Venda antecipada de ingresso no Orient Cineplace Boulevard

Venda antecipada de ingresso no Orient Cineplace Boulevard

Lançamento nacional dia 31

Lançamento nacional dia 31
No Orient Cineplace Boulevard

No Orient Cineplace Boulevard

No Orient Cineplace Boulevard

quarta-feira, 9 de agosto de 2017

Ipac se dobra a interesses estranhos

No portal do Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia (Ipac), em texto que trata sobre reunião de "Conselho Gestor para a Salvaguarda do Centro de Abastecimento", que ninguém sabe da existência, a informação de que o Centro de Abastecimento "passou a funcionar a partir de 1916 na avenida Getúlio Vargas e a partir de 1976 na região da cidade, abastecendo Feira e cidades vizinhas."
Não se sabe como uma página oficial de um órgão de governo publica tanta desinformação. Triste porque o Ipac é uma autarquia que cuida da preservação da cultura.
Primeiro, nunca existiu Centro de Abastecimento na avenida Getúlio Vargas. O que existia até 10 de janeiro de 1977 era a feira livre, por todo o centro, inclusive a avenida, que somente foi aberta na segunda gestão do prefeito Heráclito Dias de Carvalho (1938-1943).
Segundo, o Centro de Abastecimento foi inaugurado oficialmente na segunda-feira, 17 de janeiro de 1977, há 40 anos. Antes, no sábado, 15, a primeira feira no local. Não foi em 1976.
Terceiro, é muito vago o dado "na região da cidade". O Ipac não sabe nem a localização do Centro de Abastecimento, situado no Parque Manoel Matias, Barroquinha.
O Ipac, autarquia hoje vinculada à Secretaria de Cultura do Estado da Bahia, tem a missão de atuar de forma integrada e em articulação com a sociedade e os poderes públicos municipais e federais, na salvaguarda de bens culturais tangíveis e intangíveis e na política pública estadual do patrimônio cultural. 
"O órgão deveria cuidar melhor de sua missão em Feira de Santana, sem se deixar levar por disputas políticas mesquinhas. Não pode perder a dignidade e se dobrar a interesses estranhos ao processo de desenvolvimento do entreposto", considerou um observador atento das coisas de Feira de Santana.

Nenhum comentário: