Clique na imagem

*

*
Clique na logo para ouvir

*

*

sábado, 25 de outubro de 2014

"O debate na TV Globo! Aécio pode ter ganhado até 3,3 pontos"


Por César Maia 

Os debates não mudam o voto dos decididos. Mas podem mudar os dos indecisos - 6% - somados aos que marcam sua intenção de voto nas pesquisas, mas admitem que podem mudar -10%. A tendência dos indecisos se pode mensurar pelas perguntas feitas pelos indecisos escolhidos pelo Ibope para fazerem perguntas. Todas as perguntas foram de críticas ao governo. Ou seja: precisavam de razões para votar na oposição. 
O debate mostra a falta que faz a prática parlamentar. Dilma não tem eloquência, gagueja, perde a continuidade da frase e se interrompe. Aécio não apenas levou vantagem por isso, mas com tiradas que geram lembrança como "para acabar com a corrupção no Brasil: tirar o PT do poder". Dilma tem erros de concordância e de português (para mim responder, etc.). E ainda sugeriu à economista indecisa fazer o Pronatec (arghh). 
A ambos falta suavizar as expressões, o que a TV gosta. Dilma nunca, Aécio às vezes. 
A audiência do debate foi de 30 pontos na média e 38 pontos no pico. A cada 100 televisores ligados, 47 sintonizavam o debate. 
Numa pesquisa telefônica (600 ligações Rio, SP, BH), buscando aqueles que não estavam convencidos antes do debate, citando Aécio, Dilma e nenhum dos dois por enquanto, e usando como referência aqueles 16% de indecisos, 39% responderam que o debate não foi suficiente. 41%, responderam Aécio e 20% Dilma. Ou seja, liquidamente, Aécio cresceria 3,3 pontos em relação à Dilma pelo debate, extrapolando-se para todo o Brasil.  
Fonte: "Ex-Blog do César Maia"

Nenhum comentário: