Dê este livro - R$ 30,00 - de presente

Dê este livro - R$ 30,00 - de presente
Adquira no Boulevard Shopping (na Cappa Clara Tabacaria), Restaurante Flor do Maracujá (na Kalilândia), bancas Avenida, Cidreira e Status (na avenida Getúlio Vargas), no Espaço Cultural e O Folheteiro (no Mercado de Arte Popular)

Venda antecipada de ingresso no Orient Cineplace Boulevard

Venda antecipada de ingresso no Orient Cineplace Boulevard
11 (sábado, 29) - 13 - 15h10 -17h20 - 19h30

Venda antecipada no Orient Cineplace Boulevard

Venda antecipada no Orient Cineplace Boulevard
10h30 (sábado, 6) - 13 - 15h40 - 18h20 (dublado) - 21 (legendado)

terça-feira, 31 de julho de 2018

Lançamento do livro "Símbolos na Literatura" em Feira de Santana

"Quem sou?" Uma pergunta simples de difícil resposta que se perpetua desde a "Criação". É assim que o médico e psicoterapeuta Carlos São Paulo analisa o drama do personagem do livro "Triste Fim de Policarpo Quaresma", de Lima Barreto, pontuando-o com nossa própria angústia de viver e ser reconhecido.
A análise, feita a partir das representações arquetípicas dos personagens literários, é uma das tantas que o autor faz no seu livro Símbolos na Literatura, que será lançado no dia 10 de agosto, às 18 horas, no Museu de Arte Contemporânea Raimundo de Oliveira (MAC), com entrada franca.
A partir de livros infantis, adolescentes ou adultos, dos gêneros literatura ou ligados à área da Psicologia, dos mais antigos publicados aos mais novos lançados no mercado, o autor viaja ao mundo imaginário das suas histórias, fazendo paralelos com símbolos da Psicologia Analítica de Carl Gustav Jung.
Ele analisa os textos com olhar experiente de psicoterapeuta, mas com a sensibilidade e a inteligência que lhe permitem construir suas próprias conclusões sobre cada história. O que transparece é sua percepção sobre a humanidade, como quem lança uma luz sobre realidade através dos tempos, "desde que o mundo é mundo" até hoje.
O autor do livro é diretor e fundador do Instituto Junguiano da Bahia e coordena os cursos de Pós-graduação em Psicoterapia Analítica, Psicossomática e Teoria Junguiana. 
Serviço
O quê: Lançamento do livro "Símbolos na Literatura"
Quando: 10 de agosto de 2018, às 18 horas
Onde: Museu de Arte Contemporânea Raimundo de Oliveira (MAC)
Contato: Bárbara Assis - Tel. / Whatsapp. (71) 98744-2178
(Com informações da Gato Preto Editora)

Mais um ponto de venda



O livro "O Processo de Cassação da Rádio Cultura" está disponível para venda no Restaurante Flor do Maracujá, na Kalilândia.

Trailer de "Mamma Mia! Lá Vamos Nós De Novo"

Assista
Trailer do musical "Mamma Mia! Lá Vamos Nós de Novo!", que tem lançamento nesta quinta-feira, 2, no Orient Cineplace Boulevard.

Trailer de "O Nome da Morte"


Assista
Trailer do drama "O Nome da Morte", que tem lançamento nesta quinta-feira, 2, no Orient Cineplace Boulevard.

Comédia musical e drama brasileiro

1. Amanda Seyfried e Meryl Streep em "Mamma Mia! Lá Vamos Nós!"
2. Marco Pigossi em "O Nome da Morte"
Fotos: Divulgação

A comédia musical "Mamma Mia! Lá Vamos Nós!" é sequência de "Mamma Mia!", de 2008. É um dos lançamentos nacionais desta primeira semana de agosto, no Orient Cineplace Boulevard, a partir de quinta-feira, 2. A outra novidade é "O Nome da Morte", drama brasileiro, sem maiores referências.
Neste segundo "Mamma Mia!", ao descobrir que está grávida, Sophie (Amanda Seyfried) busca inspiração para a maternidade lembrando do passado da mãe (Meryl Streep), que tenta encontrar o pai verdadeiro, entre três possíveis. Ela se vê mais parecida com sua mãe do que ela jamais imaginou.
O filme utiliza canções de sucesso do Abba, popular grupo dos anos 1970.
O thriller de ação e aventura "Missão: Impossível: Efeito Fallout", estrelada por Tom Cruise, entra em segunda semana.
Outras continuações: as animações "Hotel Transilvânia 3: Férias Monstruosas", em quarta semana, e "Os Incríveis 2", em sexta semana.
No sábado, 4, sessões matinais de musical "Mamma Mia! Lá Vamos Nós!", "Missão: Impossível: Efeito Fallout", "Os Incríveis 2".

TSE recebe lista de gestores públicos que tiveram contas rejeitadas pelo TCU

Os nomes de Feira de Santana na lista


A relação dos nomes de gestores públicos que tiveram suas contas julgadas irregulares pelo Tribunal de Contas da União (TCU) nos últimos oito anos foi entregue na quinta-feira, 26, ao presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Luiz Fux. Atualizada, a lista inclui o nome de 7.431 pessoas. Esse número poderá sofrer alteração diária na medida em que ocorrer o trânsito em julgado dos processos de contas irregulares.
Na lista de gestores públicos com contas julgadas irregulares pelo TCU, de Feira de Santana estão: o ex-prefeito Clailton Costa Mascarenhas, Ana Lúcia Bahia Costa Paixão, do Galpão das Artes, Antônio Lopes Ribeiro, da Fundação de Ampara ao Menor (Famfs), entre outros.
"Essa lista traz os gestores de contas públicas que foram consideradas irregulares, mas caberá ao Poder Judiciário verificar se essas irregularidades estão, ainda, categorizadas como irregularidades insanáveis, cometidas com vontade livre e consciente de praticar o ilícito, o que se denomina de dolo", esclareceu o presidente do TSE. 
Segundo a norma, o responsável que tiver as contas relativas ao exercício de cargos ou funções públicas rejeitadas por irregularidade insanável que configure ato doloso de improbidade administrativa, e por decisão irrecorrível do órgão competente, não pode se candidatar a cargo eletivo nas eleições que se realizarem nos oito anos seguintes, contados a partir da data da decisão. O interessado pode concorrer apenas se essa decisão tiver sido suspensa ou anulada pelo Poder Judiciário.
Fux reforçou que o Tribunal continuará sendo inflexível com aqueles que são considerados "fichas sujas", ou seja, aqueles que já incidiram nas hipóteses de inelegibilidade. "Ficha suja está fora do jogo democrático", afirmou.  
Confira a lista de gestores públicos com contas julgadas irregulares pelo TCU. 
Fonte: http://www.tse.jus.br/

Hugo Dórera lança "A Evangelização no Mundo Contemporâneo"


"A Evangelização no Mundo Contemporâneo - Da Evangelii Nuntiandi a Evangelii Gaudium: Um Renovado Impulso Missionário" é o livro de autoria de Hugo Dórea, que será lançado nesta quinta-feira, 2 de agosto, às 12 horas, na Igreja Senhor dos Passos, como parte das comemorações do Ano do Laicato.
O autor informa que toda a renda obtida com a venda será revertida para o Centro Social Monsenhor Jessé, que promove ações e projetos para transformar a situação de pessoas que vivem nas ruas.

Feira do Livro inscreve para lançamentos


Continuam abertas as inscrições para os escritores interessados em participar do evento de lançamentos de livros durante a 11ª edição da Feira do Livro. Para efetuar a inscrição basta acessar a ficha de inscrição e enviar para o e-mail feiradolivrouefs@gmail.com. As inscrições para o lançamento de livros ocorrem até o dia 24 de agosto.
Neste ano a Feira será realizada no período de 25 a 30 de setembro de 2018. Estimular a convivência criativa com os livros e com as artes em geral é o principal objetivo da Feira do Livro. A programação reúne um público de cerca de 70 mil pessoas, é realizada pela Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs) e conta com a parceria da Prefeitura Municipal, da Fundação Egberto Costa, do Governo do Estado da Bahia, da Arquidiocese de Feira de Santana e do Serviço Social do Comércio (Sesc).
(Com informações da Ascom - Uefs)

Por que temos que erradicar a pólio?


Com a preocupação pela situação da vacinação no Brasil, a campanha nacional de vacinação entre 6 e 31 agosto, com o Dia "D" em 18 do próximo mês.
Segundo dados divulgados recentemente pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) em conjunto com a Organização Mundial da Saúde (OMS), a cobertura vacinal no país vem caindo, na contramão da tendência global.
O Rotary Club de Feira de Santana está empenhado no esforço conjunto pela vacinação;
Por que temos que erradicar a pólio?
Para eliminar a paralisia infantil, precisamos interromper a transmissão do vírus nos três países ainda endêmicos: Afeganistão, Paquistão e Nigéria. Também precisamos garantir que o vírus não volte a circular nos outros países já livres da doença. Cerca de 60 países de alto risco ainda realizam campanhas de vacinação de grande escala para proteger as crianças contra a poliomielite.

"Alerta da Trumplândia: Atenção a Bolsonaro"

 Uma visão americana do fenômeno brasileiro

Por Brian Winter
Todas as manhãs, ao ler os jornais brasileiros e navegar pelo Twitter, sinto vontade de largar minha xícara de café, abrir a janela, virar minha cabeça para o sul e gritar:
"Como vocês podem cometer os mesmos erros que nós cometemos? Vocês não viram como pisamos na bola?"
Pelo menos uma dúzia de vezes na campanha de 2016, os repórteres e comentaristas políticos mainstream aqui nos Estados Unidos aproveitaram alguma gafe para declarar que a candidatura de Donald Trump estava morta. Logo no primeiro dia, quando Trump se referiu aos imigrantes mexicanos como "estupradores", o New York Daily News proclamou em sua primeira página: “Palhaço concorre à Presidência”. Quando ele ridicularizou o herói de guerra republicano John McCain, a revista eletrônica Politico declarou que "Trump pode ter finalmente cruzado a linha". Quando atacou a família de um soldado americano morto em combate, um ex-assessor de Barack Obama previu com confiança: "Um homem insensível e cruel como este não pode ser presidente".
Sabemos agora que essas "gafes" tiveram o efeito oposto. Em uma eleição tradicional - mesmo em 2012 -, elas poderiam ter destruído o candidato. Mas neste novo mundo antiestablishment e antipolítica, as declarações inflamadas de Trump provaram aos eleitores que ele não era como outros políticos. Em vez de se sentir ofendido, um eleitorado furioso viu um caminho seguro para a mudança que desejavam.
Esse padrão se repetiu, até certo ponto, na Polônia, na Itália, na Grã-Bretanha e no México, entre outros países. Deve ser agora do conhecimento comum. Na semana passada, no entanto, luminares brasileiros cometeram os mesmos erros de interpretação em relação à versão tropical de Trump, Jair Bolsonaro. Seus fracassos na busca de um companheiro de chapa, sua admissão para O Globo de que "realmente não entendo de economia" e sua foto de "pistoleiro" ao lado de uma garotinha foram apresentados como novas evidências de seu fracasso iminente.
Sim, sim. Eu sei que o Brasil não é como os Estados Unidos.
O Brasil é pior.
O que eu quero dizer é o seguinte: enquanto os Estados Unidos vêm criando empregos desde 2010, o Brasil destruiu aproximadamente 2,8 milhões de vagas formais nos últimos anos. A candidata do establishment americano foi envolvida numa controvérsia fabricada sobre seu servidor de e-mail, enquanto vocês tiveram o maior caso de corrupção já visto. Os crimes nas cidades dos EUA têm caído de forma constante desde os anos 1990, enquanto… Bem, você entendeu. Se os americanos estavam furiosos o bastante com a corrupção, a violência urbana e a economia para votar em 2016 em um demagogo despreparado, imagine o que os brasileiros farão em outubro.
Para ser claro, não acredito que uma vitória de Bolsonaro seja inevitável. Ainda é possível que, em um segundo turno, a maioria dos eleitores decida que seus pontos de vista sobre democracia, minorias, direitos humanos e armas não os representam. Bolsonaro tem problemas ainda maiores com as mulheres eleitoras do que Trump teve. Acredito, porém, que a sabedoria convencional das eleições anteriores deve ser tratada com enorme ceticismo ou mesmo ser totalmente descartada. Antigas certezas, como "os eleitores brasileiros não votam em radicais", "o tempo de TV decidirá as eleições", "as alianças partidárias são importantes" e "quem ganhar não terá escolha a não ser governar do centro" - li alguma versão de todas elas nos últimos dez dias -, soam como um caso clássico de um exército lutando em guerras passadas, em vez da atual.
De fato, como alguém que ainda sofre de transtorno de estresse pós-Trump, meu humilde conselho para você, a 70 e poucos dias da eleição, é: ignore a maior parte do que suas elites dizem.
Com todo o respeito a meus amigos da mídia brasileira, eu temo que seus comentários sejam ainda mais descolados da realidade do que os nossos. Muito se fala nos Estados Unidos sobre a diferença entre as costas, onde reside a maioria dos jornalistas políticos, e o interior do país - onde vive a maioria dos eleitores de Trump. Mas a distância entre analistas políticos e jornalistas de São Paulo ou de Brasília em relação ao restante do Brasil, em um país onde aproximadamente 84% dos eleitores ganham menos de cinco salários mínimos por mês - cerca de R$ 4.700 -, certamente é ainda maior. Enquanto isso, jornais e revistas sofreram muito com o declínio da receita - a circulação da Folha de S.Paulo, um dos maiores jornais do país, despencou 23% desde a última eleição -, sendo privados dos recursos para cobrir adequadamente histórias em lugares como o interior de Minas, da Paraíba e do Mato Grosso, onde esta eleição provavelmente será decidida.
Nos Estados Unidos, o fracasso da classe política em antecipar uma vitória de Trump levou à introspecção e à autoflagelação nos dias e semanas após o 8 de novembro de 2016. Hillbilly Elegy (Era uma vez um sonho, na edição brasileira), um livro de memórias sobre famílias pobres em Kentucky e Ohio, tornou-se um best-seller número um - em grande parte graças a jornalistas e analistas que queriam entender melhor o país de Trump. Alguns veículos nacionais, incluindo o Washington Post e a agência Reuters, fizeram questão de se expandir no meio do país, apesar dos orçamentos apertados, para evitar serem pegos de surpresa novamente.
Um movimento semelhante pode chegar ao Brasil, independentemente de quem vencer em outubro. Até lá, é aconselhável identificar - e ouvir - vozes fora dos círculos principais. Elas podem ser de pessoas nos ônibus, na fila do supermercado ou em pequenas estações de rádio. Foram essas pessoas que, aqui nos EUA, viram a vitória de Trump chegando. Elas podem ser os melhores analistas políticos em 2018.
Brian Winter é brasilianista e editor-chefe da revista Americas Quarterly

segunda-feira, 30 de julho de 2018

Coisa de cinema


Renovação de votos do casamento com Doralice ocorreu na celebração dos 14 Lustros (70 anos) de Dimas Oliveira, na noite de sábado, 28, no Casarão Fróes da Motta. Foi dirigida pelo pastor Alex Cosmo, do Ministério Aprisco.
Rodeado de familiares, irmãos em Cristo e amigos mais chegados, o jornalista e memorialista não coube em si de tanto contentamento e surpresa pelo que foi preparado para sua festa, em clima cinematográfico.
Doralice fez leitura bíblica, o genro Valdeilson Cerqueira orou e os filhos Thaís, Thomas e Tamara, que foi mestre da cerimônia, falaram sobre o pai. Carlos Brito, Gildarte Ramos, Gilmário Menezes, José Raimundo de Azevêdo, Madalena de Jesus, Marcus Vinicius Souza, Renato Ribeiro e Wagner Gonçalves deram depoimentos sobre Dimas.
Em sua fala, com projeção de cenas de 70 filmes, Dimas fez uma linha de tempo de sua vida elencando 70 títulos de filmes. Também foi exibido um clipe sobre ele.
Grupo musical formado por Sérgio Magno, violão e teclados; Marcus Rossini, bateria; Ivan Santos, baixo; e Carol Oliveira, vocal, desfiou louvores a Deus, no início, e depois hits dos anos 60 e 70.
Todo o décor da celebração foi por conta de Marion Borges, da Ubuntu Eventos, com participação de Lara Miguel e Karynny Calazans. O espaço foi transformado no Cine Demais.
Fotos: Larissa Carmo

Livro dedicado à Bolsonaro


A professora Dayane Pimentel, presidente estadual do Partido Social Liberal (PSL) na Bahia, candidata a deputada federal, com exemplares - autografados - do livro "O Processo de Cassação da Rádio Cultura" - um deles destinado ao candidato à Presidência, deputado federal Jair Bolsonaro.


Jair Bolsonaro lidera intenção de votos entre evangélicos


Pesquisa do Ideia Big Data revela identificação de maior parte do segmento com o candidato

Uma pesquisa eleitoral focada especificamente na intenção de votos entre o público evangélico aponta que o deputado federal Jair Bolsonaro (RJ) tem a preferência da maioria nesse segmento.
Realizado pelo Ideia Big Data, o levantamento mostra que o candidato do PSL à Presidência permanece na dianteira nos dois cenários eleitorais testados: com e sem Lula, que permanece preso e não poderia concorrer.
Cerca de um terço da população brasileira é formada por evangélicos. Segundo o Ibope, são pelo menos 27% dos eleitores do país. Historicamente, o segmento tende a apoiar candidatos que se identificam com as bandeiras conservadoras defendidas pela maioria. Via de regra, o eleitor evangélico é contrário a temas como aborto e legalização das drogas, combatidos por Jair Bolsonaro.
O Idea Big Data propôs, a pedido da revista "Veja", um cenário com Lula, mesmo que o ex-presidente tenha sido condenado em segunda instância. Também questionou os eleitores sobre sua preferência sem Lula na disputa.
Como método de pesquisa, os entrevistados foram separados por denominação.
Sem Lula
Entre os evangélicos pentecostais, Bolsonaro hoje teria 27% da preferência, 15% optariam por Marina Silva e 8% um candidato petista indicado por Lula. Brancos e nulos correspondem a 15% e indecisos são 18%.
A preferência dos evangélicos batistas indica que 28% votam Bolsonaro, Marina e Geraldo Alckmin aparecem empatados com 9%. Um candidato do PT e o senador Álvaro Dias (Podemos) empatam com 5% cada.
Brancos e nulos são 14% entre os batistas, enquanto 25% permanecem indecisos.
Evangélicos protestantes, neopentecostais e outras vertentes dizem que Jair Bolsonaro é seu preferido (28%), o candidato indicado pelo PT tem 13%, Marina Silva soma 8%, e Ciro Gomes, 7%. Brancos e nulos totalizam 23% e indecisos são 12%.
Com Lula
Entre os pentecostais, Jair Bolsonaro tem 25% da preferência, Lula tem 24% e a ex-ministra Marina Silva (Rede) - fiel da Assembleia de Deus - 13%. Brancos e nulos são 9% e indecisos, 8.
Junto aos batistas, Bolsonaro tem 28% dos votos, 22% do petista e 13% optam por Geraldo Alckmin (PSDB). Brancos e nulos são 10% e indecisos somam 9%.
Outras vertentes (protestantes históricos, neopentecostais etc) mostram Bolsonaro com 31%, Lula com 26% e Marina, 7%, Ciro Gomes (PDT), com 6%. Brancos e nulos somam 17% e indecisos, 5%.
Dados oficiais
Os dados divulgados pelo Ideia Big Data têm margem de erro de dois pontos percentuais, para mais ou para menos. Entre os dias 20 e 23 de julho foram ouvidos 2.036 eleitores, que vivem entre 134 municípios em 25 estados e no Distrito Federal. O levantamento está registrado no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob a identificação BR-04178/2018.
Fonte: https://noticias.gospelprime.com.br

PSL-BA faz convenção e declara apoio a José Ronaldo


Ao apresentar a estrutura do Partido Social Liberal na Bahia, durante a convenção, a presidente estadual da legenda, professora Dayane Pimentel, oficializou o apoio do partido de Jair Bolsonaro ao pré-candidato ao governo da Bahia, José Ronaldo.
O evento contou com participação de candidatos e militantes do PSL, de todas as regiões do estado, apresentando candidaturas competitivas para as eleições de outubro e aconteceu no auditório do Hotel Ibis em Feira de Santana. Também estiveram presentes o pré-candidato ao governo da Bahia, José Ronaldo, o vice-prefeito de Salvador, Bruno Reis, além da diretoria estadual do PSL.
Para Dayane Pimentel, "pessoas como Bolsonaro e José Ronaldo precisam estar à frente da administração pública porque são família, cristãos, conservadores e fichas limpa. Pretendemos submergir uma nova política. Nós sabemos do trabalho de José Ronaldo. Vamos vencer unidos: o PSL, Jair Bolsonaro e José Ronaldo. Nós estamos aqui porque estamos lutando em cima do que acreditamos. Para trazer as caras novas para a política, porque nossos pré-candidatos não tem mandato, não tem fundo partidário, mas tem disposição, vontade e verdade".
Por vídeo, Jair Bolsonaro parabeniza todos os convencionais do PSL e reafirma o apoio do a José Ronaldo, "acredito que na Bahia tenhamos um governador coligado conosco, deputados federais e estaduais, pra a gente começar a dar esperança para este povo que vem sofrendo há muito tempo no Brasil".
Ao relembrar que foram colegas na Câmara Federal, José Ronaldo destacou a luta de Jair Bolsonaro: "É um cidadão que tem coragem, é determinado, disposto. Para enfrentar um desafio deste, de ser candidato a presidente da república, tem que ser determinado. Nenhum outro grupo político tem um trabalho tão ativo, tão espontâneo, como é o de vocês. O povo que aqui está, tem o mesmo desejo meu que é derrotar o PT desse país e recebo com muito prazer o apoio do PSL à minha candidatura".
O vice-prefeito de Salvador, Bruno Reis, agradeceu pelo convite da professora Dayane Pimentel e relembrou parcerias firmadas com o PSL no passado. "O que nos reuni aqui nesta tarde é o desejo de mudar a Bahia. Fiz questão de vir aqui hoje para abraçar todos vocês convencionais e militantes do PSL. O apoio do PSL vai contribuir significativamente para a vitória que nós queremos construir no dia 7 de outubro com José Ronaldo".
(Com informações de Silvio Tito)

Partido Verde oficializa apoio a José Ronaldo


O Partido Verde (PV-BA) realizou sua Convenção Eleitoral no domingo, 29, no Centro Cultural da Câmara Municipal, em Salvador, e oficializou o apoio a candidatura do ex-prefeito de Feira de Santana, José Ronaldo (Democratas), além das candidaturas proporcionais de deputado federal e estadual. 
A convenção, que contou com a presença do atual ministro do Meio Ambiente e ex-deputado federal baiano, Edson Duarte, além de representantes de mais de 40 representações de diretórios municipais do PV no interior, delegou a Executiva Estadual a definição de coligações proporcionais.
"A presença forte de representantes do interior e dos pré candidatos mostra que mesmo depois de um processo de desconstrução que durou dois anos, em dois meses conseguimos reconstruir o PV e apresentar candidaturas competitivas para retomar mandatos nas casas legislativas", declarou Ivanilson Gomes, presidente do PV e também pré-candidato a deputado federal.
Para Edson Duarte, "a eleição de parlamentares comprometidos com a agenda verde da sustentabilidade é essencial para não permitirmos retrocessos, além de acelerar o pais no caminho do desenvolvimento sustentável".
Entre os candidatos aprovados estão além do ex-secretario da Cidade Sustentável de Salvador e atual presidente do PV baiano Ivanilson Gomes, os ex-deputados federais Edgard Mão Branca e Sergio Carneiro, o conselheiro da OAB Waldir Santos, o forrozeiro Targino Gondin. Para deputado estadual a lista tem nomes como os vereadores de Salvador Sabá, Paulo Magalhães Jr, a vereadora de Serrinha Edylene Ferreira, a advogada Andrea Marques conselheira da OAB.
Participaram ainda do evento o deputado federal e pré-candidato ao Senado Jutahy Júnior (PSDB), o vice-prefeito de Salvador, Bruno Reis (Democratas), entre outros.
(Com informações de Caroline Lina)

sábado, 28 de julho de 2018

Maria Quitéria incluída entre os nomes de mártires baianos no "Livro dos Heróis e Heroínas da Pátria"


Foi publicada na sexta-feira, 27, no "Diário Oficial da União" Lei 13.697/2018, que inscreve no "Livro dos Heróis e Heroínas da Pátria" os nomes de Maria Quitéria de Jesus Medeiros, Sóror Joana Angélica de Jesus, Maria Felipa de Oliveira e João Francisco de Oliveira (João das Botas), mártires da Independência da Bahia, ocorrida em 2 de julho de 1822.
A lei tem origem no Projeto de Lei do Senado (PLS) 535/2011, aprovado em 2015 na Casa e em 2018 na Câmara dos Deputados. A proposta foi uma iniciativa da senadora Lídice da Mata (PSB-BA), do senador licenciado Walter Pinheiro (PT-BA) e do ex-senador João Durval (PDT).
Durante a discussão do projeto na Comissão de Educação, Cultura e Esporte (CE), onde a matéria foi aprovada em caráter terminativo, Lídice da Mata relatou a atuação dos quatro símbolos da saga baiana relativa à luta pela Independência do Brasil no estado. Maria Quitéria, a valente baiana que, travestida de soldado e assim incorporada ao Batalhão dos Periquitos, destacou-se por seu heroísmo em diversas batalhas contra as forças colonialistas. Sóror Joana Angélica foi a freira que ofereceu sua vida à defesa de seu convento e suas monjas do ataque de militares portugueses, que reprimiam e promoviam desordens. Maria Felipa de Oliveira foi a corajosa mulher negra que comandou uma resistência de caráter popular, tão improvisada quanto danosa às tropas e embarcações portuguesas localizadas na Ilha de Itaparica. João das Botas, marinheiro português convertido à causa da  independência, conquistou, como comandante da Flotilha Itaparicana, notáveis feitos bélicos nas águas da Baía de Todos os Santos durante a Guerra de Independência.
O "Livro dos Heróis e Heroínas da Pátria" encontra-se no Panteão da Pátria, na praça dos Três Poderes em Brasília. Quem é inscrito no livro é considerado herói nacional.
Fonte: Agência Senado

Sebrae promove Seminário de Marketing em Feira, Itaberaba e Serrinha


Evento será realizado nos dias 31 de julho, 1º e 2 de agosto

A importância do marketing para conquistar, encantar e surpreender clientes. Este é o tema do II Seminário de Marketing, evento promovido pelo Sebrae em parceria com a TV Subaé. Nesta próxima edição, além de Feira de Santana, o evento será levado para mais dois municípios: Serrinha e Itaberaba. A programação é voltada para potenciais empreendedores e empresários locais que buscam novos caminhos para aumentar suas vendas e resultados.
Feira de Santana é a primeira cidade a receber a programação, no dia 31 de julho, no Ibis Hotel. No dia seguinte, 1º de agosto, Itaberaba recebe o seminário no espaço de eventos Algo Mais Buffet. E fechando a programação, no dia 2, o evento segue para Serrinha, no espaço Palmeira Hall. Em todas as noites, a programação terá início às 19 horas.
Palestrante internacional com MBA em Gestão de Pessoas pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) e especialização em Marketing, Erik Pena (Foto: Divulgação) tem como clientes grandes empresas multinacionais que atuam no Brasil. Em sua apresentação, nas três noites, o especialista irá falar sobre os tópicos: teleatendimento, como oferecer um atendimento de qualidade, encantamento e atendimento, as referências do mercado, e a inovação como diferencial competitivo. Tudo isso através do tema "Atendimento mágico: O modelo Disney de surpreender os clientes".
As inscrições já podem ser feitas na Loja Virtual do Sebrae e o investimento é de R$ 25,00. Para mais informações, os interessados podem ligar para a Central de Relacionamento Sebrae, no telefone 0800 570 0800.
(Com informações de Vivian Rodrigues, da Agência Sebrae de Notícias Bahia)

sexta-feira, 27 de julho de 2018

Aprovada pela Fox venda para Disney por 71 bilhões de dólares


A Twenty-First Century Fox afirmou nesta sexta-feira, 27, que seus acionistas aprovaram a compra de seus ativos de cinema e televisão pela Disney por 71 bilhões de dólares. A aprovação foi dada em assembleia extraordinária realizada em Nova York.
As ações da Fox caíam cerca de 0,3 por cento na tarde desta sexta-feira, enquanto as ações da Disney recuavam 0,8 por cento.
A Disney foi forçada a elevar sua oferta no mês passado  após a Comcast, maior empresa de cabo dos Estados Unidos, oferecer 66 bilhões de dólares pelos programas de TV  bem conhecidos da Fox e franquias de filmes, incluindo "X-Men" e "Os Simpsons".
A disputa entre a Comcast e a Disney faz parte de uma batalha maior no setor de entretenimento, já que as empresas de mídia gastam dezenas de bilhões de dólares em acordos para competir com o Netflix e a Amazon.com.
Na semana passada, a Comcast desistiu dos estúdios de cinema e televisão, redes de TV a cabo e TVs internacionais da Fox.
A oferta da Disney em dinheiro e ações recebeu aprovação dos reguladores dos Estados Unidos. Em acordo com o Departamento de Justiça dos Estados Unidos, a Disney, dona da rede esportiva ESPN, disse que vai se desfazer de 22 das redes esportivas regionais da Fox.

Escritora Nildecy de Miranda Nascimento lança livro


A professora doutora e escritora Nildecy de Miranda Nascimento convidando para a noite de autógrafos e lançamento do seu livro "Luiz Gonzaga: Um Contador do Nordeste do Brasil", neste sábado, 28, às 19 horas, na Cúpula do Som, na Kalilândia.
Após o lançamento, show dançante de forró, animado pela banda Jackson Quarteto.


"Além da Terra Além do Céu": Antologia de Poesia Brasileira Contemporânea


O Grupo Editorial Chiado, através da chancela Chiado Books Brasil, anuncia que se encontra a organizar o III Volume da Antologia de Poesia Brasileira Contemporânea: “Além da Terra Além do Céu”. O lançamento da obra realizar-se-á em outubro de 2018, em São Paulo, com várias posteriores apresentações entre as quais destacam-se as da Bienal do Livro do Rio de Janeiro e Feira do Livro de Lisboa, naquele que será um dos livros de poesia brasileira mais marcantes de 2018/19!
Vai ser editada uma obra que será verdadeiramente representativa do trabalho que os poetas contemporâneos brasileiros estão a realizar, pelo que, a obra irá antologiar mais de 1.000 poetas! A capa da obra, que será composta por três tomos (Foto).
Desta forma, A Chiado está convidando o interessado a enviar um poema para que seja apreciado e possa fazer parte do III Volume da Antologia de Poesia Brasileira Contemporânea: “Além da Terra Além do Céu”.
Para tal preciso que seja enviado, até a próxima segunda-feira, 30, um poema, considerado ser representativo do trabalho de cada autor, com um limite máximo de 30 versos, contando com o intervalo entre linhas. O mesmo deverá ser acompanhado do nome de autor que deseja que figure na obra, bem como a cidade de residência.
Cada autor deverá enviar somente um poema.
O poema e os dados adicionais deverão ser enviados para o e-mail: antologia@chiadobooks.com sendo que deverá estar indicado no campo de assunto: Antologia de Poesia - (Nome do Autor).
Aos autores antologiados não será exigida nem oferecida nenhuma contrapartida para a participação na obra, não serão igualmente ofertados exemplares da mesma.
Lembrar que em 2016, o jornalista e escritor Jorge Magalhães cometeu lançamento de "A República do Mangue", seu romance de estreia, editado em Lisboa pela Chiado Editora. 
(Com informações de Gonçalo Martins, Founder & CEO - CHIADO GRUPO EDITORIAL - Break Media Group)

