domingo, 23 de julho de 2017

"Para Janot, Lula lidera uma organização criminosa"



O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, tem sido citado como "simpatizante do PT" e de outros segmentos da esquerda, mas a verdade é que ao denunciar Lula e Dilma ao Supremo Tribunal Federal, em maio de 2016, ele foi tão duro como contra qualquer outro acusado. Para Janot, seria impossível a organização criminosa atuar por tanto tempo no governo "sem que o ex-presidente Lula dela participasse".
Roubo agressivo
Na ocasião, Janot classificou de "ampla e agressiva" a atuação do grupo liderado por Lula no assalto aos cofres públicos federais.
Muito parecido
O Instituto Lula reagiu à denúncia de Janot com uma de suas respostas padrão: "Apenas suposições e hipóteses sem qualquer valor de prova".
Coisas da juventude
Amigos dizem que, quando jovem, Janot era fã do ex-deputado e ex-presidente do PT José Genoino, condenado à prisão no mensalão.
Lula, o milionário
Se Lula não tivesse usado o salário de presidente (R$ 30,9 mil) para pagar nada, nem mesmo imposto de renda, em 8 anos embolsou R$ 3,2 milhões. Daí o mistério sobre a origem dos R$9,6 milhões encontrados em contas do ricaço petista. A força-tarefa da Lava Jato investiga.
Quando secou a fonte
O Instituto Lula contabiliza 72 palestras do petista desde 2011. Em 2015, com a Lava Jato bombando, fez apenas três. É que o principal "contratante", Marcelo Odebrecht, havia sido preso.
Fonte: Cláudio Humberto

sábado, 22 de julho de 2017

"País economizaria R$ 1,4 bi reduzindo o Congresso"



Apoiada por mais de 99% dos entrevistados no portal E-Cidadania, do Senado, a PEC 106/15, que reduz número de senadores de 81 para 54 e de deputados de 513 para 386, geraria economia de R$ 1,44 bilhão a cada quatro anos de mandato. A montanha de dinheiro é o custo atual dos salários, benefícios e regalias como carro com motorista dos 127 deputados e 27 senadores, além das centenas de aspones incluídos.
Erário agradece
A economia anual com o corte dos parlamentares proposto na PEC 106/15 é de R$ 298 milhões na Câmara e R$ 63,3 milhões no Senado.
'Pequena empresa'
Cada deputado pode contratar até 25 secretários parlamentares com a verba de gabinete de R$ 97 mil. Os salários vão de R$ 845 a R$ 12.940.
Cota parlamentar
Para não usar o salário de R$ 33,7 mil, as excelências têm até R$ 45 mil mensais para gastar livremente. Tudo reembolsado com o seu dinheiro.
Mais é mais
Com 120 milhões de habitantes a mais que o Brasil, os Estados Unidos têm 78 deputados federais a menos. E só tem 19 senadores a mais porque lá são 50 Estados, quase o dobro dos 27 do Brasil.
Fonte: Cláudio Humberto

sexta-feira, 21 de julho de 2017

Museu da Segunda Guerra Mundial: um obelisco arquitetônico contra o esquecimento



A Polônia tem um novo museu dedicado à Segunda Guerra Mundial: o II World War Museum. A sua abertura foi um esmagador sucesso, como novo ícone arquitetônico da cidade costeira de Gdansk, onde a guerra eclodiu oficialmente.
Com projeto do Studio Architektoniczne Kwadrat, dispõe de 23.000m2 de área total, dos quais 5.000m2 correspondem à zona de exposição permanente e uns outros 1.000m2 para exposições temporárias. De arquitetura minimalista, o design e as cores escolhidas pelos autores fundem-se na perfeição com o ambiente histórico da cidade. A singularidade é demonstrada através de uma proposta de exposição submersa. O museu é dividido em três áreas, simbolizando a relação entre o passado, o presente e o futuro: o passado que permanece oculto nos andares subterrâneos do museu, o presente que surge nos espaços abertos em redor do edifício e o futuro que se expressa através de um grande obelisco que emerge, como símbolo da catástrofe e da esperança dos sobreviventes. Sem dúvida, um projeto notável que perdurará no tempo.

Desafio do projeto
O auditório do Museu apresenta-se com um ar solene. É uma sala circular, com capacidade para 300 pessoas, revestida de madeira. Projetada para múltiplos usos, foi dividida em três zonas de assentos, dispostos em linhas curvas de ângulo aberto. A distribuição dos assentos teria que estar em conformidade com as normas de segurança da Polônia. As filas possuem um grande espaço de 1.200mm entre si, proporcionando assim grande conforto aos espectadores. As duas primeiras filas incluem também mesas rebatíveis, embora a zona de passagem continue a ser a adequada, considerando o espaço reduzido que a mesa rebatida ocupa. A nível estético, a poltrona tinha que adequar-se ao espaço, com linhas sóbrias e elegantes e um elevado nível de conforto.
Modelo utilizado
O auditório do museu foi equipado com 300 poltronas modelo 6036 Flex da Figueras, de grande conforto e mínimo volume, com retorno automático dos apoios de braço, que uma vez rebatidos ocupam apenas 47cm. Além disso, foram incorporadas mesas F48 nas duas primeiras filas de assentos, um modelo retrátil para utilização em conferências e congressos.
O museu conta também com uma sala especificamente dedicada a apresentações, que foi equipada com 115 poltronas do modelo 8136 Megaseat da Figueras. Este assento ergonómico, de dimensões generosas, é especialmente concebido para espaços cinematográficos. Não só apresenta elevada resistência ao uso intensivo, como é também muito confortável, permitindo uma visualização em condições ideais.

