*

*

quinta-feira, 24 de março de 2016

Cenário favorável

Artigo publicado na página política da edição desta quinta-feira, 24, do jornal "NoiteDia":
O prefeito José Ronaldo (Democratas) é candidato natural à reeleição em 2 de outubro na disputa pela Prefeitura de Feira de Santana. Cauteloso, ele não fala das eleições deste ano e diz que a questão entra em pauta em maio, depois da realização da Micareta.
"No momento, continuo pensando na administração. Aqui em Feira de Santana há um hábito de que a política toma mais corpo depois da Micareta - ocorre no final de abril e início de maio. Depois disso é que evolui e toma um impulso maior", assinala.
Independente de sua prudência, o certo é que o cenário político é muito favorável a ele. As pesquisas de consumo interno indicam esse quadro. Os dados divulgados mostram aprovação do governo. São números bem estimulantes. 
Para José Ronaldo, "quem julga o homem público é o povo, não é o político que julga o político. O julgamento do político é feito pelo povo no voto livre e democrático". 
Sobre contra quem vai concorrer, José Ronaldo tem colocado que "quem é candidato não escolhe adversário". Diz mais que "quem é candidato enfrenta o adversário que está disposto a ir para o processo político". Para ele, o "adversário é indiferente", ressalvando a possibilidade de estar disputando a eleição. "Respeito a todos", garante. E considera que "quando uma pessoa resolve ser candidato, evidentemente que será candidato para enfrentar qualquer pessoa da oposição a ele".
O prefeito também coloca que "se a oposição vai ter dois, três candidatos, quem é candidato não tem que se preocupar com isso, tem que se preocupar com a própria candidatura". E lembra que “eu nunca fiz campanha política me preocupando com adversário. A preocupação é com a minha campanha, com o que eu faço. Adversário é adversário. Ninguém vai esperar presente de adversário". 
Confirmada a candidatura e conseguindo a eleição, será o primeiro prefeito de Feira de Santana a conseguir quatro mandatos. Mantendo a média de votação, pode ultrapassar os 200 mil votos - foram 195.967 em 2012.
Feira de Santana tem 393.053 eleitores, número até fevereiro deste ano, segundo dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). O total é de pouco mais de 20 mil eleitores em relação ao eleitorado nas eleições de 2012, que era de 373.752 pessoas. O prazo para tirar título de eleitor se encerra em 4 de maio. Até lá é provável que o eleitorado feirense alcance 400 mil votantes.

Nenhum comentário: