No Aprisco

No Aprisco

terça-feira, 10 de janeiro de 2017

"Renan pressiona Temer a nomeá-lo ministro"



Renan Calheiros não quer nem ouvir falar em distância do poder a partir do dia 1º, quando será substituído na presidência do Senado. Sem o cargo e a prerrogativa de usar aviões da FAB, Renan não quer encarar cidadãos indignados em voos de carreira. Senadores do PMDB não o querem líder da bancada, e ele pressiona Michel Temer a nomeá-lo ministro, com direito a usar jatinhos oficiais para se deslocar.
Somente primeira linha
Além de exigir ministério, Renan fez chegar a Michel Temer que só aceitaria "de primeira linha". Nada de "segunda classe".
MJ seria a opção
De olho no desgaste do atual titular Alexandre de Moraes, Renan sinalizou ao Planalto que adoraria voltar a ser ministro da Justiça.
Ousadia de investigado
Caso consiga o cargo de ministro da Justiça, Renan será superior hierárquico da Polícia Federal, que o investiga em 12 inquéritos.
Ministros demais
Se nomear Renan, Michel Temer enfrentará a reação no Congresso. Alagoas já ocupa dois importantes ministérios: Turismo e Transportes.
Pergunta no aeroporto
Se Renan Calheiros não conseguir cargo que lhe garanta avião da FAB, ele vai se inscrever no programa "Meu jatinho, minha vida"?
Fonte: Cláudio Humberto

Nenhum comentário: