#EsteBlogÉDemais!

#EsteBlogÉDemais!
Feira precisa continuar no caminho de progresso

*

*
Clique na logo para ouvir

Lançamento nacional

Lançamento nacional
Orient Cineplace Boulevard - 15h40 - 18h10 - 20h40 (Dublado)

Lançamento mundial - 19.12

Lançamento mundial - 19.12
11 horas (sábado, 21) - 14h10 - 17h20 (Dublado) - 20h30 (Legendado)

Dê este livro - R$ 30,00 - de presente

Dê este livro - R$ 30,00 - de presente
Adquira no Boulevard Shopping (na Cappa Clara Tabacaria), Restaurante Flor do Maracujá (na Kalilândia), bancas Avenida, Cidreira e Status (na avenida Getúlio Vargas), em O Folheteiro (no Mercado de Arte Popular)

terça-feira, 30 de abril de 2019

Extinto processo do Tribunal de Justiça da Bahia contra José Ronaldo


O Tribunal de Justiça da Bahia decidiu, por unanimidade, acolher pedido da defesa do ex-prefeito José Ronaldo de Carvalho, relativo a uma ação movida pelo Ministério Público, que trata da contratação emergencial de uma cooperativa para manter serviços essenciais de saúde no município, em 2013, início do seu terceiro mandato. A decisão do Tribunal, na prática, extingue o processo.
Os advogados do ex-prefeito argumentaram que em sua ação o próprio Ministério Público não indica prejuízo ao erário, na referida contratação. "Não há consequência patrimonial para o órgão público", afirma a defesa, o que significa não ter havido crime.
Ao assumir o mandato, em 2013, José Ronaldo encontrou a cooperativa Coopersade prestando os serviços, sob contrato emergencial efetuado na gestão do seu antecessor, Tarcízio Pimenta. Determinou a realização de licitação pública de imediato, que foi a primeira daquela gestão, mas o processo foi interrompido por questões alheias à vontade da administração municipal.
Enquanto não se concretizou a licitação, o governo renovou contrato emergencial - o valor pago não foi aumentado em um real sequer - com a prestadora dos serviços, uma vez que se tratava de atendimento essencial que não poderia ser interrompido: a saúde de milhares de feirenses. 

Dez coisas sobre "Vingadores: Ultimato"

Filme entra em segunda semana continuando em quatro salas 
e dez sessões diárias

1. Em cartaz em todo o país desde o dia 25 de abril - o lançamento está em 737 cinemas e em 3.100 salas -, "Vingadores: Ultimato" (Avengers: Endgame), de Anthony e Joe Russo, é o maior lançamento realizado em Feira de Santana, com quatro salas e onze sessões diárias, no Orient Cineplace Boulevard. Apenas uma com cópia legendada.
2. Nesta segunda semana, a partir desta quinta-feira, 2, continua nas quatro salas, com dez sessões diárias, uma com cópia legendada. E mais uma sessão matinal no sábado, 4.
3. Ingressos continuam sendo vendidos antecipadamente.
4. Visivelmente abalados após os eventos de "Vingadores: Guerra Infinita", de 2018, os super-heróis sobreviventes do Universo Cinemático Marvel, Homem de Ferro, Capitão América e Thor se unem e se preparam para combate contra o titã Thanos.
5. O preparo conta com a aparição de Carol Danvers, a Capitã Marvel, que tem um papel essencial na luta contra o vilão.
6. O filme de ação, aventura e ficção científica arrecadou mais de R$ 101,3 milhões no final de semana de estreia - entre quinta-feira, 25, e domingo, 28 de abril - após atrair público de mais de 5,4 milhões de espectadores no Brasil.
7. O filme, que encerra a saga de 11 anos da Marvel no cinema, já havia quebrado recorde mundial. A bilheteria total no final de semana foi de 1,2 bilhão de dólares
8. No Orient Cineplace Boulevard, "Vingadores: Ultimato", está nas quatro salas do Multiplex e dez sessões diárias - 13 horas, 13h30, 14 horas, 16h30, 17 horas, 17h30, 19h30, 20 horas e 20h30, com cópia dublada, e 21 horas, com cópia legendada. 
9. Incluindo quatro sessões realizadas na madrugada de quinta-feira, 25, para sexta-feira, 26, e uma matinal no sábado, 27, já são 48 sessões do filme nesses quatro dias. Com toda a lotação das salas - total de 824 poltronas - , a estimativa desta coluna é de que mais de 35 mil pessoas já assistiram ao arrasa-quarteirão.
10. Definitivamente, trata-se do maior lançamento realizado nesta cidade.

Parceria entre TVE e Deutsche Welle traz programas de qualidade para a Bahia


A TVE Bahia e a empresa pública alemã Deutsche Welle firmaram parceria para exibição de conteúdos. Os programas "Futurando", que aborda ciência, educação, meio ambiente e tecnologia, e o "Camarote 21", dedicado à cultura e arte contemporânea são os primeiros a serem exibidos na tv pública baiana no mês de maio.
"A Deutsche Welle é uma das mais respeitadas empresas públicas de comunicação do mundo. Produzem conteúdos em mais de 30 idiomas. Esta parceria vai permitir que conteúdos exclusivos e de qualidade exibidos em centenas de países cheguem aos baianos", comemora Flávio Gonçalves, diretor geral do Irdeb.
Gravado em português, a atração semanal "Futurando" vai ao ar todas as quartas-feiras, às 19h30, a partir do dia 2 de maio, com horário alternativo aos sábados, às 17 horas. Já o "Camarote 21" estreia na emissora na sexta-feira, 3 de maio e será exibido sempre às sextas-feiras, às 19h30, com horário alternativo aos sábados, às 20 horas. Ambos poderão ser assistidos também pelo Portal www.tve.ba.gov.br/tveonline.
A empresa pública de radiodifusão da Alemanha, que atualmente possui mais de 2 mil funcionários, tem sedes em Bonn e Berlim e transmite para o exterior programas de rádio, além de oferecer uma programação televisiva e um amplo portal de conteúdo online (www.dw.com) em 30 línguas.

Acompanhe a TVE Bahia nas redes sociais:
facebook.com/tvebahia
youtube.com/tvebahia
twitter.com/tvebahia
instagram.com/tvebahia
(Com informações da Assessoria de Comunicação do Irdeb/TVE Bahia)

Mais uma escultura de Gil Mário embeleza cenário urbano


A mais recente criação artística do artista plástico Gil Mário é uma escultura em aço carbono, medindo 1,40 x 3,40 x 1,40 metros, intitulada "Viva o Povo Brasileiro", em referência à obra literária do baiano João Ubaldo Ribeiro. 
O trabalho foi encomendado pelo empresário Alexandre Coelho Costa para presentear o Edifício Maison Parc de France.
No cenário urbano, duas esculturas de Gil Mário, em dimensões maiores, ornam a cidade: o Monumento do Caminhoneiro e o Monumento a Georgina Erismann.

"A Flor": quase 100 anos depois

No dia 17 de abril de 1921 apareceu em Feira de Santana o pequeno semanário intitulado "A Flor", declarado como jornal noticioso independente e literário, de propriedade de Arlindo Ferreira.
Agora, 98 anos depois, está sendo lançado o livro "Memórias: A Flor", organizada por Carlos Mello e Carlos Brito, com edição da Fundação Senhor dos Passos, através do Núcleo de Preservação da Memória Feirense Rollie E. Poppino.
Em 1921, Feira de Santana, "formosa e altaneira cidade", contava com "povo distinto e culto". O "delicado" semanário era editado "com esmero e entusiasmo por um grupo de jovens, que muito se interessam em prol da evolução moral e intelectual da Feira de Santana".
No editorial, está contido que "enfim, 'A Flor' não será senão uma verdadeira e primorosa miscelânea literária - dedicada em parte ao belo sexo feirense".
Segundo Alpiniano Reis Oliveira Filho, presidente da Fundação e membro da Academia Feirense de Letras, na apresentação do livro, "sem a poeira dos arquivos, agradável e vivificante foi mergulhar nestas páginas do semanário, que circulou no início da década de 20 retratando a vida feirense da época, fazendo-nos conhecer no presente as notícias que apontam o desenvolvimento de Feira de Santana como cidade, vida social, literatura, esporte e religião".
No ano passado, os mesmos organizadores, Carlos Mello e Carlos Brito, lançaram outra pérola, com "Memórias: Arnold Ferreira da Silva".

Agência Reguladora arrecada com fiscalização da Embasa

A Agência Reguladora de Feira de Santana (Arfes) vai arrecadar e aplicar os recursos advindos da remuneração devida pela Empresa Baiana de Águas e Saneamento S/A (Embasa) no Município de Feira de Santana, em contrapartida pela execução de atividades de regulação e de fiscalização exercidas de forma compartilhada com a Agência Reguladora de Saneamento Básico do Estado da Bahia (Agersa), através de Resolução conjunta.
A resolução se deu através dos representantes legais das duas agências, em sessão colegiada realizada em 23 de abril deste ano.
Antes, em 7 de fevereiro a assinatura do termo de compartilhamento - por prazo indeterminado - da regulação e fiscalização dos serviços púbicos de abastecimento de água e esgotamento sanitário, com o objetivo de compartilhar as ações na área de saneamento básico, onde a agência estadual fica responsável pela regulação dos serviços de abastecimento de água e esgoto e a agência municipal fica responsável pela fiscalização desses serviços.
No referido termo de compartilhamento está previsto que as partes celebrantes repartiriam por igual a receita referente à remuneração regulatória devida pela Embasa.
Assim, a Agersa e a Arfes repartirão na razão de 50% - 50% a receita referente à remuneração regulatória em contrapartida pelas atividades de regulação e de fiscalização exercidas sobre os serviços por ela prestados no território do município de Feira de Santana, correspondente a 0,5% do total arrecadado dos respectivos usuários, deduzido o valor dos tributos incidentes sobre o faturamento, que serão depositadas pela Embasa em contas bancárias específicas indicadas.
O pagamento da remuneração será mensal, correspondendo cada parcela a 1/12 de seu valor anual. Esta resolução entra em vigor na data de sua publicação, produzindo efeitos a partir de 7 de fevereiro deste ano.


Morre diretor John Singleton


Faleceu na segunda-feira, 29, o diretor e ator afro-americano John Singleton (Foto: IMDb). Sua carreira inclui uma indicação ao Oscar em 1992 de Melhor Diretor e Melhor Roteiro por "Os Donos da Rua".
Como diretor
2011 Sem Saída 
2000 Shaft 
Como ator
2000 Shaft 
1991 Os Donos da Rua
Fonte: IMDb

"Barroso irrita colegas falando mal do STF em NY"


No retorno do exterior, o ministro Luís Roberto Barroso encontra clima pesado no Supremo Tribunal Federal (STF), em razão de declarações suas na Universidade de Columbia, em Nova York. As críticas ao Brasil e sua atitude de falar mal do STF no exterior irritou colegas. Um dos mais agastados, inclusive por suas críticas à Segunda Turma do STF, é o decano Celso de Mello, que não escondeu o inconformismo em conversa com outros colegas. Um deles, que segredou essa irritação, ponderou: "Quer falar mal? Que tenha a altivez de fazê-lo no Brasil".
Obstáculo
Barroso insinuou concordar ou pelo menos não divergiu da "percepção" de que STF "é um obstáculo na luta contra a corrupção no Brasil".
Raiva da Lava Jato
Também indignou a afirmação de que ministros do STF têm "mais raiva" de procuradores "do que de criminosos que saquearam o País".
Inconformismo
Barroso disse que o Brasil vive "momento sombrio", sugerindo algum inconformismo com a eleição democrática de Jair Bolsonaro em 2018.
Fonte: Cláudio Humberto

O Dia na História: Há 181 anos

No dia 30 de abril de 1838, há 181 anos, "Reunida em sessão sob a presidência de Luiz José Pinto da Silva Sampaio, a Câmara orça em 1:400$ a receita da vila para o exercício de 1839."
Fonte: Crônica Feirense, de Arnold Silva, no livro "Memórias: Arnold Ferreira da Silva", de Carlos Mello e Carlos Brito, editado pelo Núcleo de Preservação da Memória Feirense Rollie E. Poppino

segunda-feira, 29 de abril de 2019

Deputada federal feirense em "O Antagonista"

A deputada Professora Dayane Pimentel, do PSL da Bahia, não gostou da defesa que Janaina Paschoal fez de Hamilton Mourão em entrevista ao 'Valor'.
"Um vice-presidente precisa ser discreto, não deve buscar holofotes, muito menos expressar opiniões que sejam frontalmente contrárias às do presidente eleito", defendeu ela.
Dayane também rebateu a avaliação de que os filhos de Jair Bolsonaro estão criando intriga com o vice.
"Não se trata de intriga, mas de divergências de opiniões. Os filhos do presidente dão suas contribuições, o professor Olavo de Carvalho também dá suas opiniões. Não precisamos concordar com tudo o que eles dizem, mas respeitar o direito da opinião deles é fundamental. Aos integrantes do governo e da base, porém, cabe a discrição."
Fonte: https://www.oantagonista.com

"Vingadores: Ultimato" rende mais de R$ 101 milhões em quatro dias no Brasil


O filme de ação, aventura e ficção científica "Vingadores: Ultimato" (Avengers: Endgame), de Anthony e Joe Russo, arrecadou mais de R$ 101, 3 milhões no final de semana - entre quinta-feira, 25, e domingo, 28 - de estreia após atrair público de mais de 5,4 milhões de espectadores no Brasil.
O lançamento está em 737 cinemas e em 3.100 salas no país.
O filme, que encerra a saga de 11 anos da Marvel no cinema, já havia quebrado recorde mundial. A bilheteria total no final de semana foi de 1,2 bilhão de dólares.
.


Significado


Circuito é uma linha fechada que limita uma superfície, um espaço; contorno, perímetro.
Também significa a parte periférica que cerca alguma coisa; cinto, cinturão.


"O raio do papel"

Por J R Guzzo

Deu um nó. Está sempre dando, na política brasileira, porque é mesmo da natureza da política produzir complicação, aqui e no resto do mundo. Mas desta vez parece que se formou entre governo, Congresso, partidos e o resto da nebulosa que compõe a vida pública brasileira um nó de escota duplo, ou um lais de guia holandês, ou algum outro dos muitos enigmas criados pela ciência dos marinheiros - desses que você olha, mexe, olha de novo, e não tem a menor ideia de como desfazer. É fácil para os marinheiros - mas só para eles. Como, no presente momento, não há ninguém com experiência prévia a respeito da desmontagem dos nós que apareceram desde que Jair Bolsonaro formou o seu governo, o mundo político está com um problema sério. Como se sabe, é a primeira vez na história recente do Brasil que o time inteiro de cima foi montado sem ninguém pedir licença aos políticos, ou sequer perguntar a sua opinião - e menos ainda comprar seu apoio com a entrega de cargos na administração. Há muito técnico, muito general etc. Mas não há, como a ciência política considera indispensável, nada de "engenharia política". Isso quer dizer, na prática, que ficou difícil fazer a turma da situação votar a favor do governo - pois a maior parte dela passa mal se tiver de votar alguma coisa por princípio, ou seja, de graça. É esse o nó que não desata. Por causa dele, dizem que o governo está "paralisado há 100 dias".
Vejam, para citar o exemplo mais indecente do momento, a reforma da Previdência. Nada mais natural que o PT, seus auxiliares e o resto da esquerda fiquem contra. Têm mesmo de ficar: a única escolha que faz sentido para a oposição, hoje, é ser 100% contra qualquer ideia que tenha a mínima chance de melhorar o Brasil em alguma coisa. Isso seria, em seu raciocínio, ajudar o governo Bolsona­ro a ser bem-sucedido - e um governo Bolsonaro medianamente bem-­sucedido é um desastre mortal para o consórcio Lula-PT. Que futuro vai ter essa gente na vida, a não ser que o governo acabe em naufrágio? Nenhum. É compreensível, assim, que a oposição não aprove nada que possa dar certo. Mas PT, Psol e PCdoB, somados, não chegam a 15% da Câmara dos Deputados. E o resto: por que eles demoram tanto para votar a reforma? Mesmo descontando outras facções antigoverno, daria para aprovar. Resposta: demoram porque querem cargos na máquina e não estão levando.
É isso: o sujeito quer uma diretoria, uma superintendência, uma vice-­presidência - uma boquinha gorda qualquer, Santo Deus - e não tem a quem pedir. Falam em "agilização" das nomeações. Mas nomeação, que é bom, não sai. Chegou-se a falar num "Banco de Talentos", para onde a politicalha mandaria os nomes que quer empregar - e onde as escolhas seriam feitas segundo "critérios técnicos". Também não rolou. Um deputado especialmente desesperado com a demora, Felipe Francischini, chutou o balde e pediu um emprego na estatal Itaipu para a própria madrasta. Outro, um Elmar Nascimento, do liberalíssimo DEM, disse que não quer saber de "talentos"; quer emprego mesmo, e dos bons. "Não vamos nos contentar só com marmita", ameaçou ele. Histórias como essa encheriam a revista inteira; não vale a pena ficar repetindo a mesma ladainha. O certo é que a manada quer os empregos, não está conseguindo e, pior que tudo, não sabe com quem falar para descolar a nomeação. Não adianta falar "no governo", ou "no palácio". Tem de ser com o sujeito de carne e osso que manda assinar o raio do papel que vai para o Diário Oficial. E quem é que chega até ele?
A Caixa Econômica Federal, para dar um exemplo só, trocou todos os vice-presidentes, 38 dos quarenta diretores e 75% dos 84 diretores regionais - tudo propriedade privada dos políticos. Mais: quer cortar em dois anos 3,5 bilhões de reais em despesas como aluguéis ou "prestação de serviços". Só na avenida Paulista, a CEF ocupa hoje sete prédios - nenhum outro banco do mundo chegou perto disso, mesmo na época em que bancos tinham milhares de agências. Em Brasília é pior: são quinze prédios, um deles só para tratar da admissão de funcionários, como se a Caixa tivesse de admitir funcionários todos os dias. Até uma criança de 10 anos sabe que mexer nisso é mexer diretamente no interesse material dos políticos. Eles perderam esses cargos; querem todos de volta, desesperadamente. Na CEF, no serviço contra as secas, nos portos, nos aeroportos, nos armazéns de atacado, no Oiapoque e no Chuí.
Fonte: "Veja"

"Vingadores: Ultimato" tem público de mais de 35 mil pessoas em quatro dias


No maior lançamento realizado em Feira de Santana, no Orient Cineplace Boulevard, "Vingadores: Ultimato", está nas quatro salas do Multiplex e onze sessões diárias - 13 horas, 13h30, 14 e 16 horas, 16h30, 17 horas, 17h30, 19h30, 20 horas e 20h30, com cópia dublada, e 21 horas, com cópia legendada. 
Incluindo quatro sessões realizadas na madrugada de quinta-feira, 25, para sexta-feira, 26, e uma matinal no sábado, 27, já são 48 sessões do filme nesses quatro dias. Com toda a lotação das salas - total de 824 poltronas - , a estimativa do Blog Demais é de que mais de 35 mil pessoas já assistiram ao arrasa-quarteirão.
As imagens foram feitas com o público para a primeira sessão - 13 horas - desta segunda-feira, 29.

"Aprovação de Bolsonaro supera votação no DF"

]Levantamento do Paraná Pesquisas encomendado pelo site Diário do Poder indica que na capital do Brasil 57,3% dos eleitores aprovam o governo Jair Bolsonaro (PSL), contra 35,9% que o desaprovam. Isso mostra que a aprovação do presidente no Distrito Federal aumentou 2,2 pontos em relação a sua eleição de 2018, quando obteve 55,1% dos votos. Sua desaprovação é hoje 8,9 pontos menor que a votação obtida pelo candidato do PT Fernando Haddad (PT), no DF: 44,8%.
Avaliação em alta
O governo Bolsonaro é ótimo para 12,8% do DF e bom para 26,1%, superando avaliações péssimas e ruins, 11% e 16,4%, respectivamente.
Voz da experiência
O presidente obteve o seu melhor resultado entre quem tem 60 anos ou mais: 59,7%. O menor é entre quem tem 45 e 59 anos com 53,5%.
Surpresa
Notoriamente mais bem avaliado entre o público masculino com 61,2%, Bolsonaro subiu entre as mulheres e a aprovação feminina é de 53,9%.
Metodologia
O Paraná Pesquisas ouviu 1.542 eleitores entre os dias 22 e 26 de abril no Distrito Federal. A margem de erro é de 2,5% para mais ou menos.
Fonte: Cláudio Humberto

"Esforço único"


A estridente deputada Erika Kokay (PT-DF) faz silêncio constrangedor sobre sua condição de ré, na Justiça Federal, acusada de ter um "Queiroz" para chamar de seu. O indivíduo tomava parte do salário da assessoria para depositar na conta da deputada. Esses petistas…
Fonte: Cláudio Humberto

Morre ator Conrado San Martin


Faleceu na sexta-feira, 26, aos 98 anos, o ator espanhol Conrado San Martin, que participou de filmes épicos e westerns spaghettis nos anos 50 a 70.
   Filmografia
   2001 La Mujer de Mi Vida
   1995 
Felicidades, Tovarich
   1994 Tiempos mejores 
1988 A Beira do Machado 
   1988 Gallego 
   1971 Quando Explode a Vingança
   1969 
Simon Bolivar
   1968 Era uma Vez no Oeste
   1967 Billy... O Sanguinário
   1967 Il Cobra 
   1957 Faustina 
   1949 Pacto de Silêncio
   1948 
Delírio de Amor
   1947 Don Quijote de la Mancha
   1947 Dulcinea
    Fonte: IMDb

domingo, 28 de abril de 2019

"Avesso a autocrítica"


Lula voltou a vociferar contra d. zelite. Disse que as elites brasileiras "precisam fazer autocrítica". Preso por aceitar suborno e lavar dinheiro sujo, além de chefiar uma quadrilha, ele não cogita fazer autocrítica.
Fonte: Cláudio Humberto

sábado, 27 de abril de 2019

Melhor jogador no melhor time do mundo


Com três rodadas de antecipação, o Barcelona faturou neste sábado, 27, o bicampeonato espanhol, com 83 pontos ganhos. 
Jogando no Camp Nou, o time ganhou do Levante por 1 a 0, com gol de Lionel Messi,  o 34º  do melhor jogador do mundo, artilheiro do Campeonato Espanhol. 
Foi o 26º título nacional do Barcelona. É a décima conquista nacional de Messi, todas neste século.

Filme interessante dos anos 50

Na manhã deste sábado, 27, a visão no TeleCine Culto, do western "Sangue na Terra" (Blowing Wind), "Vento Selvagem" na tradução literal do original, do diretor argentino Hugo Fregonese, 1953.
Em um país hipotético na América do Sul - embora o filme tenha sido rodado no México -, Jeff Dawson (Gary Cooper) e seu sócio Dutch Peterson (Ward Bond) investiram todas as suas economias em um contrato de arrendamento para explorar petróleo. No entanto, sua expectativa ruína quando bandidos, liderados por El Gavilan (Juan Garcia) explodir o poço de petróleo com dinamite e eles ficam presos na cidade sem qualquer dinheiro. 
Em desespero, eles aceitam o transporte arriscado de nitroglicerina para arrecadar 800 dólares e Dutch é baleado na perna, mas Jeff descobre que seu empregador, Jackson (Ian MacDonald) é um trapaceiro, que não paga pelo serviço. Jeff conhece Sal Donnelly (Ruth Roman), uma garota que quer voltar para casa.
Quando seu antigo amigo Paco Conway (Anthony Quinn) os encontra, Jeff descobre que ele agora é um magnata local e é casado com Marina Conway (Barbara Stanwyck), que teve um romance no passado com ele. Paco contrata Jeff como seu capataz para ajudá-lo com seus dezoito poços de petróleo
Enquanto isso, os bandidos pressionam Paco para pagar 50 mil dólares, caso contrário eles explodirão seus poços. Por seu lado, a femme fatale Marina reaviva seu amor e desejo por Jeff, sugerindo um triângulo amoroso, levando a uma tragédia.
Trata-se de um filme - em preto e branco - sobre ambição, amizade, paixão e assassinato. Na trilha sonora, "Balada do Ouro Negro", música de Dmitri Tionkin, letra de Paul Francis Webster, cantada por Frankie Lane, além de "La Adelita" e "La Cucaracha".


"Outros bandidos também..."


O ex-presidente Lula se juntou ao "seleto" grupo de presidiários autorizados a conceder entrevistas, contrariando o princípio universal da segregação de quem é condenado e recolhido a uma penitenciária para pagar pelos seus erros. Antes do petista, os bandidões Francisco de Assis Pereira ("Maníaco do Parque") e os supertraficantes Marcinho VP e Fernandinho Beira-Mar foram autorizados a conceder entrevistas.
Celebridades do mal

O "Bandido da Luz Vermelha", criminoso covarde e cruel, virou celebridade do mal por ser bonitão. Deu entrevista e inspirou filme.

Embriaguez patológica

Outro entrevistado, Chico Picadinho chocou o País com os detalhes de esquartejamentos. Um psiquiatra viu nele "embriaguez patológica".

Necessidade mórbida

Marcelo Costa, o "Vampiro de Niterói", serial killer sádico, também satisfez a uma necessidade nacional mórbida: entrevistar criminosos.
Bando de malucos

O presidiário Lula disse ontem em sua inacreditável entrevista que "o Brasil está sendo governado por um bando de maluco". Ao menos já não é governado por um bando de ladrões, concluirão os eleitores.

Pensando bem...
…presidiário concedendo entrevista só prova que o Brasil conseguiu desmoralizar até a segregação da prisão em regime fechado.
 Fonte: Cláudio Humberto


Inscrição aberta para a competição "Ideia de Ouro" do CineFest 360 - Festival de Cinema de Curitiba

Vencedor ganhará uma consultoria gratuita da 360 WayUp para o desenvolvimento do roteiro


A primeira edição do CineFest 360 - Festival de Cinema em Curitiba será realizada no período de 14 a 17 de maio, dentro da Semana Cultural de Curitiba, e contará com a competição "Ideia de Ouro", que tem o objetivo de valorizar a criatividade individual e promover a produção nacional.
Para participar, basta enviar um vídeo de até 3 minutos apresentando o projeto de um filme que deseje roteirizar. A proposta é mostrar a ideia central da sua história, os principais personagens e a mensagem a ser compartilhada com o público. As inscrições são gratuitas e ocorrerão no período de 26/04/2019 até 06/05/2019. O envio dos vídeos deve ser feito por meio do e-mail 
cinefest360@gmail.com
O processo de avaliação dos participantes ocorrerá em maio, após a finalização do período de inscrições. A lista com os selecionados será divulgada no dia 10 de maio de 2019, no site e nas redes sociais do CineFest 360.  Os cinco melhores vídeos serão exibidos no dia 17 de maio, quando também será anunciado o vencedor na cerimônia de encerramento do Festival. O ganhador conquistará uma consultoria gratuita da 360 WayUp para o desenvolvimento do roteiro. Para mais informações, acesse ao site 
www.cinefest360.com e confira o regulamento do concurso.
Confira a programação completa do CineFest 360:
14/05 (Ópera de Arame) - 20 horas
Abertura do CineFest 360 - Festival de Cinema em Curitiba.
15/05 (Cine Guarani) - 18 às 19 horas
Palestra 1: "Como produzir um filme de qualidade com orçamento low budget?" - Fábio Faria.
19 horas às 20h3h
Palestra 2: "Depois da produção, o que fazer? Como chegar ao boca a boca?" - Ygor Siqueira.
21 horas
Exibição de filme "Eu Só Posso Imaginar" (Oferecimento Paris Filmes).
16/05 (Cine Guarani) - 18 horas às 20h30
Mesa Redonda - Tema: "Cinema Nacional: Desafios, Processo Criativo, Inovação e Criação de Conteúdo Atrativo".
21 horas
Exibição de filme "Deus Não Está Morto: Uma Luz Na Escuridão" (Oferecimento California Filmes).
17/05 (Cine Guarani) - 19 às 21 horas
Encerramento do CineFest 360.
Apresentação do TOP5 e a premiação ao vencedor.
21horas
Exibição inédita do filme "Quando o Sol Se Pôr" (Oferecimento Grupo Red/Red Films).
(Com informações de Paloma Furtado, da Assessoria de Imprensa de 360 WayUp)



sexta-feira, 26 de abril de 2019

"A pior pena para um vagabundo"


 Fonte: Roque Sponholz

Mais uma sala e duas sessões para "Vingadores: Ultimato"

Devido à grande procura do público por "Vingadores: Ultimato", a Orient Cinemas acrescentou mais uma sala e duas sessões na programação do Orient Cineplace Boulevard até quarta-feira, 1.
Assim, 10h30 (neste sábado, 27, e quarta, 1º de maio) - 13 - 13h30 - 14 - 16h30 - 17 - 17h30 - 20 - 20h30 (Dublado) - 21 (Legendado), mais 16 horas e 19h30.
Definitivamente, trata-se do maior lançamento realizado em Feira de Santana, com as quatro salas do Multiplex e onze sessões diárias. 
Com a medida, saíram da programação os filmes "A Maldição da Chorona", "Shazam!" e "Dumbo".

CineFest 360 tem sua primeira edição em Curitiba no período de 14 a 17 de maio

Festival de Cinema é idealizado pela 360 WayUp 
e busca incentivar novas produções
O sul do Brasil vai receber o CineFest 360 - Festival de Cinema em Curitiba, um encontro que carrega em sua essência a valorização do cinema nacional e a projeção de novas iniciativas no ramo. A proposta é oferecer ainda mais espaço para que cineastas encontrem um lugar no mercado e que seja um tempo para compartilhar experiências, novas ideias, network e capacitação. O evento contemplará palestras, apresentações culturais, exibição de filmes, debates e premiações.
O tema do CineFest 360 de 2019, que será realizado entre os dias 14 e 17 de maio, será "O Princípio", considerando que toda iniciativa, conquistas e realizações têm um início e a fundação precisa ser bem consolidada. O local escolhido para sediar o evento foi Curitiba (PR), cidade conhecida mundialmente por carregar a marca da cultura e do turismo como peças-chave para o desenvolvimento social. O espaço selecionado para a noite de abertura do Festival foi o Ópera de Arame, teatro referência no município e um dos cartões postais da localidade. E além de participar dessa programação, quem estiver no Encontro também terá a chance de prestigiar as atrações da "Semana Cultural de Curitiba", que acontecerá no período de 13 a 18 de maio, abrangendo, inclusive, a "Marcha para Jesus" como um dos programas da semana.
A idealização do projeto é da 360 WayUp, empresa que desde 2015 está focada em viabilizar, produzir, agenciar e divulgar projetos com ênfase em valores familiares, fé, amor, superação, perdão e princípios cristãos. Em seu portfólio  reúne mais de  21 filmes com campanha para lançamento em cinema, e já contabiliza mais de 25,5 milhões de pessoas influenciadas pelas campanhas e pré-estreias. De acordo com Ygor Siqueira, CEO da empresa, o Festival de Cinema é fundamental para quem deseja ingressar na sétima arte.
"A gente acredita que esse festival vai somar para aqueles que amam e sonham um dia em crescer com o cinema cristão no país. Essa troca com os cineastas será muito importante, afinal, o objetivo é que possamos crescer e alavancar cada vez mais as produções nacionais",  afirma o gestor.
Atualmente, existe uma forte demanda por conteúdos que falem sobre empatia, perdão, esperança, amor, compaixão, família, porém, pouco se tem a oferecer nacionalmente no cenário cristão, mesmo somando mais de 40 milhões de espectadores nos cinemas nos últimos quatro anos. Boa parte desse número expressivo traz o cinema internacional como o responsável, por isso, com uma equipe de profissionais que acreditam e confiam no potencial do mercado cinematográfico, especialmente o nacional, o evento traz a oportunidade dos cineastas brasileiros fazerem parte de um  Festival que será marco cultural, e tende a tornar-se uma referência no país.
CineFest 360 traz o conceito de um festival moderno, que busca dar visibilidade a produções já existentes no mercado e que  estejam relacionados a valores cristãos. A finalidade é também motivar, capacitar, preparar, nortear e dar acesso a um material de excelência àqueles que estão iniciando no mercado cinematográfico e possuem ideias inovadoras.
Confira a programação completa do CineFest 360:
14/05 (Ópera de Arame) - 20 horas
Abertura do CineFest 360 - Festival de Cinema em Curitiba.
15/05 (Cine Guarani) - 18 às 19 horas
Palestra 1: "Como produzir um filme de qualidade com orçamento low budget?" - Fábio Faria.
19 horas às 20h3h
Palestra 2: "Depois da produção, o que fazer? Como chegar ao boca a boca?" - Ygor Siqueira.
21 horas
Exibição de filme "Eu Só Posso Imaginar" (Oferecimento Paris Filmes).
16/05 (Cine Guarani) - 18 horas às 20h30
Mesa Redonda - Tema: "Cinema Nacional: Desafios, Processo Criativo, Inovação e Criação de Conteúdo Atrativo".
21 horas
Exibição de filme "Deus Não Está Morto: Uma Luz Na Escuridão" (Oferecimento California Filmes).
17/05 (Cine Guarani) - 19 às 21 horas
Encerramento do CineFest 360.
Apresentação do TOP5 e a premiação ao vencedor.
21horas
Exibição inédita do filme "Quando o Sol Se Pôr" (Oferecimento Grupo Red/Red Films).
(Com informações de Paloma Furtado, da Assessoria de Imprensa de 360 WayUp)