Dê este livro - R$ 30,00 - de presente

Dê este livro - R$ 30,00 - de presente
Adquira no Boulevard Shopping (na Cappa Clara Tabacaria), Restaurante Flor do Maracujá (na Kalilândia), bancas Avenida, Cidreira e Status (na avenida Getúlio Vargas), no Espaço Cultural e O Folheteiro (no Mercado de Arte Popular)

Venda antecipada no Orient Cineplace Boulevard

Venda antecipada no Orient Cineplace Boulevard

Venda antecipada no Orient Cineplace Boulevard
Lançamento em 15 de agosto no Orient Cineplace Boulevard - 11 - 13h20 - 15h40 - 18 - 20h20

quarta-feira, 27 de fevereiro de 2019

"Bolsonaro está bem nas ruas, não no Congresso"

Posta à prova com a reforma da Previdência, a popularidade do presidente Jair Bolsonaro continua em alta nas ruas, de acordo com levantamento realizado pelo instituto Paraná Pesquisa, mas no Congresso ainda não se cristalizou. Até na Bahia, onde o petista Fernando Haddad o derrotou em novembro (ele teve 27,31% dos votos no 2º turno), Bolsonaro virou o jogo e já é aprovado por 57,7%. Já no Congresso, ainda são modestas as estimativas de apoio à reforma.
Três quintos
Para ser aprovada, a emenda que vai mudar o sistema previdenciário necessita de 308 votos na Câmara ou três quintos dos deputados.
Motivo principal
Eleito prometendo o fim do "toma lá, dá cá", Bolsonaro tem negado cargos ambicionados por parlamentares. Cresce a birra do Congresso.
Pressão das redes
O governo conta com a pressão popular (especialmente através das redes sociais) para "motivar" parlamentares a reformar a Previdência.
Ponto importante
O apoio à reforma da Previdência cresce vagarosamente. Deputados parecem ignorar que as redes sociais elegem, mas também cobram.
Fonte: Cláudio Humberto

Nenhum comentário: