*

*

segunda-feira, 31 de janeiro de 2011

Ausência de José Ronaldo

Com sua viagem para a Europa nesta semana, o ex-prefeito José Ronaldo de Carvalho não vai poder participar de nenhuma posse de políticos feirenses eleitos.
Nem nesta terça-feira, 1º de fevereiro, dos novos congressistas em Brasília, nem na quarta-feira, 2, dos novos deputados na Assembleia Legislativa da Bahia.

João Durval entre os 21 senadores que tiveram mais de um ano de faltas

Levantamento do "Congresso em Foco" mostra que João Durval deixou de comparecer a 111 das 430 sessões deliberativas realizadas pelo Senado

Um em cada quatro senadores deixou de comparecer o equivalente a um ano de mandato nas sessões de votação na atual legislatura. Levantamento exclusivo feito pelo "Congresso em Foco" revela que 21 senadores estiveram ausentes a mais de 110 das 430 sessões deliberativas realizadas pelo Senado.
Nesse período, a Casa realizou em média 108 sessões ordinárias por ano. Ou seja, entre fevereiro de 2007 e dezembro de 2010, eles não registraram presença em mais de um quarto das reuniões do plenário. Juntos, esses senadores acumularam 2.807 ausências. Foram 2.028 licenças para faltar e 779 ausências sem justificativa.
Na relação, os mais ausentes na legislatura são : Magno Malta (PR-ES), Fernando Collor (PTB-AL), e Marina Silva (PV-AC). Os dados fazem parte de pesquisa feita com base em informações oficiais do Senado.
Pelas regras da Casa, os senadores têm direito a justificar suas faltas por meio de licenças, como prevê o regimento interno (artigos 13, 39 e 40). Basta o encaminhamento de um ofício. São três tipos: licença por atividade parlamentar ou missão política; licença por motivos de saúde, e licença para tratar de interesse particular. Dessas, apenas a licença por interesse particular significa desconto na folha de pagamento do senador (o chamado ônus remuneratório). Nas demais, mesmo ausente, o parlamentar continua recebendo seus vencimentos.
A Constituição Federal determina que senadores, bem como deputados, devem comparecer a, no mínimo, dois terços das sessões ordinárias. A exceção são as licenças, que podem ser justificadas por motivo de saúde, interesse particular ou missão política. Caso ultrapasse o limite constitucional, o parlamentar faltoso pode enfrentar processo de perda de mandato na Corregedoria do Senado.
Todos os 21 senadores que figuram na lista dos mais ausentes na legislatura foram procurados pelo site, para justificar as ausências. Apenas três, no entanto, responderam aos contatos feitos pelo "Congresso em Foco": o senador Magno Malta, a senadora Patrícia Saboya (PDT-CE) e o senador baiano João Durval (PDT).
Licença médica
O senador João Durval (Foto: Reprodução) retornou ao site para explicar a respeito das suas 111 ausências em sessões plenárias destinadas a votações de projetos. Por meio de sua assessoria de imprensa, o parlamentar informou que, nos primeiros quatro anos de mandato, tirou "duas grandes licenças médicas, uma delas de 60 e outra de 30 dias corridos".
"Boa parte das ausências aconteceu durante esses dois períodos. Há também as ausências justificadas, pelo menos cinco delas em viagens a convite do presidente da República", afirmou. "Há outras ausências justificadas por compromissos políticos e, é claro, ausências não justificadas", argumentou o parlamentar, sem entrar em detalhes sobre as faltas sem explicação formal. Das 111 ausências do parlamentar baiano, 33 foram sem justificativas.
Fonte: "Congresso em Foco"

José Ronaldo com lideranças políticas liberais europeias



No evento político liberal em Bruxelas, na Bélgica, e Madri, Espanha, para o qual José Ronaldo de Carvalho foi convidado, ele terá contatos com Jaime Mayor Oreja (Foto 2), Víctor Pérez Díaz, Wilfriend Martens (Foto 3), Mariano Rajoy (Foto 4), Alejandro Gonzélez Rega, Ricardo Silva Gual, e José Maria Aznar (Foto 1).
Quem são
Jaime Mayor Oreja
, deputado espanhol, é membro do patronato da Fondation Robert Schuman, vice-presidente do Grupo do Partido Popular Europeu (PPE), membro do Parlamento Europeu e faz parte da Rede Europeia de Ideias. Foi ministro do Interior entre 1996 e 2000.
Víctor Pérez Díaz, sociólogo liberal espanhol. É professor da Faculdade de Ciências Políticas e Sociologia da Unviersidade Complutense de Madrid, doutor em Sociologia pela Universidade de Harvard.
Wilfriend Martens, político belga, é presidente do Partido Popular Europeu (PPE). Ocupou o cargo de primeiro-ministro da Bélgica, entre 1979 e 1981.
Mariano Rajoy, presidente do Partido Popular (PP), principal partido de oposição na Espanha. Foi ministro do Governo (1996-2003), vice-presidente do Governo (2000-2003). Foi candidato a presidente do Governo da Espanha (equivalente a primeiro-ministro) nas eleições de março de 2004 e de março de 2008.
Alejandro Gonzélez Rega e Ricardo Silva Gual, são ex-presidiários cubanos extraditados
José María Aznar é presidente da Fundación para el Análisis y los Estudios Sociales (Faes) e ex-presidente do Governo da Espanha, mandato de 1996 a 2004. Assim, o quarto presidente do Governo da Espanha do périodo democrático posterior a 1978. É formado em Direito pela Universidade Complutense de Madrid.

ACM Neto eleito líder do DEM na Câmara dos Deputados

O deputado federal baiano ACM Neto (DEM) foi eleito líder do Democratas na Câmara, em reunião realizada nesta segunda-feira, 31. Ele venceu a Eduardo Sciarra (PR) por 27 votos a 16.
ACM Neto sucederá Paulo Bornhausen (SC), que apoiou Sciarra. Já o presidente nacional do DEM, Rodrigo Maia (RJ), ficou do lado do vencedor da disputa. O terceiro candidato, Marcos Montes (MG) já havia desistido para dar suporte a Sciarra.
Após a eleição, as palavras de ACM Neto, que já liderou a legenda na Câmara, reforçaram a unidade do partido. Segundo ele, os 43 parlamentares da legenda se uniram "em prol de fortalecer o Democratas".
Ele declarou que vai procurar o prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, e pedir que ele não deixe o partido.

Nota de ACM Neto

O deputado ACM Neto (DEM) repudia veementemente as acusações plantadas no site do jornalista Cláudio Humberto, e reproduzidas pelo Política Livre, de que estaria estimulado o ressurgimento de denúncias envolvendo colegas de partido em função da disputa interna pela liderança da bancada na Câmara Federal.
"Isso é mentira plantada por pessoas desqualificadas que querem prejudicar o processo de unificação do partido me atacando gratuitamente. Digo novamente: desafio qualquer um a provar essas acusações levianas e que partem de gente que não tem a menor noção de moral, correção ou ética", enfatizou o parlamentar.

Coordenador da campanha de Targino Machado assume vereança

A informação que corre na cidade é que a vereadora Gerusa Sampaio (PDT), 4.021 votos, vai assumir a Secretaria de Desenvolvimento Social, nomeada pelo prefeito Tarcízio Pimenta, que não estaria satisfeito com o atual secretário, suplente de vereador Maurício Carvalho (PR), 5.567 votos, que assim retornaria para a Câmara Municipal.
Com a saída de Gerusa e com a eleição de José de Arimatéia (PRB), 4.571 votos, para deputado estadual, abre-se vaga para outro suplente, que vem a ser José Carneiro Rocha (PDT), ex-vereador (então pelo PT do B, na 14ª legislatura, entre 2001-2004).
Detalhe interessante na engenharia política (?) é que nas eleições de 2010, José Carneiro coordenou em Feira de Santana a campanha do deputado eleito Targino Machado (PSC), - que anda às turras com o prefeito - que obteve 13.967 votos no município, também contando com apoio do vereador Justiniano França (DEM).
Nesta legislatura, um suplente já assumiu mandato, Otávio Joel de Araújo (DEM), 3.514 votos.

Campanha UBE Conectados em Oração

Deus se agrada dos que intercedem e sabemos que a oração com fé produz maravilhas, por este motivo convocamos uma comissão de homens, mulheres e crianças de todas as idades e etnias para nos conectarmos em oração aos céus por dias de refrigérios na terra.
O que é "Campanha UBE Conectados em Oração"?
É um evento que visa conectar o maior número possível de pessoas orando ao mesmo tempo com dia e hora marcados, é a formação de uma grande comissão de intercessores, internautas ou não.
Objetivo do Conectados:
"Em verdade vos digo que tudo o que ligardes na terra terá sido ligado nos céus, e tudo o que desligardes na terra terá sido desligado nos céus. Em verdade também vos digo que, se dois dentre vós, sobre a terra, concordarem a respeito de qualquer coisa que, porventura, pedirem, ser-lhes-á concedida por meu Pai, que está nos céus". Mateus 18: 18-19
A campanha tem por objetivo primeiro a conversão de almas. Relacionaremos alguns motivos de oração, contudo ficará a critério de cada participante incluir outras causas.
Quem Pode Participar?
Qualquer pessoa poderá participar, desde que tenha determinado em seu coração conectar-se a essa grande comissão, em um mesmo pensamento de fé e comunhão.
Motivos de Oração:
Salvação de Almas
Fronteiras Abertas Para propagação do Evangelho
Cristãos Perseguidos
Pelo Brasil
Especialmente Pela Cidade do Rio de Janeiro
Pelos Governantes
Pelos Oceanos
Por Trabalhadores Para a Seara
Missionários
Todas as Nações
Dia e Hora Para Nos Conectarmos Em Oração:
6 de Março 2011 às 8h30 (horário de Brasília)
Divulgação do Conectados
O texto e selo oficiais de divulgação da campanha, podem ser encontrados. é só leva-los para seu site ou blog. O selo foi produzido por decioidesigns@gmail.com. É só copiar e colar a caixa de texto logo abaixo do selo e adicionar como gadget em sua página, ele direcionará os internautas para o texto explicativo da campanha.
A Equipe UBE, tem a satisfação de comunicar essa inédita iniciativa, contando com o engajamento de todos para honra e glória do Reino de nosso Senhor Jesus. Nossa oração primeira é para que muitas vidas cheguem ao conhecimento da Verdade através desse mover da Igreja.
Deus abençoe a todos.
Visite Uniao de Blogueiros Evangelicos:

Grupo católico faz protesto contra PNDH-3 no centro de Feira de Santana

A Caravana Terra de Santa Cruz, do Instituto Plínio Corrêa de Oliveira, entidade católica sem fins lucrativos, esteve nesta segunda-feira, 31, em Feira de Santana, para recolher assinaturas que serão encaminhadas para a Câmara dos Deputados e Senado Federal, em Brasília, em sinal de protesto contra o PNDH3 (Plano Nacional de Direitos Humanos 3), que dentre outras coisas, prevê a descriminalização do aborto, o casamento homossexual, e legalização da prostituição enquanto profissão.
Conforme o coordenador da Caravava, Daniel Martins, o PNDH-3 é uma afronta aos princípios básicos da civilização cristã. "A começar da família, da sociedade privada. O PNDH-3 foi decretado pelo presidente Lula no fim de 2009, e querem implantar no Brasil o aborto, o casamento homossexual, ensinando nas escolas que a prostituição é uma profissão como outra qualquer, facilitar as ações dos movimentos de invasão de terras, invasão de propriedades urbana e rural, controlar a polícia, desmoralizar as Forças Armadas e o Judiciário. É um pacote de leis socialistas e anti-cristãs", aponta.
A Caravana Terra de Santa Cruz é composta por 37 jovens, com idade entre 18 e 20 anos. O objetivo é recolher dois milhões de assinaturas. "E nós como católicos somos contra isso. Estamos coletando abaixo-assinados em forma de cartão-amarelo contra os deputados e senadores. Nesse sistema já conseguimos mais de 1,5 milhão de cartões amarelos e queremos chegar a dois milhões, para depois poder entregar em mãos aos deputados e senadores federais”. A Caravana já passou por sete capitais do Nordeste.
Fonte: "Tribuna Feirense"
O Blog Demais acrescenta:
A Caravana é ligada à Tradição, Família e Propriedade (TFP), instituição criada por Plínio Corrêa de Oliveira em 1960, com o nome de Sociedade Brasileira de Defesa da Tradição, Família e Propriedade. É uma organização católica tradicionalista, conservadora, e anticomunista brasileira.

Correção da tabela do IRPF

Por Sérgio Oliveira

Paulo Paim, "o defensor dos aposentados" (meu não), disse no "Jornal do Comércio", do Rio Grande do Sul, edição de 25 de janeiro, que é inaceitável querer vincular a correção da tabela do IRPF ao reajuste do salário-mínimo, alegando que vai dar um rolo enorme. Disse, ainda, que o Executivo "quer privilegiar a classe média, que paga Imposto de Renda, em detrimento dos trabalhadores mais pobres".
Santa demagogia. Bom mesmo, então, é receber o salário-mínimo? Deve ser mesmo, pois durante muito tempo ele "demagogizou" com a história do salário-mínimo de 100 dólares e, hoje, o mesmo pode ficar entre 321 dólares (salário-mínimo de R$ 540,00) e 324 dólares (salário-mínimo de R$ 545,00), sendo que o cálculo foi feito com o dólar valendo R$ 1,68. Uma fortuna.
O que Paulo Paim fez, realmente, pelos aposentados, de forma substancial? A meu ver nada, pois o que os aposentados e pensionistas recebem de valores importantes é a aposentadoria, criada quando ele não era nascido e o 13º salário (resultado de dois projetos de lei - um em co-autoria - do ex-deputado federal trabalhista Floriceno Paixão, que aprovados e transformados em lei, estas foram sancionadas pelo então presidente trabalhista João Goulart), instituido em 1962 (trabalhadores da iniciativa privada) e 1963 (aposentados ), quando o Paim tinha 12 ou 13 anos.
Privilegiar a classe média, disse ele. A classe média é riquíssima, podendo, todo o ano, devolver ao governo a metade do aumento recebido no ano anterior, em forma de Imposto de Renda, que, na verdade, é Imposto Sobre Salários.
E o Guido Mantega, dentro do mesmo ideário, disse que o governo não vai corrigir a tabela.
* Sérgio Oliveira, aposentado, é de Charqueadas-RS

FCC no Inspiramais - Salão de Design e Inovação de Componentes

Insumos adesivos base água e hotmelt e com solado que substitui a borracha para a produção de calçados esportivos

A FCC participa desta terça-feira, 1º de fevereiro, a quinta-feira, 3, do Inspiramais - Salão de Design e Inovação de Componentes, evento promovido pela Associação Brasileira de Empresas de Componentes para Couro, Calçados e Artefatos (Assintecal). O evento será realizado no Centro de Convenções Frei Caneca, em São Paulo-SP.
A FCC apresentará dois adesivos e um termopláticos, para atender especificamente fabricantes de calçados esportivos, que são o foco do evento.
Entre os produtos que apresentará na feira, está o Acquafort ECO 9500 Mono, é um adesivo que atende especialmente os fabricantes de calçados esportivos, que necessitam de adesivo que não sofra modificações de cor. Trata-se de um adesivo superior em resistência de colagem, que não utiliza reticulador (poliisocianato), apresenta alta solidez à luz (não amarela) e alta resistência à hidrólise.
A FCC estará mostrando também o Fortimelt 738, adesivo sem solvente nem água que apresenta filme totalmente transparente e alta resistência térmica, desenvolvido para atender à necessidade específica na preparação de cabedais para a costura. Um dos diferenciais do produto é o fato de que foi desenvolvido com tecnologia que visa evitar a descolagem durante o transporte até a costura até mesmo em dias muito quentes.
Já na área de componentes, a FCC mostrará o Fortiflex BI AD, o primeiro material processável em injetoras convencionais que permite a substituição da borracha vulcanizada em solados de alto desempenho. Este é um produto que atende muito bem os fabricantes de calçados casuais e esportivos. Como vantagens, a matéria-prima oferece considerável redução de custos de matrizaria, além da agilidade no fornecimento de solas, por ser um produto injetável. Na área de criação, a flexibilidade para o desenvolvimento de novos modelos é um diferencial importante da nova matéria-prima da FCC. A liberdade para a pigmentação também beneficia o processo de criação dos modelos de calçados. Para o consumidor final, a grande vantagem está na durabilidade do solado, que é igual à borracha.
(Com informações de Raquel Guimarães)

Estão abertas as matrículas para o curso de Pintura para Crianças de seis a 12 anos no Atelier de Maristela Ribeiro.
Artista visual, mestra em poéticas visuais pela Universidade Federal da Bahia (Ufba), pós-graduada em Metodologia do Ensino pela FFCL em Minas Gerais e graduada em Artes Visuais pela Universidade Católica do Salvador, Maristela Ribeiro atualmente desenvolve ações como artista-pesquisadora e coordenadora da Oficina de Artes Plásticas (OCA) do Centro Universitário de Cultura e Artes (Cuca), da Universidade Estadual de Feira de Santana. Desde meados dos anos 90 a artista participa com freqüência de coletivas, salões e bienais na Bahia, em outros estados brasileiros, assim como em outros países, tendo recebido diversos prêmios e menções.
"A proposta deste curso busca promover a criação de um espaço específico para a manifestação artística na infância e adolescência, através, não só da prática da pintura, como também do estudo das noções básicas para a apreciação da obra arte", diz Maristela. Segundo ela, "portanto, visa contribuir para a aquisição de um repertório indispensável para o apreciador do futuro".
Diz mais que "pintar em um atelier propicia a convivência com o artista, seu modo de criação, seus procedimentos e operações estéticas que normalmente não ocorrem em outro espaço, como por exemplo, na escola. O artista, freqüentemente percebe o mundo de modo diferente e cria formas sensíveis para interpretá-lo".
O programa do curso consiste em: iniciação à criatividade, atividades lúdicas, histórias infantis, improvisações e jogos dramáticos, estudo da teoria das cores, vida e obra dos grandes mestres, formação de uma pinacoteca, pintura a guache, aquarela e acrílica, e a exposição dos trabalhos realizados no Atelier.
Maristela Ribeiro diz ainda que "é importante lembrar que a pintura contribui para o desenvolvimento da criança e do jovem, com benefícios que, dentre outras coisas, refletem na coordenação motora, capacidade de concentração, ritmo e percepção espacial. A criança, ao trabalhar com arte, aperfeiçoa e desenvolve a sua expressão artística, a sua forma de olhar e entender o mundo. Para que isso ocorra, ela cria, produz, constrói e reconstrói, através de desenhos e pinturas, a sua própria história".
Eis então uma oportunidade de ampliar a sensibilidade, além de auxiliar na construção dos símbolos e da representação visual das crianças. "Cabe estimular o contato da criança com a arte, para que ela construa uma leitura de mundo consistente. Este é o maior desafio", encerra Maristela.
As aulas acontecerão todas as quartas-feiras, das 16 às 18 horas.
Acesse o link:
http://www.youtube.com/watch?v=_n-0L3ZMZh8
e veja as crianças pintando no Atelier.
Para maiores informações ligue para 9979-3479.

Terceirizada da PespiCo contrata em Feira de Santana

Terceirizada da PespiCo contrata em Feira de Santana. Enviar currículo para feira.pepsico@gmail.com (assunto RH).
Perfil:
O cargo é de Assistente de RH Pleno
Salário de R$ 1.038,00
Benefícios: Vale Transporte, Vale Refeição, Assistência Médica, Assistência Odontológica, Vale Alimentação e Seguro de Vida
Sexo e idade são indiferentes
Necessário Segundo Grau Completo
É necessário conhecimentos básicos sobre os processos de Recursos Humanos (admissão, rescisão, férias, benefícios, relações trabalhistas)
Enviado por Antônio Luís Sampaio Gomes

1.111.111

Pouco depois do meio-dia desta segunda-feira, 31, o Blog Demais chegou à marca de 1.111.111 visitas, conforme registro do Hit Counter.
A leitora número 1, Mariana Pereira, de Niterói-RJ, esperou para cravar a interessante marca.

Targino Machado diz que "Feira clama por um prefeito que tenha vergonha na cara"

Deu no "Blog da Feira", considerado um dos "diários oficiais feirenses", nesta segunfa-feira, 31:
O deputado estadual Targino Machado 'partiu para cima' do prefeito Tarcízio Pimenta esta manhã, em entrevista ao Programa Carlos Geilson, na rádio Subaé AM.
O deputado que também é médico como o prefeito de Feira de Santana, dirigiu suas críticas principalmente à saúde municipal.
"Feira clama por um prefeito que tenha vergonha na cara e decisão política pra trabalhar”, disse o deputado conhecido pelo estilo agressivo que adota na política. O deputado Machado teve pouco menos de 14 mil votos em Feira de Santana.

José Ronaldo participa de evento em Bruxelas e Madri

José Ronaldo: Conhecimento e reflexão
Foto: Arquivo
A convite da Fondation Robert Schuman, sediada em Bruxelas, na Bélgica, o ex-prefeito de Feira de Santana José Ronaldo de Carvalho (DEM) é um dos políticos brasileiros que participam do "Regeneração - Iberoamérica e os Valores do Século XXI", entre esta quarta-feira, 2 de fevereiro, e sexta-feira, 4, evento dividido entre Bélgica e Madri, na Espanha. Ele embarca na noite desta segunda-feira, 31, para a Europa.
O convite partiu do membro do patronato da Fundação, deputado espanhol Jaime Mayor Oreja, que é vice-presidente do Grupo do Partido Popular Europeu (PPE), membro do Parlamento Europeu e faz parte da Rede Europeia de Ideias. O evento celebra "o marco de atividades do nosso grupo - são 278 deputados dos países da Europa - no Parlamento Europeu, iniciativa que é de grande importância para nós". O PPE é o maior partido de âmbito europeu. Trata-se de um agrupamento partidário democrata cristão conservador no Parlamento Europeu.
O evento reúne "os maiores representantes dos partidos políticos iberoamericanos", para compartilhar princípios, ideias e valores, com o objetivo de "impulsionar um entrosamento entre os partidos, a partir de reflexões conjuntas sobre as consequências da atual crise de valores por nós vivida, tanto na Europa como na Iberoamérica, que por sua vez nos permita um diagnóstico compartilhado e a elaboração de estratégias comuns para a regeneração", considera Mayor Oreja.
Representantes de todos países iberoamericanos e latinoamericanos foram convidados. "Neste sentido, sua presença e intervenção, representando seu país, seria para nós uma satisfação", diz o convite da Fundação para José Ronaldo.
Para o Partido Popular, a iniciativa constitui "uma prioridade política, desde a soma de experiências e iniciativas daqueles que compartilham de um ideal político semelhante, o que resultará, sem dúvida, no fortalecimento e enriquecimento comum para todos".
José Ronaldo vê em sua participação nesta jornada "uma oportunidade para conhecimento e reflexão sobre os valores políticos que estarão em debate".
Programação em Bruxelas
Quarta-feira, 2,
Almoço - Intervenção de líderes europeus, às 12h30
Sessão 1 - "A Dimensão Global das Crises", palestra do sociólogo liberal espanhol Víctor Pérez Díaz, entre 14h30 e 17 horas, seguido de coffee break até às 17h15
Sessão 2 - "A Dimensão da Crise Americana", palestra de Wilfriend Martens, presidente do Partido Popular Europeu (PPE)
Quinta-feira, 3
Sessão 3 - "Projeto de Regeneração Frente às Crises", entre 9h30 e 12 horas, apresentação seguida de almoço e saída para o Aeroporto, às 13 horas, para vôo Bruxelas-Madri, às 15 horas.
Programação em Madri
Quinta-feira, 3
Palestra de Mariano Rajoy, presidente do Partido Popular espanhol, às 20h30
Sexta-feira, 4
Sessão sobre Trabalho na Fundación para el Análisis y los Estudios Sociales (Faes)
"A Situação em Cuba", com palestras dos ex-presidiários extraditados Alejandro Gonzélez Rega e Ricardo Silva Gual, seguida de coffee break até às 12 horas
Sessão sobre Trabalho na Fundación para el Análisis y los Estudios Sociales (Faes)
Palestra do presidente da Faes, José Maria Aznar, ex-presidente do Governo da Espanha.

Deu em Claudio Humberto


Primeira reunião de 2011 da AME

Enviado por Carlos Carvalho, secretário da AME

domingo, 30 de janeiro de 2011

Contentamento pelo futuro médico

Vinícius com seus pais Diane Adorno e Wagner Gonçalves
Foto: Álbum de Família

"Olá Dimas aqui é só alegria, Vinicius passou no vestibular de Medicina da Universidade Federal da Bahia (Ufba). Temos um jovem futuro médico na familia. Estamos felizes por mais esta benção. Ele passou também na Universidade Federal de Petrolina".
A informação, cheia de contentamento é de Diana Adorno e Wesley Gonçalves, pais de Vinícius, 18 anos.
Antes, o estudante, com 17 anos, foi aprovado no vestibular 2010.2 da Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs), em primeiro lugar, no curso de Enfermagem. No início de julho, ele passou em sétimo lugar no vestibular do curso de Medicina da Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública, de Salvador, quando estava concluindo o 3º ano do Ensino Médio, no Colégio Nobre.
Vinicius coleciona uma série de certificados e medalhas em competições escolares, a exemplo da Olimpíada Brasileira de Química e Olimpíada Brasileira de Física.
Aos 15 anos, em 2008, foi o primeiro colocado e ganhou Medalha de Ouro na Olimpíada Baiana de Química, evento integrante do Programa Nacional Olimpíadas de Química, que é uma promoção da Associação Brasileira de Química (ABQ), com o apoio do Conselho Regional de Química (CRQ-VII) e uma atividade extensionista do Instituto de Química da Universidade Federal da Bahia (Ufba).
Além da medalha de ouro, ganhou um notebook, doado pela Brasilgás, e livros, das Editoras Saraiva e Moderna e da Hexis Científica. Antes de estudar no Nobre, Vinicius teve formação no Centro Educacional O Pequeno Príncipe. Ele já praticou karatê, tendo chegado a faixa preta. Toma aulas de violão e está em curso de inglês. Também gosta de cinema.
Ele foi destacado no informativo "Notícias Nobre", publicado no jornal "NoideDia", em 2010, onde salientou o apoio da família: "Minha família sempre me deu apoio total na minha escolha por Medicina (então havia sido aprovado na primeira etapa do vestibular na Bahiana). Desde muito pequeno, eu decidi e eles sempre me deram o suporte que eu precisava e que preciso. Além do equilíbrio emocional e psicológico que minha família me dá, ela me deixa seguro para enfrentar os obstáculos".
O pai de Vinícius, Wesley Gonçalves é irmão do secretário da Fazenda Wagner Gonçalves, e sobrinho de Doralice, esposa de Dimas Oliveira.

"O campo é horrível"

Assistindo pela TV ao jogo do Bahia de Feira contra o Vitória, pelo Campeonato Baiano, na tarde deste domingo, 30, a observação de que o gramado do Estádio Municipal Alberto Oliveira, o Jóia da Princesa, está muito ruim. Tem mais, a aparência geral do equipamento público é feia de doer.
O zagueiro Alisson, do Vitória, no intervalo do jogo, confirma em entrevista a Eduardo Oliveira, da TV Bahia:
- O campo é horrível. A bola não rola.
Como o Jóia da Princesa é municipal, a culpa do descaso com o Estádio e com gramado, principalmente, é da Prefeitura de Feira de Santana.

Surra em José Neto

No "Bahia Notícias" e no jornal "A Tarde", Samuel Celestino, no artigo "Nilo, por ser o melhor", volta a bater no deputado estadual José Neto:
"O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Marcelo Nilo, se encaminha para o terceiro mandato consecutivo no comando do poder baiano. Para chegar ao primeiro, ele venceu barreiras, o segundo estava invulnerável e neste terceiro, cuja eleição acontece na próxima semana, teve pela frente apenas algumas marolas e ruídos despropositados. Curiosamente tendo como origem o PT, que deveria ser, teoricamente, o primeiro partido a lhe oferecer apoio".
Diz mais: "A legenda, no entanto, é heterogênea com as suas tendências internas em conflitos continuados, mas não foi somente aí e, sim, a partir da teimosia do deputado feirense Zé Neto, um falastrão incorrigível".
E mais: "De tal maneira que foi candidato às prévias do partido às eleições de Feira de Santana, declarava-se favorito e foi batido com sobras pelo deputado Sérgio Carneiro, um dos melhores quadros da bancada federal da Bahia".
A surra continua: "Atropelado, Neto se voltou contra o seu próprio partido alegando fraude no processo das prévias. O fato soou negativamente para a legenda e, pior, para o deputado de temperamento irrequieto. Ele também tentou, agora, interferir-se no processo da sucessão da Assembleia, mas sua candidatura não prosperou. Gorou".
O artigo segue sem mais referências pouco elogiosas ao petista-mór de Feira de Santana.

"Cascalho" exibido em Ilhéus

Tuna Espinheira debate com o público depois da exibição de "Cascalho", em Ilhéus; entre os assistentes, os cineastas Edgard Navarro e Fernando Bélens
Foto: Divulgação

No 1º Festival de Cinema Baiano, entre 9 e 13 de janeiro, em Ilhéus, a oportunidade de assistir a filmes nunca antes exibidos na cidade e na região.
O cineasta Tuna Espinheira apresentou seu longa-megtragem "Cascalho", no dia 11, participando depois de discussão sobre seu filme e sobre o tripé da cadeia produtiva do audiovisual baiano: a produção, a exibição e a distribuição.

Derrota anunciada com antecipação

E o deputado estadual José Neto, heim? É candidato do PT a uma nova derrota para prefeito, em 2012.
Com Sérgio Carneiro continuando deputado federal com o arranjo feito pelo governador Jaques Wagner, ele vai para o "sacrifício".

"Lei impede Lula de ter carteira assinada no PT"

A anunciada contratação de Lula para presidente de honra do PT por R$13 mil, com carteira assinada, esbarra no artigo 42 da lei federal 8213/91: aposentado por invalidez que voltar voluntariamente ao trabalho perderá o benefício. Lula ganha R$ 5 mil do INSS por ter perdido o dedo mínimo em suposto acidente de trabalho, aos 39 anos. À letra da lei, deveria ter renunciado à grana ao ser eleito presidente.
Diferente igual
O INSS pune a ilegalidade cobrando com juros e multa o aposentado por invalidez que volta ao trabalho remunerado. Os "normais", claro.
Vereador Lula
Fosse servidor público à época, Lula manteria os dois benefícios se eleito vereador e pudesse cumprir ambos os expedientes.
Doação improvável
Amigos de Lula tentam convencê-lo a doar os R$ 13 mil que receber do PT todos os meses. O destino seriam os Alcoólatras Anônimos. Sério.
Fonte: Claudio Humberto

Deu em Claudio Humberto


"Quem pode ferrar o Brasil? As esquerdas, como sempre!"

Por Reinaldo Azevedo
Publiquei ontem uma série de posts sobre a opinião dos parlamentares a respeito dos mais variados temas. Os dados integram parte de um levantamento feito pelo G1 junto a 414 dos 513 deputados que vão compor a Câmara na nova legislatura. O resultado é interessante. Temos uma Casa que, nas questões relativas aos costumes e afins, seria considerada "conservadora", mas que é muito "progressista" quanto se trata de lidar com dinheiro público. Ou, por outra, suma síntese muito reinaldiana, já que compro brigas com gosto: teremos uma Câmara muito sensata e "de direita" em matéria de costumes, e porralouca, irresponsável e de esquerda quando se trata dos gastos. De quem é a culpa? Ora, do PT e, obviamente, do eleitorado. O povo também tem culpas, né? Não é menor de idade!
Os deputados querem a legalização do aborto? Embora o repúdio seja um pouco menor do que é na sociedade, a resposta objetiva é "não". Deixaram de responder a pesquisa do G1 99 deputados eleitos, mas o resultado percentual seria mais ou menos o mesmo se todos houvessem atendido à solicitação: são contra a descriminação 64% dos que responderam. A maioria também se opõe à descriminação da maconha (72% dos pesquisados) e aceita debater a redução da maioridade penal: 233 - 56% dos 414 que responderam. Teses ligadas à lei e à ordem e apegadas à defesa da vida desde a concepção costumam mobilizar as pessoas da direita.
Mas esses mesmos deputados "conservadores", que eu tenderia a chamar "liberais", logo assumem a sua fachada "progressista", de "esquerda". Basta que se trate dos chamados "temas sociais". Aí quase todos aprenderam com o PT que o negócio é ficar "ao lado do povo", defendendo teses simples e erradas para resolver os problemas difíceis do Brasil. Querem um exemplo? A maioria é contra o fator previdenciário, a exemplo do senador Paulo Paim (RS), do PT. Sem o fator, o sistema vai para o vinagre. E daí? Um grupo de 116 corajosos (28% dos que responderam e 23% do total) se dizem contra o seu fim. Só isso. A esmagadora maioria é a favor. E que se dane a justeza ou não da tese e o que poderia acontecer com as contas públicas. Se o PT seduz tantos corações prometendo bondades, por que seriam os não-petistas a cortá-las, ainda que o país quebre?
A maioria dos deputados também quer a aprovação da PEC 300, aquela que equipara o piso salarial dos policiais e bombeiros ao de Brasília. É bom e justo? Nem me digam! A questão é saber quem paga a consta. Ora, segundo a tal proposta de emenda constitucional, será o Tesouro. A tese, de que Michel Temer (PMDB-SP) é um dos padrinhos, virou o xodó do Parlamento. Quem pode ser contra policiais e bombeiros felizes? Ninguém! Se os petistas são sempre tão bem-sucedidos distribuindo benefícios, não serão os "conservadores" a cortá-los, certo? Os deputados aprenderam com o PT que o Estado é o grande pai - ou a grande mãe. Por eles, diz a pesquisa, os royalties do petróleo seriam fraternalmente divididos entre todos os estados. Mas quem compensa as perdas dos estados produtores? Ora, o Tesouro!
Assim, o que a pesquisa revela é que uma Câmara que poderia ser considerada saudavelmente conservadora em muitos aspectos é patologicamente "progressista", como quer a esquerda, em matéria de gastos públicos. Se o PT faz fama e fortuna distribuindo benesses, por que os demais partidos, todos tornados "companheiros", adotariam outro rumo? Por que caberia às demais legendas severidade com as contas públicas quando elas todas aprenderam com o PT que o negócio é distribuir bondades? A presidente Dilma Rousseff que se vire com as bombas fiscais!
Não! Não teremos uma Câmara Federal composta de doidivanas, não! Em muitos outros casos, além daqueles já citados, os deputados são um exemplo de sensatez! A maioria é contra, por exemplo, à tal Lei da Palmada, que simplesmente cassaria o pátrio poder ao transformar filhos em vítimas e pais em algozes sob o pretexto de proteger as crianças. Os deputados da nova legislatura sabem quando o estado está tentando invadir o direito das famílias. Mas a maioria quer, porque aprendeu que isso é coisa de gente boa e progressista - além de ser fácil - o financiamento público de campanha.
A síntese, querido leitor, é a seguinte: tudo o que a futura Câmara pode fazer de mal ao Brasil - e o mesmo deve se dar com o Senado - está ancorado em teses históricas das esquerdas; tudo o que ela pode fazer de bom conta com a rejeição desses mesmos esquerdistas. De sorte que, vendo a pesquisa, sem medo de errar, pode-se afirmar as esquerdas continuam empenhadas em ferrar os brasileiros em sua incansável e contínua luta para protegê-los, entenderam?
Fonte: "Bog Reinaldo Azevedo"

sábado, 29 de janeiro de 2011

Ciro de Carvalho Leite em três momentos

Três momentos do escritor feirense Ciro de Carvalho Leite, autor de "Grito da Terra", entre outros livros, que faleceu neste mês de janeiro.

1. Ciro de Carvalho Leite com a atriz Lucy Carvalho no lançamento de "Grito da Terra", em noite de gala, no Cine Santanópolis, em Feira de Santana
2. Orlando Senna, Olney São Paulo e Ciro de Carvalho Leite
3. Momento de descontração de Nelson Pereira dos Santos, Ciro de Carvalho Leite e Olney São Paulo
Fotos extraídas do livro "Olney São Paulo e a Peleja do Cinema Sertanejo", de Angela José

A hora é esta?

Na segunda-feira, 31, no jornal "Municípios em Foco", e ou na terça-feira, 1º de fevereiro, no jornal "Folha do Estado", com publicações de decretos, os prazos limites para o prefeito Tarcízio Pimenta definir mudanças no seu governo.
Ele demonstraria de uma vez por todas que tem decisão de substituir os ronaldistas e que tem quadros para assumir secretarias, diretorias e chefias.
A hora é esta? Ou vai segurar mais tempo?

Hino à Feira de Santana

Letra e Música: Georgina Erismann

Salve ó terra formosa e bendita
Paraíso com o nome de Feira
Toda cheia de graça infinita
És do norte a princesa altaneira

Bem nascida entre verdes colinas
Sob o encanto de um céu azulado
Ao estranho tu sempre dominas
Com o poder do teu clima sagrado

Sorridente como uma criança
Descuidosa da sua beleza
Do futuro és a linda esperança
Terra moça de sã natureza

Poetisa do branco luar
Pelas noites vazias de agosto

Fiandeira que vive a fiar
A toalha de luz de sol posto

De Santana és a filha querida
Noite e dia por ela velada
E o teu povo tão cheio de vida
Só trabalha por ver-te elevada

Lembrando Georgina Erismann

Nem o Blog Demais lembrou a data no dia certo. Mas, com atraso de dois dias rememora a data de nascimento de Georgina de Mello Lima Erismann (Foto 1: Reprodução), em 27 de janeiro de 1893, há 118 anos. Compositora, poetisa e professora, ela foi autora do "Hino à Feira".
Em sua terra natal, diversas são as homenagens prestadas: Rua Professora Georgina Erismann, transversal da rua Castro Alves até a rua Vasco Filho (indicação da Câmara Municipal, em 1951). Tem a Escola Estadual Georgina Erismann, no bairro Jardim Acácia, inaugurada em 1981. A Academia de Educação de Feira de Santana tem Georgina Erismann como patrono da cadeira número 8. Monumento a Georgina Erisman (Foto: Arquivo Blog Demais), criado pelo artista plástico Gil Mário, foi inaugurado em 2 de dezembro 2008, na avenida João Durval Carneiro, em frente ao Boulevard Shopping, no governo do prefeito José Ronaldo de Carvalho.
Entre a avenida João Durval Carneiro e a avenida Ayrton Senna, sobre o Anel de Contorno, o Viaduto Georgina Erismann, outra obra do governo José Ronaldo.
Tem mais. Através do Núcleo de Preservação da Memória Feirense, a Fundação Senhor dos Passos lançou em 2007 o livro "Georgina Erismann", autoria de Carlos Alberto Almeida Mello, com prefácio de Lélia Vitor Fernandes de Oliveira.

"Graça Pimenta e o silêncio"

"Recebemos o convite de posse para o dia 02/02/2011 da deputada estadual e primeira dama do município de Feira de Santana, Graça Pimenta (PR). Da nossa parte, obrigado.
Mas a deputada anda sumida desde que se elegeu. Convites não têm faltado da imprensa para entrevista, até para ela agradecer os votos do povo feirense, falar sobre seus projetos, enfim seu futuro político e como foi sua chegada à Assembleia Legislativa da Bahia.
Não estamos fazendo comparação e não gostamos disso. Mas, esperamos que a digníssima deputada não faça parte da bancada do silêncio, daquelas que só dizem 'Sim!', 'Amém!' e balança a cabeça. Estamos ansiosos para ouvi-la deputada Graça Pimenta".
Do radialista Luís Santos, no portal www.dilsonbarbosa.com.br

"Clima do terceiro mandato"

No seu site, Dilson Barbosa (www.dilsonbarbosa.com.br) comentou na sexta-feira, 28:

"O ex prefeito José Ronaldo concedeu a sua primeira entrevista de 2011 ao repórter Luiz Santos, no programa 'Linha Direta Com o Povo' (Rádio Sociedade de Feira de Santana), na quinta-feira(27). Ronaldo ironizou bastante o momento atual da UPB. A entidade elegeu ontem (27), o prefeito de Camaçari, Luiz Caetano e o de Feira, Tarcízio Pimenta como membro do Conselho Fiscal da entidade. A ironia de Ronaldo foi tão grande que sequer se lembrava de como pronunciar a sigla da entidade que ele presidiu por muito tempo.
Se alguém tinha dúvida de como está a relação do ex prefeito de Feira com o atual, é só ouvir a entrevista que está no “pod-cast” deste portal de notícias e não precisará ficar em dúvida e nem precisará consultar o sistema de meteorologia para saber como está o clima do 'terceiro mandato'".

"A imprensa não pode fazer mal nenhum a Dilma, só a si mesma! "

Por Reinaldo Azevedo
A batalha entre Lula e a chamada "mídia" nunca existiu. Foi uma invenção de setores da esquerda do PT, alimentada por Franklin Martins, com a ajuda de alguns vagabundos expulsos do jornalismo por falta de condições morais mínimas para exercê-lo. Essa corja se aproveitou dos aspectos megalômanos e paranóicos da personalidade do Babalorixá de Banânia para criar um monstro inexistente, que Lula passou a combater. De fato, o que temos? A imprensa correta, que se limita a fazer o seu trabalho, segundo o rigor técnico, e os puxa-sacos de sempre. E noto: em sólidas democracias do mundo, há jornais, TVs, revistas, sites etc. com perfis ideológicos muito definidos, muito marcados. Não temos isso por aqui. Os mais corajosos são isentos e de centro-esquerda…
A presidente Dilma Rousseff deve estar se perguntando: "Mas por que Lula brigava tanto com a imprensa? Ela é tão boazinha comigo!" E é mesmo! Todos vimos ontem, por exemplo, Guido Mantega tentando ironizar os "conservadores" do FMI, o pessoal supostamente das antigas, que apontou uma grave deterioração fiscal no Brasil. O ministro da Fazenda não só afirmou que eles estavam errados como deu números falsos sobre as contas públicas no Brasil, afirmando haver um superávit no governo central que é mentiroso, conseguido em razão de um truque.
A maracutaia nas contas foi, sim, noticiada, mas em decibéis muito abaixo da gravidade do fato. A presidente, "economista", que certamente acompanha a operação, nem sequer foi mencionada e simplesmente não aparece como protagonista do próprio governo. É, assim, uma espécie de entidade secreta, que dá as caras de vez em quando. A sua fala de mais substância desde que assumiu se deu na quinta: comparou o Holocausto judeu a ditaduras que andam por aí. Então tá… Não lhe estou atribuindo má fé, não. É só ignorância mesmo.
A imprensa tem tido, sim, alguma severidade quando trata dos confrontos entre peemedebistas e petistas pelo controle da Funasa e de Furnas, mas eles parecem se dar no governo de ninguém, num vácuo de comando. Num dia, a ministra do Planejamento, Miriam Belchior, concede que será preciso cortar verbas do PAC; no seguinte, a presidente nega. Noticia-se uma coisa, noticia-se outra, e tudo parece mais ou menos irrelevante. Nesse ambiente, onde encontrar novidades para animar o noticiário? Ora, nas oposições, que, então, se encarregam de protagonizar espetáculos patéticos.
Dilma descobriu que, com as exceções de praxe, a imprensa é bastante maleável, cordial, do coração mole. A lógica do confronto, pois, servia mais àquela meia-dúzia de vagabundos que precisam de dinheiro público para sobreviver do que propriamente a ela. E apostou, com enorme sucesso, na diminuição de tensões.
Virou a presidente da bolha de plástico, que é preservada do próprio governo. O PMDB e o PT podem até ser caracterizados como predadores dos cofres públicos, mas quase ninguém se lembra que alguém preside a disputa pelos despojos. Mantega pode até ser um tantinho ridicularizado por dar um truque nas contas púbicas, mas é como se não tivesse uma chefe que está endossando o esconde-esconde dos números.
Não há mal que Dilma pudesse fazer à "mídia" que a "mídia" não faça a si mesma - e com mais eficiência.
Fonte: "Blog Reinaldo Azevedo"

Ação com leveza e humor em "O Turista"

Maria do Carmo Vieira tem se tornado uma comentarista de cinema e no seu "Blog de Maria Duth" está escrevendo sobre filmes assistidos.

Eis seu comentário sobre "O Turista", publicado na sexta-feira, 28:
Perseguição no rio e nos telhados, viagem de trem, amor, mistério, gângsters muito maus, bandidos bestalhões, investigador atrapalhado, espionagem e a beleza sofisticada de Angelina Jolie. Só esses elementos bastariam para fazer de "O Turista" (The Tourist), um filme interessante, mas o roteiro elaborado e a presença de Johnny Depp transformam o filme numa obra realmente singular.
Toda a história se desenvolve em torno da busca por um misterioso ladrão que, além de dever ao fisco americano, está na mira de um gângster cruel e frio. Onde está Alexander Pearce? Quem é Alexander Pearce? Essas são as perguntas que nós, expectadores, e o inspetor John Acheson (Paul Bettany, o ótimo Silas de "O Código da Vinci") fazemos o tempo inteiro. Mas, enquanto ela não é respondida, seguimos nos divertindo com Frank Tupelo (Johnny Depp - fabuloso!), um cara comum que se vê envolvido em algo perigoso do qual não faz a menor ideia (será mesmo?!), pelas mãos da bela Elise (Angelina Jolie), que ele "conhece" numa viagem de trem.
Entre flertes, fugas, perseguições e suspenses, o filme segue com leveza, até culminar numa deliciosa revelação. Então, ficamos sabendo que o famoso Pearce é um sujeito apaixonado, gente fina, que só quer ser feliz. Ah, e não andava muito distante não! Uma deliciosa surpresa!
Como sempre, Johnny Depp - um de meus atores favoritos, que me leva sempre ao cinema - está ótimo, sexy, convincente no papel de um simples professor em viagem turística, e muito competente em usar aquele olhar. Mas, há algo que preciso registrar: eu vi Jack Sparrow! Juro que vi. Tem uma cena em que Frank sai do barco e faz um gesto com a mão... Pra mim, Jack grudou em Depp pra sempre. E eu adoro!!!
Ah, antes que eu esqueça, como provável futura professora, não gostei nada da cena em que Elise tenta adivinhar qual a profissão do homem que acaba de conhecer, e ele sai com essa:
- Matemática..
- Professor de matématica..
- (...) tudo bem, mas ainda um professor.
Isso não foi um elogio...
Bem, detalhes sórdidos à parte, o fato é que o filme é bom porque entretem, diverte, tem boas interpretações e ainda nos leva numa viagem bem legal por Paris e Veneza, parte dela de trem.
Vale a pena assistir; nota 9.

Nova ponte em Ilhéus não é prioridade do governo petista

O deputado federal ACM Neto (DEM) lamentou na sexta-feira, 28, a decisão do governo Dilma Rousseff de cortar recursos que seriam destinados, através do Orçamento Geral da União (OGU), para a construção da nova ponte de Ilhéus. Através da articulação do democrata, que solicitou a emenda, a bancada baiana havia incluído na peça orçamentária R$ 63 milhões para a obra, dinheiro que seria investido este ano. Entretanto, o valor foi reduzido para R$ 20 milhões.
"Mais uma vez Ilhéus não recebe a atenção merecida do Governo Federal, que tem destinado recursos para obras semelhantes em vários municípios do país", disse ACM Neto. O deputado lembrou que, no primeiro mandato do presidente Lula, o falecido senador Antonio Carlos Magalhães também tinha garantido recursos orçamentários para a obra, que, no entanto, não foi executada por decisão do governo petista.
"É, portanto, a segunda vez que Ilhéus é prejudicada. Só que agora foi uma emenda de bancada. Ou seja, não se respeitou a vontade de todos os parlamentares da Bahia. E mais: não se respeitou a vontade da população baiana e dessa cidade tão importante do Sul do Estado”, ressaltou ACM Neto.
O deputado acrescentou que vai lutar junto ao Ministério do Turismo, em parceria com os demais integrantes da bancada baiana, para que o valor seja novamente fixado em R$ 63 milhões. "Vamos pressionar para que o recurso saia ainda este ano, já que essa obra é de interesse de todos", disse.
Fonte: http://www.acmneto.com.br

Micareta no túnel do tempo

No terceiro - e incompleto - governo do prefeito José Falcão da Silva (1° de janeiro a 5 de agosto de 1997), a realização da 60ª edição da Micareta de Feira de Santana - "O Carnaval de abril que sacode o Brasil".
A Prefeitura de Feira de Santana, através da Secretaria de Cultura, Esportes e Lazer, divulgou o evento em todo o país com cartaz (Foto: Reprodução) criado pelo artista plástico Pedro Roberto (29.06.1950-01.01.2006).

Cinema no "Bom Dia Feira"

Já estou no estúdio da Rádio Princesa FM para participar dentro de instantes do programa "Bom Dia Feira", ancorado por Dilson Barbosa. É a primeira participação neste novo ano, depois do período de férias.
Vamos falar, como sempre, de cinema, dos filmes que entraram em cartaz na sexta-feira, 28, no Orient Cineplace, das continuações, bem como dos indicados ao Oscar - os filmes que já foram exibidos e o calendário de lançamentos.
Ainda, as dicas de DVD - "Os Três Mosqueteiros" e "Deu a Louca no Mundo" - e a trilha sonora da semana, "I See the Light", de "Enrolados", indicada ao Oscar de Melhor Canção Original.

sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

Morre escritor Ciro de Carvalho Leite

Capas de "Cacimba", "Grito da Terra" e "Mulheres de Vida Fácil"
Fotos: Reproduções

No jornal "Folha do Norte", edição desta sexta-feira, 28, a informação sobre o falecimento em Brasília-DF do escritor feirense Ciro de Carvalho Leite, aos 96 anos, ocorrido no início deste mês.
Ciro de Carvalho Leite nasceu no distrito de Bonfim e Feira e morava na capital federal. Ele foi autor de livros como a trilogia "Caatinga", iniciada em 1963, que inclui "Mulheres de Vida Fácil", "Grito da Terra" e "Flagelados do Nordeste".
"Grito da Terra" virou filme, produzido por ele e com direção de Olney São Paulo, em 1964. Também lançou o livro "Cacimba".
Seus livros são difíceis de encontrar, mas pesquisando em sebos do Rio de Janeiro e São Paulo é possível adquirir.

Urgente! Pare Belo Monte

Da Avaaz.org - The World in Action:

Caros amigos de todo Brasil,
Chegou a hora de agirmos! O governo acaba de aprovar uma licença "parcial" que libera a derrubada de árvores para iniciar o canteiro de obras para a construção da usina de Belo Monte.
A decisão já teve forte repercussão, o Ministério Público Federal no Pará declarou que a licença é ilegal e não poderia ser emitida sem o cumprimento das condicionantes ambientais. Mas a presidente Dilma está se fazendo de surda.
Somente uma mostra da indignação geral de brasileiros de todo o país conseguirá persuadir ela a revogar a licença. Nós sabemos que a pressão funciona! Se um número suficiente de pessoas ligarem para a Dilma, poderemos ajudar a proteger a nossa preciosa floresta e conseguir a revogação da licença ilegal. Se não agirmos, a floresta começará a ser derrubada, a construção dos canteiros de obra iniciará e ficará cada vez mais difícil reverter esse quadro.
Vamos inundar o gabinete da Dilma com telefonemas hoje, mostrando que estamos atentos e prontos para impedir a destruição do Rio Xingu.
Só leva alguns minutos.
Ligue para o gabinete da Dilma agora: (61) 3411.1200, (61) 3411.1201 ou (61) 3411.2403
Veja algumas sugestões do que falar ao telefone. Lembre-se de se apresentar e ser educado:
Peça a revogação imediata da licença parcial concedida na quarta-feira e pare o andamento do projeto
Cite a renúncia do presidente do Ibama e o processo do Ministério Público Federal declarando a ilegalidade da licença
Peça investimento em eficiência energética e fontes verdadeiramente limpas que não causam uma devastação ambiental
De acordo com a lei brasileira e internacional, o governo tem a obrigação de proteger os direitos básicos das populações indígenas e comunidades locais
Mencione a petição para parar Belo Monte com mais de 385.000 nomes, dizendo que esperamos que ela ouça a população
Duas semanas atrás o ex-presidente do Ibama renunciou ao cargo, se recusando a ceder a pressão política para emitir a licença de construção de Belo Monte. Mas o governo rapidamente apontou Américo Ribeiro Tunes, um substituto leal que caladamente assinou a licença pouco depois de assumir o cargo.
Porém, a pressão está aumentando por vários lados. O Ministério Público Federal no Pará está comprometido a entrar na Justiça para parar Belo Monte, líderes indígenas estão voando do Pará para se reunir com o governo e a nossa petição de 385.000 nomes será entregue em Brasília.
Vamos mostrar a nossa indignação! Ligue para o gabinete da Dilma agora: (61) 3411.1200, (61) 3411.1201 ou (61) 3411.2403. Juntos nós podemos proteger a Amazônia.
Depois de ligar escreva para portugues@avaaz.org para contarmos o número de ligações.
Para fortalecer a nossa ação, ligue também para a Ministra do Meio Ambiente, Isabela Teixeira: (61) 2028-1057 or (61) 2028-1289, peça para ela parar de se omitir, fazer o seu trabalho e impedir este desastre ambiental.
Com esperança,
Luis, Alice, Graziela, Ricken, Ben, Maria, Pascal e toda a equipe da Avaaz
PS. Se você ainda não assinou a petição contra Belo Monte, assine aqui: http://www.avaaz.org/po/pare_belo_monte/?vl
Apoie a comunidade da Avaaz! Nós somos totalmente sustentados por doações de indivíduos, não aceitamos financiamento de governos ou empresas. Nossa equipe dedicada garante que até as menores doações sejam bem aproveitadas -- clique para doar.
*
A Avaaz é uma rede de campanhas globais de 5,6 milhões de pessoas que se mobiliza para garantir que os valores e visões da sociedade civil global influenciem questões políticas internacionais. ("Avaaz" significa "voz" e "canção" em várias línguas). Membros da Avaaz vivem em todos os países do planeta e a nossa equipe está espalhada em 13 países de 4 continentes, operando em 14 línguas. Saiba mais sobre as nossas campanhas aqui, nos siga no Facebook ou Twitter.

Píer do Mirim será revitalizado em Madre de Deus

Perspectiva no novo píer

Foto: Divulgação

A Prefeitura de Madre de Deus vai revitalizar o píer do Mirim, uma das prioridades da administração municipal. A revitalização já estava no programa de ações de 2011 da Secretaria de Infraestrutura e Serviços Públicos (Siesp), que aguarda a liberação de verba de R$ 890 mil do Ministério da Integração Nacional para dar início às obras.
Será feita intervenção estrutural em todo o píer, recuperando pilar, vigas, escadas e piso, além de construir guarda-corpo em toda a extensão da ponte para proteger os usuários.
Quanto ao acidente da manhã desta sexta-feira, 28, com a queda da escada, os pescadores feridos tiveram atendimento médico e não correm risco de morte.
(Com informações da jornalista Najara Sousa)

A estrela do momento em decoração


1. Neste projeto de Estela Netto, a arquiteta lançou mão do painel para unificar os ambientes de jantar e estar
2. Painel feito de lâmina sépia decora e cria a sensação de amplitude no espaço
Fotos: Divulgação

Um dos grandes inconvenientes da decoração sempre foram os fios aparentes dos equipamentos eletrônicos. Isso até surgirem os painéis para TV e home que, além de camuflarem a fiação, funcionam bem como item decorativo.
Não por um acaso, os painéis tem sido uma das peças mais recorrentes na decoração atual e está disponível em vários materiais. "Os painéis podem ser feitos de madeira, acrílico, MDF, gesso e até alvenaria, com qualquer tipo de revestimento, como porcelanatos e cerâmicas. Tenho preferência pela madeira ou MDF, em função da praticidade para a passagem de tubulação e a diversidade de cores e texturas", avalia a arquiteta Estela Netto.
Além da diversidade de materiais, os clientes ainda têm a possibilidade de escolher entre comprar um painel pronto numa loja, ou solicitar a execução exclusiva. Estela pontua as vantagens de cada escolha: "A vantagem da marcenaria pronta na loja é o cliente antever a estante antes de chegar na sua casa, não havendo nenhuma dúvida sobre a cor, dimensões ou a lâmina. Mas, normalmente, desenho meus painéis, pois procuro dar ao cliente o máximo de exclusividade. Desenhando a marcenaria, o cliente acaba por conseguir ambientes mais interessantes e exclusivos. E para que ele possa visualizar o resultado final, apresento todos os móveis em 3D".
(Com informações de Ana Paula Horta e Fernanda Pinho, da Mão Dupla Comunicação)

Deputado pede pela enésima vez Delegacia da Polícia Federal para Feira de Santana

Deputado federal Sérgio Carneiro com ministro da Justiça José Eduardo Cardozo
Foto: Henderson Casali (Serviço de Comunicação Social - Gabinete/SR/DPF/BA

O deputado federal Sérgio Barradas Carneiro (PT-BA) esteve na quinta-feira, 27, em Salvador, com o ex-colega da Câmara dos Deputados, o novo ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo. Ambos trabalharam juntos na Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJC) da Casa Legislativa. A relação direta do parlamentar com o ministro foi fundamental para estabelecer o diálogo a respeito da instalação de uma Delegacia da Polícia Federal (DPF) em Feira de Santana.
O encontro, ocorrido na sede da Superintendência Regional da Bahia da PF, contou com a participação do superintendente da Polícia Federal na Bahia, delegado José Maria Fonseca, e de representantes de diversos sindicatos de trabalhadores da segurança pública do Estado. Todos respaldaram com dados concretos o ministro da Justiça que se sensibilizou da necessidade de um núcleo da Polícia Federal na maior cidade do interior baiano. "Foi consenso durante a reunião que os feirenses e a região precisam desses serviços oferecidos pelo órgão", revelou o deputado Sérgio Carneiro. Em oportunidade anterior, o parlamentar apresentou requerimento ao Ministério da Justiça sobre o tema.
O ministro José Eduardo Cardozo garantiu todo o esforço necessário do governo da presidente Dilma Rousseff para, definitivamente, a PF poder operar em uma sede local. Além do aluguel ou compra de um imóvel, é necessário equipar a delegacia com mobiliário, material de escritório, equipamentos de informática, viaturas e armamentos. Outro fator discutido foi sobre a contratação da equipe formada por delegados, agentes e investigadores que se dá através da realização de concurso público. "O Governo Federal tem todo o interesse em agilizar os trâmites legais para efetuar o concurso", garantiu Cardozo.
Ainda, existe a alternativa do remanejamento de pessoal de outras delegacias ou, em caráter emergencial, a contratação de pessoal por empresas terceirizadas para montar o corpo administrativo. O deputado federal Sérgio Carneiro também afirmou que conversará com o senador João Durval (PDT-BA) a fim de garantir soma de recursos para a execução da obra. "Assim que o Ministério da Justiça sinalizar positivamente, apresentarei emenda parlamentar ao Orçamento Geral da União junto com o senador baiano João Durval. Nossos mandatos estão engajados por esta antiga reivindicação dos feirenses através dos diversos segmentos sociais”, explicou. Atualmente, além da capital, os municípios de Ilhéus, Juazeiro, Porto Seguro e Vitória da Conquista contam com o aparato da Polícia Federal.
(Com informações de Andrews Pedra Branca, da Assessoria de Imprensa de Sérgio Carneiro)