Enviado por Figueras International Seating

Erro técnico no viaduto

Chega a informação que o Governo do Estado está sem poder inaugurar o viaduto que liga a avenida Nóide Cerqueira à BR-324. 
É que a concessionária Via Bahia não quer receber a obra, que está com um erro técnico - o viaduto não tem pista de aceleração quando chega na rodovia. 

"Memórias" dos 50 anos da Residência do Universitário Feirense

No primeiro dia de setembro, uma sexta-feira, a realização de encontro comemorativo pelos 50 anos da Residência do Universitário Feirense (RUF), constando de sessão especial - solicitada pelo vereador Roberto Tourinho - na Câmara Municipal, às 19h30, seguida de lançamento da publicação "Memórias" pela Fundação Senhor dos Passos, através do Núcleo de Preservação da Memória Feirense, no Casarão Froes da Motta.
A RUF foi inaugurada em Salvador, em 1967, em imóvel nos Barris. Foi uma ação do então prefeito João Durval Carneiro, atendendo solicitação da entidade, então liderada por José Pires Caldas.

Exposição "Mundo Jurássico" continua

Últimos dias para os feirenses que querem voltar no tempo e se encantar com o fantástico mundo dos dinossauros. A exposição "Mundo Jurássico", sucesso absoluto de público no Boulevard Shopping, segue em cartaz até o dia 30 de julho, com cenários pré-históricos e réplicas em tamanho natural dos dinossauros. E para ninguém ficar de fora da exposição, que tem entrada franca, o Shopping terá horários especiais de funcionamento nos últimos dois sábados do mês. Nos dias 23 e 30 de julho, as lojas e a Praça de Alimentação Olney São Paulo funcionarão das 12 às 21 horas.
Tendo percorrido mais de 25 cidades em 20 estados brasileiros, a mostra Mundo Jurássico mistura a diversão de um parque temático com uma visita educativa e um momento de entretenimento. No Boulevard, a visitação é aberta ao público e visitas de grupos escolares também podem ser agendadas.
A exposição resgata a idade jurássica com réplicas robóticas que imitam sons e movimentos dos dinossauros, além de contar com uma cenografia construída por museólogos, cenógrafos e arquitetos. Entre os dinossauros expostos, os destaques ficam por conta do Tiranossauro Rex - um dos maiores carnívoros terrestres já encontrados - com 13 metros de comprimento e 5 metros de altura, e o Espinossauro, estrela do filme Jurassic Park 3.
O acervo conta ainda com reproduções do Braquiossauro, do Maiassauro, do Pterossauro, do Estiracossauro, do Anquilossauro, entre outros. Completando as atrações da exposição, ainda haverá exibições de vídeos, simulação de escavações e área interativa.
(Com informações da ComunicAtiva Agência de Comunicação)

"Lava Jato investiga origem da fortuna de Lula"

A descoberta de R$9,6 milhões em contas correntes e investimentos do ex-presidente Lula deixou intrigada a força-tarefa da Lava Jato, que investiga o mistério de como o ex-metalúrgico, condenado por corrupção, acumulou tanto dinheiro. Ao ver bloqueados pela Justiça recursos e bens, Lula se queixou de que a "subsistência" de sua família estaria prejudicada. Pelo visto, para ele, dinheiro nunca foi problema.
Conta outra, malandro
Interrogado na polícia, Lula disse cobrar US$ 200 mil por "palestra", mas ninguém acreditou. Tampouco ele apresentou comprovantes.
Lula não é Clinton
Desde 2015 Lula não faz palestras, para as quais disse cobrar o dobro de Bill Clinton. O ex-presidente dos EUA continua a fazê-las.
Cheque em branco
Emílio Odebrecht revelou que pagava "honorários" a Lula, além de jatinhos, hotéis de luxo etc, para criar "imagem adicional" na África.
Pensando bem...
...deve ser comum entre ex-metalúrgicos, como Lula, juntar pé-de-meia de R$9 milhões...

Fonte: Claudio Humberto

Balaio Político

Feriado municipal
Na próxima quarta-feira, 26, dia de Senhora Santana, padroeira do lugar, é feriado municipal. Trata-se do quarto e último do ano, nessa classificação. Os demais foram Sexta-Feira da Paixão, 14 de abril; Corpus Christi, 5 de junho; e São João, 24 de junho.
Democratas
O prefeito de Salvador ACM Neto (Democratas) continua se movimentando para fortalecer o partido nacionalmente. "Estamos no centro das conversas sobre o futuro do país", considera. Ele conta que tem conversado com deputados federais de outras siglas com o objetivo de fortalecimento do Democratas.
Denominação
Parque José da Costa Falcão. Desde o dia 14 deste mês, esta é a denominação oficial da área conhecida como Lagoa Grande, às margens da avenida Eduardo Fróes da Motta, no Contorno. É que o prefeito José Ronaldo de Carvalho sancionou projeto de lei do vereador Roberto Tourinho, aprovado pela Câmara Municipal. 
Maquiavel
Em "O Príncipe", escrito em 1512, Nicolau Maquiavel afirma que o rei deveria ter a astúcia da raposa e a coragem do leão e ser dissimulado, se a segurança do Estado exigisse.
Maquiavel II
O livro foi escrito em oferenda ao duque Lorenzo II de Médici. Nele, o autor descreve as maneiras de conduzir-se nos negócios públicos internos e externos, debatendo o que é principado, que tipos de príncipes existem, como são conquistados, mantidos, e como se perdem.
Quando setembro vier
O filme "Polícia Federal: A Lei É Para Todo", de Marcelo Antunez, tem lançamento nos cinemas brasileiros marcado para o dia 7 de setembro.
O drama conta a saga da maior e mais bem-sucedida ação de combate à corrupção da história do país - a Operação Lava Jato.
Quando setembro vier II
O filme revela os esforços para desvendar o esquema de lavagem de dinheiro e pagamento de propinas a executivos da Petrobras, empreiteiras, partidos políticos e parlamentares. O thriller mostra ainda o papel decisivo da Justiça para que a investigação não fosse destruída pelas forças políticas envolvidas.
Pensamento
"Pode-se enganar algumas pessoas todo o tempo; pode-se enganar todas as pessoas algum tempo; mas não se pode enganar todas as pessoas todo o tempo!" - Do 16 presidente dos Estados Unidos Abraham Lincoln (12.02.1809-15.04.1865).
Coluna publicada na edição desta sexta-feira, 21, do jornal "NoiteDia"

E como ficariam os lulopetistas em Feira de Santana?

Por Joilton Freitas
Os lulopetista de Feira de Santana vivem falando mal de José Ronaldo. Mas o partido tenta, através de seus partidos satélites, cooptar o prefeito para a chapa de Rui Costa visando às eleições de 2018. 
E por que isso acontece? Simples: para fortalecer a candidatura à reeleição do governador. 
O Palácio de Ondina sabe que a eleição será difícil. Sabe que precisa impor baixa nas fileiras da oposição. Rui Costa tem uma boa avaliação junto aos baianos. 
Mas sabe que isso é muito pouco para se manter à frente como mandatário maior do Estado. 
A derrocada do partido em nível nacional, com a sua maior estrela, o ex-presidente Lula, bastante avariada, as contas para chegar, não fecham. 
É óbvio, que até a eleição tem muita coisa para acontecer e em política, um ano pode ser uma eternidade. Rui sabe que precisa se fortalecer no interior, onde reside a maioria do seu eleitorado ou do PT, devido ao programa Bolsa Família. 
O candidato do Democratas, ACM Neto, tem aparecido bem na região metropolitana. Conta com o apoio do PSDB e PMDB. Isso para ficarmos nos grandes, que têm densidade junto ao eleitorado e tempo de TV e rádio. 
A possível migração de Ronaldo para a base petista é de uma engenharia muito grande e traumática. 
O prefeito sempre foi fiel a sua linha política ideológica. Ronaldo sabe que não se faz política sozinho. Lidera uma grupo que lhe acompanha com uma fidelidade canina. Conseguiu trazer para o seu grupo aliados de peso: Colbert  Martins, Sérgio Carneiro e até o apoio de João Durval, que mesmo com uma idade avançada, é um político que tem muito carisma e eleitores no sertão. 
Portanto, Ronaldo consegui aglutinar em torno de si uma coisa que político mais precisa: apoios! Pelo seu perfil de aglutinador, ele se fortaleceu nos últimos anos. Assim, se tornou uma peça importante no xadrez político do Estado. 
Diante disso, acredito que ele continuará onde sempre esteve. Ele não é dado a movimentos bruscos. Não é um político sonhador. Tem pé no chão e sabe para onde os ventos sopram. A não ser que os ventos mudem. Nesse caso, tudo pode acontecer. 
Sim, e como ficariam os lulopetistas, em Feira, que o tem como inimigo mortal?
Joilton Freitas é radialista
Fonte: Facebook

Feira de Santana no roteiro de Lula

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva passará pela Bahia na Caravana pelo Nordeste que o líder petista fará no próximo mês de agosto. 
A incursão de Lula pela região começará no dia 17, por Salvador. Segundo informações, além da capital, Lula passará por São Francisco do Conde, Feira de Santana e Cruz das Almas. 
O ex-presidente, condenado a nove anos e seis meses de prisão na Operação Lava Jato, vai percorrer o Nordeste de ônibus durante 20 dias.

quinta-feira, 20 de julho de 2017

"Frescuras" entre Psol e PT

Após Lula escrever em seu Twitter: "Eu quero que o Psol governe alguma coisa que a frescura com o PT vai acabar", membros do Psol resolveram publicar uma lista em que mandam um recado para Lula e seu partido.
O deputado federal Chico Alencar publicou, junto à 'lista de frescuras': "Porém, utópico (ou frescura pra alguns) não é sonhar com um país justo e democrático de fato. Utópico é acreditar que com o PMDB é possível mudar alguma coisa neste país, por exemplo. Nosso maior aliado para chegar ao poder é o povo e suas lutas!".
Na imagem acima a resposta do Psol ao PT as 13 #FRESCURASDOPSOL

Seis obras-primas da Nouvelle Vague



Assista ao trailer
A Versátil Home Vídeo apresenta "Nouvelle Vague", digistack com três DVDs que reúne seis obras-primas do movimento cinematográfico francês dirigidas por mestres como Alain Resnais, François Truffaut e Jean-Luc Godard. São quase uma hora e meia de extras, incluindo documentários e entrevistas.
DISCO 1
"O Ano Passado em Marienbad" (L'Année Dernière à Marienbad), de Alain Resnais, 1961. Com Delphine Seyrig, Giorgio Albertazzi e Sacha Pitoeff.
Em um hotel, um homem tenta convencer uma mulher casada a fugir com ele. Mas ela não consegue se lembrar do caso que os dois tiveram no ano anterior. Leão de Ouro em Veneza, a obra máxima de Resnais é apresentada em inédita versão restaurada.
"Os Libertinos" (Les Dragueurs), de Jean-Pierre Mocky, 1959. Com Jacques Charrier, Charles Aznavour e Anouk Aimée.
As aventuras e desventuras de dois jovens, um tímido e outro conquistador, que caçam  mulheres na noite parisiense. Estreia na direção do prolífico Jean-Pierre Mocky, essa crônica sobre a juventude traz um frescor de realização invejável.
DISCO 2
"Um Só Pecado" (La Peau Douce), de François Truffaut, 1964. Com Jean Desailly e Françoise Dorléac.
Numa viagem a Lisboa, conhecido editor torna-se amante de uma bela aeromoça. Ele é casado e vive seu romance até o dia em que sua mulher descobre tudo. Influenciado por Hitchcock, Truffaut realizou uma obra-prima que só cresce com o tempo.
"Bando à Parte" (Bande à Part), de Jean-Luc Godard, 1964. Com Anna Karina, Sami Frey e Claude Brasseur.
Dois amigos trapaceiros convencem uma estudante a ajudá-los em um roubo. Talvez a obra mais acessível de Godard, "Bando à Parte" é uma vibrante homenagem ao filme B hollywoodiano, além de trazer uma interpretação icônica da musa Anna Karina.
DISCO 3
"A Baía dos Anjos" (La Baie des Anges), de Jacques Demy, 1963. Com Jeanne Moreau, Claude Mann e Henry Nassiet.
Jean chega a Nice. Começa a se interessar pelo jogo e encontra no cassino uma jogadora, Jackie. Os dois se apaixonam e se afundam na jogatina. Dialogando com "O Jogador", de Dostoiévski, Demy fez um fascinante filme sobre o amor e o vício.
"Paris nos Pertence" (Paris nous Appartient), de Jacques Rivette, 1960. Com Betty Schneider, Giani Esposito e Françoise Prévost.
Jovem estudante encontra por acaso um grupo teatral que ensaia exaustivamente a peça "Péricles", de Shakespeare. Um dos filmes mais emblemáticos da Nouvelle Vague e uma das obras-primas do genial Jacques Rivette ("A Bela Intrigante").
Extras: No Labirinto de Marienbad (33 minutos), Trailers (18 minutos), Entrevista de Jean-Pierre Mocky (cinco minutos), Depoimento de" (12 minutos), Entrevista de François Truffaut (11 minutos)

Por causa do Fluminense de Feira



Feira de Santana foi notícias no jornal "Diário da Noite", do Rio de Janeiro, em 1960, por causa do Fluminense. 
O jogador Fontoura - Eunivaldo Mello Fontoura -, motivo da reportagem, foi campeão pelo América, em 1960, do então Estado da Guanabara. A final foi contra o Fluminense e o placar foi 2 a 1, de virada. Fontoura também jogou no Bahia e Vitória e foi técnico do Conquista, de Vitória da Conquista. Faleceu em 8 de abril de 2011.
O jornal carioca foi fundado por Assis Chateaubriand, em 1929. Era um dos Diários Associados. Chegou a ter uma tiragem de 200 mil exemplares. Durou até 1964.
Fonte: Dazio Brasileiro

"Justin Trudeau: 'evangélicos são a pior parte da sociedade canadense"'


Assista ao vídeo
Canadian Times

Comentário de Paula Félix:
"Negros são a pior parte da sociedade canadense."
"Gays são a pior parte da sociedade canadense."
"Índios são a pior parte da sociedade canadense."
"Mulheres são a pior parte da sociedade canadense."
"Deficientes físicos e mentais são a pior parte da sociedade canadense."
"Muçulmanos são a pior parte da sociedade canadense."

Alguém avalia o escândalo que seria um primeiro-ministro dizer qualquer das frases acima?
Alguém imagina que ele o dissesse e a imprensa, os sindicatos, os artistas, as autoridades religiosa e civis ficassem calados?
Porém, Justin Trudeau disse "cristãos são a pior parte da sociedade canadense", e não apenas continua no cargo como sequer causou polêmica.(N. do E.: Valendo destacar que, apesar de importante e lamentável, a declaração anticristã de Trudeau não é recente: foi noticiada pelo Canadian Times em outubro de 2015.  Após tal afirmação, o primeiro-ministro canadense encheu o país de imigrantes islâmicos.)
Jason Long, do Debate Post:
O primeiro-ministro do Canadá, Justin Trudeau, trouxe mais de 30 mil refugiados para o Canadá durante os últimos 18 meses, principalmente refugiados que fugiram de países devastados pela guerra como a Síria.
A maioria desses refugiados eram muçulmanos, e alguns relatórios apontam que 99% dos refugiados que vieram para o Canadá eram muçulmanos.
Por que Trudeau não trouxe refugiados cristãos ou judeus para o Canadá que fugiram de estupros, espancamentos e muitos outros sofrimentos?  Trudeau parece odiar os cristãos, ele diz: "Os cristãos evangélicos são a pior parte da sociedade canadense". (N. do E.: após tal declaração, não apenas "parece".)
Fonte: "Mídia Sem Máscara"

Juiz Sérgio Moro marca mais um interrogatório de Lula

O juiz Sérgio Moro marcou para o dia 13 de setembro o interrogatório do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva no processo da Operação Lava Jato que analisa suspeitas em relação a um terreno e um apartamento em São Bernardo do Campo, São Paulo. Este processo tramita na Justiça Federal em Curitiba, entretanto, o juiz recomendou que a oitiva ocorra via videoconferência com a Justiça Federal de São Paulo. A defesa do ex-presidente precisa se manifestar em cinco dias.
Nesta ação penal, o Ministério Público Federal acusa o ex-presidente de receber como propina um terreno onde seria construída a nova sede do Instituto Lula e um imóvel vizinho ao apartamento do petista.
De acordo com a força-tarefa da Lava Jato, esses imóveis foram comprados pela Odebrecht em troca de contratos adquiridos pela empresa na Petrobras. O valor da propina, segundo os procuradores, se aproxima dos R$ 13 milhões. O ex-presidente responde pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro.
Este será o segundo interrogatório de Lula em ação da Lava Jato que tramita no Paraná. No primeiro, referente ao triplex em Guarujá, ele foi condenado a 9 anos e seis meses por corrupção passiva e lavagem de dinheiro. Ele pode recorrer da sentença em liberdade.

Fonte: G1

"Melhor assim"

Por J. R. Guzzo
Eis aí, enfim, o ex-presidente Lula condenado a nove anos e tanto de cadeia por corrupção pela Justiça Penal do Brasil. Está colhendo o que plantou. Depois de arruinar a própria biografia, desmanchar com a sua conduta os mitos que criou em torno de si e aparecer na frente do país inteiro como a pessoa que realmente é, igual ao rei nu do conto para crianças, Lula tem agora uma selva escura pela frente. Constata, chocado, que realmente não está acima da lei, como no fundo sempre acreditou que estivesse. Ele sabia, naturalmente, que as coisas tinham ficado feias desde o início das investigações da Operação Lava Jato. É claro que também sabe exatamente o que fez, e sabe disso melhor do que ninguém. Ainda assim, confiante na força do Brasil Velho que abraçou de corpo e alma, esse Brasil onde quem manda não paga, achou que jamais poderia ser enfrentado por um "juizinho" do interior do Paraná, formado na Universidade de Direito de Maringá e desconhecido das bancas milionárias de advogados do circuito Brasília-São Paulo-Rio de Janeiro. Sérgio quem? Sérgio Moro? Quem é esse cara para mexer com o maior presidente que o Brasil e o mundo já viram? Quando o oceano de corrupção em seus dois governos começou a vazar, Lula tinha certeza de que era capaz de andar sobre a água, como Jesus Cristo - só que conseguia andar melhor que ele. Com o tempo, foi vendo que não era bem assim. Depois viu que não era nada assim. Acabou virando, em 12 de julho de 2017, o primeiro presidente da história do Brasil a ser condenado por violar o Código Penal.
Em nenhum momento, desde o primeiro dia de seus problemas com a Justiça Criminal, Lula preocupou-se em apresentar uma defesa baseada em argumentação jurídica, como faz qualquer réu acusado de um crime. Declarou, logo de cara, que era um "perseguido político". Achou que podia resolver o seu problema fazendo acusações contra o juiz, os promotores e o sistema judiciário em geral, como se os réus fossem eles. Não respondeu a nenhuma das acusações que recebeu - não com algum fato concreto ou verificável. Imaginou que "tribunais internacionais", por algum milagre legal, iriam substituir Sérgio Moro e absolvê-lo dos crimes pelos quais acabou condenado - e muita gente boa levou essa palhaçada perfeitamente a sério. Seus advogados desrespeitaram abertamente o juízo e tentaram o tempo todo tumultuar o andamento do processo com chicanas, provocações e muitas das piores práticas da profissão legal. Acostumado a meter medo em tucanos, que vivem em pânico de contrariá-lo, Lula levou um susto quando ficou cara a cara com Moro e descobriu que não havia a menor possibilidade de assustar o moço de 44 anos que o interrogava; chegou ao fim da audiência em estado de desmanche. Pensou, também, que os exércitos do MST, da CUT, dos sem-teto etc. iriam encher as ruas com multidões em sua defesa; não aconteceu nada. Cansou de repetir que só estava sendo processado porque "eles não querem que eu ganhe as eleições de 2018". Eles quem? Não colou. Finalmente, deu o assunto por resolvido de uma vez declarando que tinha "provado" a sua "inocência". Convenceu o PT e os militantes, mas não convenceu quem realmente precisava ser convencido - o juiz.
O Brasil fica melhor com a condenação de Lula. Sempre é problemático dizer que alguma coisa melhorou quando se vê o espetáculo deprimente oferecido todos os dias por uma porção tão grande da máquina judicial brasileira - ou com a impunidade que continua a beneficiar tantos criminosos com poder e dinheiro. O que dizer de um país em que o procurador-geral da República, com o apoio do Supremo Tribunal Federal e de maneira até agora inexplicável, presenteia com o perdão perpétuo um criminoso bilionário que confessa mais de 200 crimes - uma aberração que não tem paralelo em nenhuma sociedade civilizada? Algo está errado quando o ex­-presidente toma mais de nove anos de prisão no lombo e os Joesley desse país recebem medalhas de honra ao mérito. Mas é fato que o Brasil, desde a sentença, ficou mais longe da Venezuela. Na véspera, o país sonhado por Lula e pelo PT apareceu com a sua verdadeira cara, mais uma vez, quando um amontoado de senadoras rasgou as leis em vigor e quis proibir, com um ato de selvageria, que o Senado votasse a reforma trabalhista. Perderam, porque a sua disposição revolucionária durou apenas seis horas, o tempo de validade de uma quentinha. Elas e outros tantos continuarão, é claro, tentando virar a mesa depois da condenação do chefe - mas seu projeto, agora, vai dar mais trabalho do que gostariam.
Fonte: http://veja.abril.com.br

"No muro, Psol e Rede viram 'tucanos da esquerda'"

Uma semana após a condenação do ex-presidente Lula a 9 anos e 6 meses de cadeia por corrupção e etc, os deputados Chico Alencar (RJ) e Ivan Valente (SP), do Psol, e Alessandro Molon (RJ) e Randolfe Rodrigues (AP), da Rede, em geral falantes, até hoje não comentaram a decisão do juiz Sérgio Moro. Em cima do muro, esses partidos têm sido ironicamente chamados no Congresso de "tucanos da esquerda".
Fugindo de fato
Os deputados calaram sobre a condenação de Lula por ladroagem, os partidos emitiram notas e só a Rede apoiou a sentença de Sergio Moro.
Puxadinho petista
Fazendo jus ao epíteto de "puxadinho do PT", o Psol acusou Moro de "perseguição" e "arbitrariedades", em nota apenas na pessoa jurídica.
Boca de siri
Ex-Psol e hoje na Rede, o falante senador Randolfe Rodrigues (AP) foi procurado para comentar a condenação de Lula, mas ficou mudo.
Fonte: Cláudio Humberto


Morre ator Red West

Red West (à direita) ao lado de Elvis Presley em "Amor à Toda Velocidade"
Fotos: IMDb

Faleceu na terça-feira, 18, aos 81 anos, Robert "Red" Gene West. Ele era amigo de Elvis Presley (1935-1977). Tornou-se motorista pessoal do "Rei do Rock" e também um dos seus guarda-costas. Além de se tornar dublê de cinema, ele apareceu em 17 dos filmes de Elvis nos anos 1960. Um homem de muitos talentos, Red West tornou-se compositor de músicas que Elvis além de Pat Boone, Ricky Nelson e Johnny Rivers gravaram.
Filmografia ao lado de Elvis Presley
Outros filmes


quarta-feira, 19 de julho de 2017

Filmes em Exibição no Orient Cineplace Boulevard



Semana até 26 de julho de 2017
LANÇAMENTOS NACIONAIS
TRANSFORMERS: O ÚLTIMO CAVALEIRO (Transformers: The Last Knight), de Michael Bay, 2017. Com Mark Wahlberg, Isabela Moner, Laura Haddock, Josh Duhamel e Anthony Hopkins. Ação, aventura e ficção-científica. O gigante Optimus Prime embarcou em uma das missões mais difíceis de sua vida: encontrar, no espaço sideral, os Quintessons, seres que são os responsáveis pela criação da raça Transformers. O problema é que, enquanto isso, seus amigos estão precisando de ajuda na Terra, já que uma nova ameaça alienígena resolveu destruir toda a humanidade. Duração: 149 minutos. Não recomendável para menores de 12 anos. Horários: 15h10, 18 horas, com cópia dublada, e 21h10, com cópia legendada. Sala 1 (240 lugares).
DETETIVES DO PRÉDIO AZUL, de André Pellenz, 2017. Com Letícia Braga, André Lima, Pedro Henrique Motta e Tâmara Taxman. Infantil. Pippo, Sol e Bento são crianças detetives confrontadas com o maior caso de suas vidas: salvar o próprio edifício da destruição. Duração: 90 minutos. Horários: 13 horas, 17h20, 19h20 e 21h20. Classificação: Livre. Sala 2 (158 lugares)
CONTINUAÇÕES
CARROS 3 (Cars 3), de Brian Fee, 2017. Animação. Durante mais uma disputa eletrizante nas pistas, o campeão Relâmpago McQueen acelerou demais e acabou perdendo o controle. O acidente foi tão grave que, com os estragos, McQueen pode ter que se aposentar de vez. Em segunda semana. Cópia dublada. Classificação: Livre. Duração: 108 minutos. Horários: 15 horas, na Sala 2; e 13 horas e 19h10 na Sala 3 (165 lugares).
MEU MALVADO FAVORITO 3 (Displicate Me 3), de Pierre Coffin e Kyle Balda, 2017. Animação. O ex-ator mirim e astro de TV, Balthazar Bratt, foi um típico malvado bem-sucedido nos anos 80 e agora está de volta à ativa. Ele vai aterrorizar a vida de Gru, Agnes, Margo, Edith, Dr. Nefario e os atrapalhados Minions. Em meio a tudo isso, Gru também vai encontrar o seu irmão gêmeo, Drew. Em quarta semana. Cópia dublada. Duração: 89 minutos. Classificação: Livre. Horários: 15h15 e 17h10, na Sala 3; e 13h30, na Sala 4 (261 lugares).
MULHER MARAVILHA (Wonder Woman), de Patty Jenkins, 2017. Com Gal Godot e Chris Pine. Ação, aventura, fantasia e ficção-científica. Treinada desde cedo para ser uma guerreira imbatível, Diana Prince nunca saiu da paradisíaca ilha em que é reconhecida como princesa das Amazonas. Quando o piloto Steve Trevor se acidenta e cai numa praia do local, ela descobr e que uma guerra sem precedentes está se espalhando pelo mundo e decide deixar seu lar certa de que pode parar o conflito. Lutando para acabar com todas as lutas, Diana percebe o alcance de seus poderes e sua verdadeira missão na Terra. Em oitava semana. Não recomendável para menores de 12 anos. Duração: 140 minutos. Horário: 21h30. Sala 3.
HOMEM-ARANHA: DE VOLTA AO LAR (Spider-man: Homecoming), de Jon Watts, 2017. Com Tom Holland, Robert Downey Jr., Michael Keaton, Marisa Tomei e Zendaya. Ação, aventura e ficção-científica. Depois de atuar ao lado dos Vingadores, chegou a hora do pequeno Peter Parker voltar para casa e para a sua vida, já não mais tão normal. Lutando diariamente contra pequenos crimes nas redondezas, ele pensa ter encontrado a missão de sua vida quando o terrível vilão Abutre surge amedrontando a cidade. O problema é que a tarefa não será tão fácil como ele imaginava. Em terceira semana. Não recomendado para menores de 12 anos. Duração: 135 minutos. Horários: 15h30 e 18h15, com cópia dublada, e 21 horas, com cópia legendada. Sala 4 (261 lugares).
ENDEREÇO E TELEFONES
Orient Cineplace Boulevard - Multiplex do Boulevard Shopping, telefax 3225-3185 e telefone 3610-1515 para saber informações sobre programas e horários.
(Com informações do Departamento de Marketing do Orient Cinemas)

Moro determina e Banco Central bloqueia mais de R$ 600 mil das contas Lula



Depois da determinação do juiz federal Sérgio Moro, responsável pelos processos da Operação Lava Jato na primeira instância, o Banco Central bloqueou R$ 606.727,12 de contas bancárias do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT).
Além disso, houve sequestro e arresto de dois carros, três apartamentos e um terreno, em São Bernardo do Campo-SP. O sequestro e o arresto são medidas cautelares que evitam que o réu se desfaça de bens ou valores que podem ser entregues à Justiça após decisão definitiva. No momento, o ex-presidente pode usufruir dos bens. Quantos aos carros, ele não pode vender ou repassar a outras pessoas.
Lula foi condenado a nove anos e seis meses de prisão por corrupção passiva e lavagem de dinheiro no processo da Lava Jato envolvendo um triplex em Guarujá. A força-tarefa da Lava Jato acusou o ex-presidente de receber o apartamento da construtora OAS como propina por contratos na Petrobras.
O aviso do Banco Central a Moro sobre o bloqueio foi feito na tarde de terça-feira, 18. O processo tramitava em segredo de Justiça. A medida, de acordo com o juiz federal, pretende garantir "a reparação dos danos decorrentes do crime".
Segundo Moro, ficou reconhecido que contrato entre o Consórcio Conest/Rnest gerou cerca de R$ 16 milhões em vantagem indevida a agentes do PT. Ainda conforme o juiz, dessa quantia, R$ 2.252.472 foram para o ex-presidente por meio do apartamento triplex.
Dos R$ 16 milhões, o juiz descontou o valor do triplex, dos três apartamentos, do terreno e dos dois carros e determinou que a diferença fosse bloqueada de contas bancárias até o limite de R$ 10 milhões. 
Bloqueio
O pedido de bloqueio foi feito pelo Ministério Público Federal (MPF), em outubro de 2016, antes da sentença que condenou o ex-presidente. O despacho em que Moro autorizou o bloqueio do dinheiro é de 14 de julho deste ano.
Os R$ 606.727,12 foram encontrados em quatro contas do ex-presidente:
  • R$ 397.636,09 no Banco do Brasil;
  • R$ 123.831,05 no Caixa Econômica Federal;
  • R$ 63.702,54 no Bradesco;
  • R$ 21.557,44 no Itaú.
O MPF chegou a pedir a constrição do veículo Ford F1000, de 1984. Entretanto, Moro negou pela antiguidade do veículo.
Fonte: G1

"Brasileiros apoiam redução do Senado e Câmara"



Cerca de 1,4 milhão de pessoas já opinam favoravelmente à Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 106/2015 que reduz o número de membros da Câmara dos Deputados de 513 para 386, e do Senado Federal de 3 para 2 por unidade da Federação (de 81 para 54 senadores). Segundo os números do E-Cidadania, no portal do Senado, apenas 8,2 mil pessoas (0,005% do total) são contra a PEC.
Boquinhas em profusão
Em 2003, Câmara e Senado empregavam 8.648 pessoas. O número de parlamentares não se alterou, mas dobrou o de servidores: 16.381.
Custo Câmara
O custo anual da folha da Câmara, em 2016, foi de R$4,3 bilhões, dos quais pouco mais da metade (R$2,7 bi) se referem a servidores ativos.
Custo Senado
Funcionários do Senado custam ao contribuinte R$3,3 bilhões por ano. São R$1,6 bilhão para da ativa e R$1,7 bilhão para os inativos.
Fonte: Cláudio Humberto

Comemoração dos 66 anos de José Ronaldo

1. Selfie na porta de casa durante a alvorada
2. José Ronaldo com dona Ivanette
3. No momento dos parabéns 
4. Com o secretário de Meio Ambiente Sérgio Carneiro
5. Abraço do vereador Roberto Tourinho
6. José Ronaldo recebe abraço de ACM Neto

Familiares, amigos, companheiros de luta política, como deputados, prefeitos de várias cidades, vereadores, ex-vereadores, lideranças, secretários, diretores, artistas e populares compareceram na terça-feira, 18, em três momentos das comemorações do 66 aniversário do prefeito José Ronaldo: Alvorada pela manhã em frente de sua residência, café da manhã no Roque's Buffet e missa em ação de graças à noite, na Igreja Senhor dos Passos.
"Agradeço a todos que deram em mim um abraço apertado, uma mensagem de força, uma palavra de entusiasmo. Meu muito obrigado para todos", disse, sempre ao lado da esposa, Ivanette. 
Presenças: deputado federal Irmão Lázaro (PSC), suplente de deputado federal Zé Chico (Democratas); deputados estaduais Adolfo Viana, Carlos Geilson e Prisco, os três do PSDB, José de Arimatéia (PRB), Sandro Regis (Democratas) e Targino Machado (PPS).
Também marcaram presença os prefeitos de Salvador ACM Neto (Democratas), junto com seu vice Bruno Reis (PMDB) e o secretário da Fazenda Paulo Souto, ex-governador da Bahia; de Alagoinhas Joaquim Neto (Democratas); Anguera Fernando Bispo Ramos (PT); Pintadas Batista da Farmácia (Democratas); Santo Amaro Flaviano Bomfim (Democratas); São Gonçalo dos Campos Carlos Germano (PP); e Tanquinho Luedson Soares (Podemos).