Expansão da Feira do Livro


Como a origem da cidade em torno de uma feira, a literatura ganha ares de amplitude com a mudança da Feira do Livro - Festival Literário e Cultural de Feira de Santana para a praça Padre Ovídio. O novo espaço inaugura um ciclo de transformação e crescimento, mantendo a essência primordial do projeto: promover o encontro das pessoas com os livros.
Para a 11ª edição do evento, em consonância com o início da nova fase, foi adotada a sigla "Flifs", que apelida a expressão "Feira do Livro de Feira de Santana". Na nova marca, a xilogravura em sua tipografia unida a uma paleta de cores vibrantes dialogam com a atmosfera de encantamento que permeia todo o evento.
Este ano a Feira do Livro, realizada pela Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs), ocorre no período de 25 a 30 de setembro. A programação costuma reunir um público de cerca de 70 mil pessoas e conta com a parceria da Prefeitura Municipal, do Estado da Bahia, da Arquidiocese de Feira de Santana e do Serviço Social do Comércio (Sesc).
(Com informações da Assessoria de Comunicação da Uefs)

1º Concurso de Poesias Princesa do Sertão


Poetas e poetisas estão sendo convidados para participação no 1º Concurso de Poesias Princesa do Sertão, organizado pela Revista Literária Inversos - ISSN 2527-1857 (Feira de Santana-BA), da qual Maroel Bispo é o editor-chefe.
As inscrições são gratuitas e estão abertas desde o dia 18 julho e vão até 18 agosto, podendo  participar estudantes de escolas públicas previamente cadastradas e demais interessados em geral, a depender da categoria. 
Este evento está sendo realizado em homenagem à Independência do Brasil e pela passagem do aniversário da cidade de Feira de Santana.  Acesse o edital e participe! E viva a poesia!
Link:

Inscrição para o Prêmio Prefeito Empreendedor até 25 de agosto

Informações estão disponíveis no site www.prefeitoempreendedor.sebrae.com.br

Gestores municipais interessados em concorrer ao Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor podem fazer a inscrição até o dia 25 de agosto, pelo site www.prefeitoempreendedor.sebrae.com.br. O Prêmio reconhece prefeitos que implantaram projetos com resultados comprovados com foco no desenvolvimento dos pequenos negócios do município. Além do regulamento, no site os prefeitos podem encontrar todas as informações necessárias para participação.
A premiação terá oito categorias este ano: Políticas Públicas para Desenvolvimento de Pequenos Negócios; Cooperação Intermunicipal para o Desenvolvimento Econômico; Compras Governamentais de Pequenos Negócios; Pequenos Negócios no Campo; Inovação e Sustentabilidade; Empreendedorismo na Escola; Desburocratização e Implementação da Redesimples; e Inclusão Produtiva e Apoio ao MEI.
Em sua última edição, o Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor registrou 1,8 mil projetos inscritos em todo o Brasil. O prefeito baiano Jeferson Andrade, do município Madre de Deus, foi o vencedor nacional na categoria Inovação e Sustentabilidade. A conquista, que fez do gestor um dos 12 vencedores na etapa nacional, foi pelo projeto Madre Total, que tem como objetivo a construção de uma plataforma de Gestão Compartilhada, nos pilares da ciência, tecnologia e inovação.
(Com informações de Vivian Rodrigues, da Agência Sebrae de Notícias Bahia)

Convenção estadual do PSL neste próximo domingo em Feira de Santana


A convenção estadual do Partido Social Liberal (PSL) para a apresentação dos seus candidatos para as eleições de outubro será no próximo domingo, 29, em Feira de Santana. O evento vai ocorrer no Íbis Hotel, que fica localizado na avenida Coronel José Pinto, 700, bairro São João. Ao lado do Boulevard Shopping.
A presidente da sigla, professora Dayane Pimentel (na foto de Silvio Tito, com Jair Bolsonaro), informa que o anúncio do candidato a governador que o PSL irá apoiar será feito durante o evento. "Conversamos muito com o pré-candidato do Democratas  José Ronaldo. Sabemos que é o principal nome da oposição na Bahia, mas estamos analisando toda a conjuntura a nível nacional para definirmos nosso apoio de uma forma que favoreça ao nosso candidato a presidente, Jair Bolsonaro. Porém, o anúncio será feito na convenção", informa.
A legenda também só vai anunciar se marcha em alguma coligação proporcional, bem como apoio a algum candidato a senador durante o evento.
(Com informações de Silvio Tito)

Lançamento de livro


quinta-feira, 26 de julho de 2018

ABM e Academia de Medicina da Bahia realizam seminário nesta sexta-feira


A Academia de Medicina da Bahia, com o apoio da Associação Bahiana de Medicina e Conselho Regional de Medicina, promovem nesta sexta-feira, 27, das 8 às 13 horas, no Bahia Othon Palace Hotel, com entrada franca para os interessados, um seminário sobre as "Consequências da Abertura de Novos Cursos de Medicina no Brasil".
"O fato é muito relevante, pois o Brasil é o país com maior número de Escolas de Medicina, superando a Índia e Estados Unidos, países com populações superiores à brasileira. Precisamos saber se estamos diante de uma necessidade ou excesso de cursos de medicina e quais as conseqüências", disse o presidente da ABM Antonio Carlos Viera Lopes - Cadeira 26
Ele diz mais que "merece destaque o fato de que mais de oitenta por cento dos cursos pertencem a empresas particulares, financiadas com dinheiro público. Todavia as escolas públicas estão sucateadas, sem verbas sequer para manutenção dos prédios e investimentos em equipamentos de ensino."
Continua Vieira Lopes: "São desconhecidas as ementas dos cursos, o corpo docente, a qualificação dos professores, as condições de ensino, os campos de práticas e instalações ambulatoriais e hospitalares de ensino. Não se sabe como os egressos serão aproveitados no mercado de trabalho.”
Ele encerra afirmando que "o Brasil formará em breve mais de 60 mil médicos por ano.  Estarão qualificados para o exercício profissional? Haverá programa de residência médica para todos? Essas e outras têm que ser respondidas."
Será elaborada a "Carta da Bahia sobre Escolas Médicas no Brasil" contendo as conclusões do conclave.

(Com informações de Imprensa ABM)

Filmes em Exibição no Orient Cineplace Boulevard


Período até quarta-feira, 1 de agosto

LANÇAMENTO NACIONAL
MISSÃO: IMPOSSÍVEL - EFEITO FALLOUT (Mission: Impossible - Fallout), de Christopher McQuarrie, 2018. Com Tom Cruise, Rebecca Ferguson, Simon Pegg, Alec Baldwin, Henry Cavill e Vanessa Kirby. Ação. Quando uma importante missão não sai como o planejado, o agente secreto Ethan Hun e o time do IMF unem forças em ação numa corrida contra o tempo para acertar as contas com os erros do passado e salvar o mundo de uma ameaça nuclear. Não recomendado para menores de 12 anos. Duração: 147 minutos. Horários: 11 horas (somente no sábado, 28), 14h40 e 17h40, com cópia dublada, e 20h40, com cópia legendada, na Sala 4 (261 lugares); e 21h20, com cópia dublada, na Sala 1 (240 lugares).
CONTINUAÇÕES
HOTEL TRANSILVÂNIA 3: FÉRIAS MONSTRUOSAS (Hotel Transylvania 3: Summer Vacations), de Genndy Tartakovsky, 2018. Animação. Drácula surpreende-se com o presente da querida filha: férias em um cruzeiro. Ele acaba engajado no passeio ao se encantar pela comandante que esconde um segredo nada amigável. Terceira semana. Cópia dublada. Classificação: Livre. Duração: 10h50 (no sábado, 28), 13 horas, 15h05, 17h10 e 19h15. Sala 1.
O HOMEM-FORMIGA E A VESPA (Ant-Man and the Wasp), de Peyton Reed, 2018. Com Paul Rudd, Evangeline Lilly, Michelle Pfeiffer, Hannah John-Kamen, Michael Douglas, Walton Goggins, Laurence Fishburne e Michael Peña. Ação, aventura e ficção científica. Enquanto Scott Lang tenta equilibrar a vida de herói e as responsabilidades de ser pai, Hope van Dyne e Dr. Hank Pym vão atrás dele para cumprir uma nova missão. Ao lado da Vespa, ele terá que vestir seu traje de Homem-Formiga mais uma vez para lutar contra a vilã Fantasma e tentar salva a Vespa original do Reino Quântico. Quarta semana. Cópia dublada. Não recomendado para menores de 12 anos. Duração: 118 minutos. Horário: 13h10. Sala 2 (158 lugares).
ARRANHA-CÉU: CORAGEM SEM LIMITE (Skyscraper), de Rawson Marshall Thurber, 2018. Com Dwayne Johnson, Neve Campbell, Chin Han e Habbah Quilivan. Drama de ação. Will Ford, responsável pela segurança de arranha-céus, além de ser veterano de guerra e ex-líder da operação de resgate do FBI, é acusado de ter colocado o edifício mais alto e mais seguro da China em chamas. Agora, ele iniciará uma jornada para limpar o seu nome e salvar sua família que está presa dentro do prédio. Cópia dublada. Terceira semana. Não recomendado para menores de 12 anos. Duração: 103 minutos. Horários: 15h40, na Sala 2; e 21h30, na Sala 3 (165 lugares).
UMA QUASE DUPLA, de Marcus Baldini, 2018. Com Tatá Werneck, Cauã Reymond, Louise Cardoso. Comédia. Keyla e Claudio precisam unir forças para encontrar um assassino em série que está amedrontando os moradores de Joinlândia. Segunda semana. Não recomendado para menores de 12 anos. Duração: 90 minutos. Horários: 17h50, 19h45 e 21h40. Sala 2.

OS INCRÍVEIS 2 (Incredibles 2), de Brad Bird. 2018. Animação. Helen é chamada para voltar a lutar contra o crime como a super-heroína Mulher-Elástica, e seu marido, Bob, terá que cuidar das crianças, especialmente o bebê Zezé. O que ele não esperava era que o caçula também tivesse superpoderes, que surgem sem qualquer controle. Quinta semana. Cópia dublada. Classificação: Livre. Duração:127 minutos. Horários: 11 horas (no sábado, 28), 13h40, 16h10 e 18h50. Sala 3.
ENDEREÇO E TELEFONE
Orient Cineplace Boulevard - Multiplex do Boulevard Shopping, telefax 3225-3185 e telefone 3610-1515 para saber informações sobre programas e horários.
(Com informações do Departamento de Marketing de Orient Cinemas)