*

*

segunda-feira, 7 de agosto de 2017

"Dunkirk": obra-prima a respeito de sobrevivência



A Segunda Guerra Mundial é a fonte de "Dunkirk", de Christopher Nolan, em cartaz no Orient Cineplace Boulevard, um drama  angustiante. Sobrevivência é o tema principal do filme. Também a fragilidade humana, o medo. A aflição vem a partir de que nunca se vê o inimigo - no caso, os nazistas. 
No início, apenas se ouvem tiros e soldados aliados caindo abatidos na rua. Do grupo, apenas um sobrevive e se junta a milhares de soldados acuados na praia. É o foco na terra. 
Outros dois pontos de vista da narrativa são colocados. O do mar - civis com um barco para ajudar na retirada - e o do ar - um piloto que abate aviões inimigos. O foco na terra dura uma semana, no barco de resgate dura um dia e no caça o tempo de uma hora.
"Dunkirk" é baseado na história da Operação Dínamo, ocorrida entre maio e junho de 1940, que resgatou centenas de milhares de homens da cidade francesa, durante a Segunda Guerra Mundial. A operação envolvia a retirada da Força Expedicionária Britânica e de outras tropas aliadas do porto de Dunkirk, cercado pelas forças nazistas, que naquele começo de guerra já invadia os Países Baixos e o Norte da França. Enquanto a liderança do exército inglês calculava que apenas 25% dos homens conseguiriam sair do cerco, a operação conseguiu tirar a salvo de Dunkirk mais de 330 mil homens das forças da França, do Reino Unido, da Bélgica e da Holanda.
Concordo com a classificação de obra-prima dada para "Dunkirk" por grande parte da crítica mundial.
Corram para assistir. Trata-se de um filme que respeita a História. É provável que somente fique em cartaz até esta quarta-feira, 9, sessões às 13h40 e 18h30, com cópia dublada, e às 20h50, com cópia legendada. 

Um comentário:

Jorge Nunes disse...

Quando um filme tem produção, direção e elenco predominantemente ingleses,quase sempre dá bom resultado e, frequentemente, geram obras-primas como Dunkirk!