Dê este livro - R$ 30,00 - de presente

Dê este livro - R$ 30,00 - de presente
Adquira no Boulevard Shopping (na Cappa Clara Tabacaria), Restaurante Flor do Maracujá (na Kalilândia), bancas Avenida, Cidreira e Status (na avenida Getúlio Vargas), no Espaço Cultural e O Folheteiro (no Mercado de Arte Popular)

Venda antecipada de ingresso no Orient Cineplace Boulevard

Venda antecipada de ingresso no Orient Cineplace Boulevard
11 (sábado, 29) - 13 - 15h10 -17h20 - 19h30

Venda antecipada no Orient Cineplace Boulevard

Venda antecipada no Orient Cineplace Boulevard
10h30 (sábado, 6) - 13 - 15h40 - 18h20 (dublado) - 21 (legendado)

terça-feira, 1 de janeiro de 2019

Bolsonaro pede apoio para reerguer o País


Assista ao vídeo 

Jair Bolsonaro reforça compromissos assumidos com a nação brasileira
Foto: Cleia Viana/Agência Câmara
Em seu primeiro discurso após tomar posse no Congresso Nacional, o presidente da República, Jair Bolsonaro, destacou as mudanças necessárias para reerguer o País. Combate à corrupção e à criminalidade, acabar com a irresponsabilidade econômica e a com submissão ideológica são questões a serem combatidas.
O discurso ocorreu logo após Jair Bolsonaro e seu vice, Hamilton Mourão, fazerem o juramento constitucional e assinarem o termo de posse diante de deputados, senadores, representantes dos outros poderes da República e de outras autoridades.
"Convoco, cada um dos congressistas, para me ajudarem na missão de restaurar e de reerguer nossa Pátria", afirmou. Para Bolsonaro, o momento é propício para reconstruir o País e resgatar a esperança dos brasileiros.
Compromisso
Reforçando os compromissos assumidos durante a campanha eleitoral, o novo presidente afirmou que seu governo vai trabalhar para unir o povo e valorizar a família, com respeito às religiões e à tradição judaico-cristã, combatendo a ideologia de gênero e conservando valores. "Reafirmo meu compromisso de construir uma sociedade sem discriminação ou divisão", ponderou.
De acordo com Bolsonaro, a pauta de trabalho será guiada pelos anseios populares, com respeito aos direitos e garantias fundamentais impostas na Constituição, como boas escolas, liberdade de ir e vir com segurança, mais emprego, saúde, educação, infraestrutura e saneamento básico. 
Crescimento
Para garantir o crescimento econômico, a pauta será norteada pelo livre mercado internacional e pelo compromisso com o teto dos gastos. "O governo não gastará mais do que arrecada e na garantia de que as regras, os contratos e as propriedades serão respeitados", disse.
Na visão do presidente, o setor agropecuário continuará desempenhando papel decisivo, em harmonia com a preservação do meio ambiente. Os desafios serão resolvidos, acrescentou Bolsonaro, "mediante um verdadeiro pacto nacional entre a sociedade e os Poderes Executivo, Legislativo e Judiciário".
Democracia
Ao prometer proteger e revigorar a democracia brasileira, com respeito ao Estado Democrático de Direito, Bolsonaro defendeu a construção de uma nação mais justa por meio do rompimento com práticas que macularam a política e atrasaram o progresso. Agora, o País estará no caminho a caminho. "O Brasil será visto como um País forte, pujante, confiante e ousado", disse.
Fonte: Planalto

Nenhum comentário: