#EsteBlogÉDemais!

#EsteBlogÉDemais!

Segunda semana

Segunda semana
17h50 (Dublado) - 21 (Legendado)

Dê este livro - R$ 30,00 - de presente

Dê este livro - R$ 30,00 - de presente
Adquira no Boulevard Shopping (na Cappa Clara Tabacaria), Restaurante Flor do Maracujá (na Kalilândia), bancas Avenida, Cidreira e Status (na avenida Getúlio Vargas), em O Folheteiro (no Mercado de Arte Popular)

quarta-feira, 20 de fevereiro de 2019

Fato inédito há 36 anos



Um jato Boeing já sobrevoou Feira de Santana. Verdade, sim. O acontecimento inédito e único até hoje se deu em 1983 e o jornalista Dimas Oliveira estava no programa. Não foi nenhum voo de reconhecimento ao então projetado aeroporto. Foi para comemorar o Dia da Criança, em 12 de outubro daquele ano.
Foi uma ação conjunta da Rota Turismo (dirigida por Naron Vasconcelos) com a Viação Aérea São Paulo (Vasp), empresa extinta, que tinha como promotores Carlos Garcia e Carlos Eduardo de Teive e Argolo, com o programa Voo de Turismo Infantil (VTI).
O VTI era um voo panorâmico exclusivo para crianças de cinco a 12 anos, criado pela Vasp em 1979, no Ano Internacional da Criança, com o objetivo de transmitir aos passageiros mirins, de forma educativa e didática, os principais enfoques sobre o avião.
No caso especial, foram 100 crianças de Feira de Santana - 40 delas reservadas pelo Mendonça Supermecados - que se juntaram a outras de Salvador e durante 45 minutos tiveram um passeio aéreo sobre Salvador e Feira.
As crianças receberam brindes, visitaram a cabine de comando do jato Super 200 e receberam autógrafos dos tripulantes nos diplomas de passageiros mirins.
Então, o custo por criança foi de Cr$ 20 mil (vinte mil cruzeiros). 
Super 200
O jato em questão era um Boeing 727-200, do qual a Vasp foi a única operadora no Brasil a utilizá-lo para o transporte de passageiros. O Super 200 era a forma do marketing da Vasp diferenciar as aeronaves das operadas pela Varig, Cruzeiro e Transbrasil, que eram do modelo 727-100 (menor alcance e capacidade de passageiros).
Esta aeronave é considerada por entusiastas de aviação, como uma das mais belas que já foram projetadas.
Hoje ainda se encontram em voo algumas destas aeronaves sendo operadas para voos cargueiros (FedEX, VarigLog, Rio e TAF), como informa Thomas Otto Pracuch.

Nenhum comentário: