Venda antecipada de ingressos no Orient Cineplace Boulevard

Venda antecipada de ingressos no Orient Cineplace Boulevard

Em lançamento mundial no Orient Cineplace Boulevard

Em lançamento mundial no Orient Cineplace Boulevard
13 - 15h40 - 18h25 (Dub) - 21h10 (Leg) no Orient Cineplace Boulevard

sexta-feira, 4 de agosto de 2017

"Balance o Cachorro"

Robert De Niro, Anne Heche e Dustin Hoffman em "Mera Coincidência"
Foto: IMDb
"Balance o Cachorro" é a tradução literal para "Wag the Dog", que no Brasil levou o título de "Mera Coincidência", para vincular o filme com o escândalo sexual de Bill Clinton com a estagiária Mônica Lewinski, que ocorreu em 1997, antes do seu lançamento. Por que o cachorro balança o rabo? A resposta seria porque ele é mais esperto do que o apêndice. O contraditório é uma analogia à manipulação da mídia.
O filme mostra um exemplo de como a mídia e o público podem ser facilmente manipulados. No caso, por um governo e sua assessoria. "Mera Coincidência" trata então sobre o poder da mídia, que faz com que a massa seja facilmente manipulada para o que a televisão diz - acredita-se em tudo que "passou na tv". A atenção do público é desviada para outro fato - verdade é detalhe, como é dito no filme - bem mais apropriado para interesses eleitoreiros. Imagens de guerra são criadas e manipuladas e a mídia é envolvida com a armação.
O presidente dos Estados Unidos - que em momento algum aparece - é acusado de ter abusado sexualmente de uma garota, às vésperas das eleições. Relações públicas é convocado por sua assessoria para tentar impedir o massacre que a imprensa faria no dia seguinte. Ele contrata um produtor de cinema e logo vem a estratégia de plantar informações sobre uma guerra iminente com a Albânia. A farsa armada é logo engolida pela mídia. Quando os repórteres questionam, a negação de tudo. A curiosidade aumenta e os repórteres consideram que o governo está mentindo, que existe mesmo a guerra. Tudo planejado.
No filme, os meios justificam os fins, pois tudo seria válido quando o assunto é política. Ficam claras as possibilidades de criação de notícias baseadas em fatos inexistentes, ou até existentes, pois não existe realidade sem a percepção exposta de alguém. A notícia divulgada, verdadeira ou mentirosa, é veiculada segundo os interesses dos meios, empresas e políticos.
Lançado em 1997, "Mera Coincidência" tem direção de Barry Levinson e elenco com Robert De Niro, Dustin Hoffman, Anne Heche, Kirsten Dunst, Denis Leary, William H. Macy e Woody Harrelson.

Nenhum comentário: