo o que é relevante para o País - e entretenimento de qualidade".
Mas no Twitter, apoiadores do presidente subiram a hashtag "Eu Sou Inimigo da Globo" e o assunto ficou em primeiro lugar no trend topics do microblog.
"Eu sou inimiga da Globo porque a Rede Globo é inimiga do Brasil. Eu não coloco inimigos dentro da minha casa e o governo Bolsonaro está correto em fazer o mesmo", escreveu uma internauta.
"Eu acho que chamar a Globo de inimiga é suave de mais, essa emissora é arqui-inimiga não só do governo Bolsonaro, mas também do povo brasileiro", disse a professora Paula Marisa.
Fonte: "Gospel Prime"

Um comentário:

Unknown disse...

#sou inimiga da Globo pela minha família e pelo brasileiros isso não e5jornalista sério é de fofoca e esse desespero porque governo tirou os patrocínio milionários ... prostituta #Redeglobonao.