Filmes em Exibição no Orient Cineplace

Período de 28 de janeiro a 3 de fevereiro

LANÇAMENTO NACIONAL
CAÇA ÀS BRUXAS
(Season of the Witch), de Dominic Sena, 2010. Com Nicolas Cage, Ron Perlman, Christopher Lee e Claire Foy. Ação. Cavaleiro depois de vários anos lutando nas Cruzadas perdeu a fé. De volta à sua terra, ele encontra uma Europa devastada pela fome e peste negra. Neste cenário de destruição ele se une a um grupo de guerreiros encarregados de levar uma garota, suspeita de ser bruxa, para um monastério distante. Não leva muito tempo até que o grupo perceber que a jovem possui forças sobrenaturais e que eles estão prestes a enfrentar um mal além da compreensão. Cópia dublada. Não recomendável para menores de 14 anos. Duração: 96 minutos. Horários: 15 horas, 17h10, 19h15 e 21h20. Sala 1 (243 lugares).
LANÇAMENTO
72 HORAS (The Next Three Days), de Paul Haggis, 2010. Com Russell Crowe, Olivia Wilde, Liam Neeson, Elizabeth Banks e Brian Dennehy. Drama. Professor universitário levava uma vida perfeita até sua esposa ser presa acusada de um crime brutal, que ela alega não ter cometido. Após três anos de vários recursos negados pela Justiça, ele percebe que só há uma saída: elaborar um plano de fuga para tirá-la da prisão. Ele e ela terão apenas 72 horas para fugir. Não recomendável para menores de 14 anos. Duração: 133 minutos. Horários: 18h20 e 21 horas. Sala 3 (167 lugares).
CONTINUAÇÕES
ZÉ COLMEIA: O FILME
(Yogi Bear), de Eric Brevig, 2010. Com Anna Faris, Tom Cavannagh e TJ Miller. Animação e live action. O Parque Jellystone está perdendo visitantes e o prefeito decide fechá-lo e vender suas terras. Isso quer dizer que as famílias não poderão mais apreciar a beleza da natureza. Zé Colmeia e seu amigo Catatau perderão a única casa que eles conhecem. Frente ao maior desafio de sua vida, Zé Colmeia terá que provar que ele realmente é "o mais esperto de todos os ursos" e com Catatau une forças com o guarda Smith para encontrar uma saída e salvar o parque de ser fechado para sempre. Em segunda semana. Cópia dublada. Classificação: Livre. Duração: 80 minutos. Horários: 15h15 e 17 horas. Sala 2 (160 lugares)
DE PERNAS PRO AR, de Roberto Santucci, 2010. Com Ingrid Guimarães, Maria Paula, Bruno Garcia e Flavia Alessandra. Comédia. Alice é uma típica mulher dos tempos atuais. Casada, um filho pequeno, trabalha como assessora de uma grande empresa. Seu ritmo de trabalho rouba quase todo o seu tempo e praticamente toda a sua libido. O resultado é que seu marido pede a separação. Ela decide mudar e o destino lhe oferece uma oportunidade: trocar seu trabalho por outro bem mais atraente, de ser vendedora de uma sex shop. Em quinta semana. Não recomendável para menores de 14 anos. Duração: 97 minutos. Horários: 18h45 e 20h50. Sala 2.
ENROLADOS (Tangled), de Nathan Greno e Byron Howard, 2010. Animação. Flynn Rider, um charmoso bandido encontra, por acaso, Rapunzel uma bela e sagaz adolescente com 21 metros de cabelos dourados mágicos. A dupla improvável parte em uma fuga repleta de ação e muita diversão ao lado de um cavalo policial, um camaleão superprotetor e um bando de criminosos beberrões. Em quarta semana. Classificação: Livre. Cópia dublada. Duração: 99 minutos. Horários: 14h20 e 16h20. Sala 3.
O TURISTA (The Tourist), de Florian Henckel Von Donnersmarck, 2010. Com Angelina Jolie, Johnny Depp, Paulk Bettany, Timothy Dalton e Rufus Sewell. Ação. Durante uma viagem à Europa para curar um coração partido, Frank desenvolve uma inesperada relação amorosa com Elise, uma mulher que deliberadamente cruza o seu caminho. Um intenso romance se desenvolve rapidamente na medida em que ambos se envolvem involuntariamente num jogo mortal como gato e rato. Em segunda semana. Não recomendável para menores de 12 anos. Duração: 106 minutos. Horários: 14h30, 16h40, 18h55 e 21h10. Sala 4 (264 lugares).

ENDEREÇO E TELEFONE
Orient Cineplace - Multiplex do Boulevard Shopping, telefax 3225-3185 e telefone 3610-1515 para saber informações sobre programas e horários.
(Com informações do Departamento de Marketing de Orient Cinemas)

quinta-feira, 27 de janeiro de 2011

DEM ameaça batalha jurídica se Kassab sair

Tratado como novo aliado pela presidente Dilma Rousseff, o prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, deverá enfrentar um batalha jurídica para manter o mandato se trocar o DEM pelo PMDB.
Setores do DEM já admitem que vão pedir à Justiça a devolução do mandato caso o prefeito leve a ideia adiante. Alegam não existir nenhuma brecha que facilite a saída de Kassab na resolução do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), de 2008, que trata da fidelidade partidária.
"O partido não vai assistir à saída injustificada da agremiação de forma impune", diz um dos líderes do partido. Para o grupo, é claro que haverá reação, até em nome da própria preservação.
A legenda perdeu nas eleições de 2010 nove de seus 52 deputados e oito de seus 13 senadores - ficou com bancada na Câmara reduzida a 43 parlamentares e com apenas cinco integrantes no Senado.
Da mesma forma que o então presidente Lula agiu na campanha para tirar votos de candidatos do DEM, Dilma e seu vice, deputado Michel Temer (PMDB-SP), agem agora para atrair Kassab para o PMDB, maior partido da base aliada do governo, e fincar um pé no maior colégio eleitoral do País, São Paulo.
A decisão de requerer o mandato é predominante no DEM. Ficam de fora apenas os filiados que defendem a fusão com o PMDB, o que inviabilizaria qualquer tipo de recriminação contra a saída do prefeito.
Fonte: Jornal "O Estado de S. Paulo"

Ângelo Almeida quer detalhes sobre a situação financeira da Prefeitura de Feira de Santana

Ângelo Almeida: Cara fechada contra o Governo Municipal
Foto: Divulgação
Cobrar a apresentação do débito total da Prefeitura de Feira de Santana com fornecedores e servidores será um dos primeiros atos do vereador Ângelo Almeida (PT), assim que forem retomadas as atividades legislativas na Câmara Municipal, em 15 de fevereiro.
"Deve haver mais prudência na aplicação dos recursos públicos e a administração municipal precisa esclarecer essa situação", recomenda o petista, que pretende ampliar a fiscalização as ações do Poder Executivo.
(Com informações da Assessoria de Comunicação da Câmara Municipal)

Diante de escândalo, Aleluia sugere a Caetano renunciar candidatura à UPB

O deputado federal José Carlos Aleluia (DEM-BA) sugere ao prefeito de Camaçari, Luiz Caetano (PT-BA), que renuncie a candidatura à presidência da UPB até que a Justiça esclareça e julgue o escândalo ocorrido em sua gestão, denunciado em reportagem na edição do jornal "A Tarde" de quarta-feira, 26.
"Como é que se pode fazer um contrato de prestação de serviços que inicialmente era de R$ 1,7 milhão e se pagar R$ 5,6 milhões? O pior é que a empresa apresentada como contratada afirma nunca ter feito qualquer obra para a cidade e não ter recebido nenhum centavo da Prefeitura de Camaçari. Onde foi parar essa fortuna?", questiona o deputado democrata.
Para Aleluia, a manutenção da candidatura de Caetano até que o escândalo seja devidamente esclarecido e julgado pela Justiça só serve para degradar ainda mais a política baiana.
"Como é que se pode ter na presidência da entidade representativa dos municípios baianos alguém sobre quem pairam tão graves indícios de irregularidades administrativas, que, pelo revelado na reportagem de 'A Tarde', não estão sendo rebatidos de forma convincente pelos advogados de Caetano. Que exemplo o virtual presidente da UPB vai dar aos prefeitos da Bahia?", indaga Aleluia.
(Com informações de Geraldo Bittencourt, da Assessoria de Imprensa)

quarta-feira, 26 de janeiro de 2011

Mobilização Pedagógica na FTC discute mudanças na educação

"Esta mobilização registra o marco inicial do semestre. Pela primeira vez fizemos questão de reunir coordenadores de curso, professores e gestores administrativos dos diversos setores da faculdade para discutir as novas mudanças na educação". A afirmação é do professor Heraldo Morais, diretor de campus da FTC Feira, durante a abertura na noite de terça-feira, 25, da Mobilização Pedagógica. Ele lembrou ainda que a Educação é uma atividade nobre. "Nós, professores, somos responsáveis pela formação profissional daqueles que vão formar outros professores", acrescentou.
O evento, que tradicionalmente antecede a abertura do semestre letivo na FTC, contou com a participação da professora mestre Silvana Ferreira, da Uneb, que falou sobre "O Papel do Docente/Gestor Frente às Novas Mudanças Sócio-educativas". Em sua palestra, ela destacou a necessidade de competência relacional e flexibilidade para lidar com as pessoas, sobretudo os novos alunos, "além de estar atento às mudanças de posturas e paradigmas para que não se perca o espírito de pertencimento".
Silvana também citou o escritor Roberto Shinyashiki - consultor, palestrante, famoso autor de livros de autoajuda -, ao abordar temas como qualidade de vida e motivação para mudanças, acrescentando que "quando as pessoas se sentem valorizadas podem também se abrir para mudanças".
Graduada em Pedagogia pela Faculdade de Educação da Bahia (Feba), Silvana Ferreira é especialista em Formação do Professor Alfabetizador pela Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs). Tem Mestrado em Administração e Planificação da Educação pela Universidade Portucalense Infante D. Henrique, U. Portucalense - Portugal. É doutoranda em Educação pela Ufba.
(Com informações de Socorro Pitombo, da Assessoria de Comunicação da FTC)

Propaganda partidária do PDT no rádio e TV nesta quinta-feira-feira

Nesta quinta-feira, às 20 horas no rádio e às 20h30 na televisão, será veiculada em rede nacional a propaganda partidária - duração de dez minutos - do primeiro semestre de 2011 do Partido Democrático Trabalhista (PDT).
O cronograma da veiculação das propagandas das 27 legendas eleitorais referentes ao ano de 2011 foi deferido pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) no dia 21 de dezembro.
O Partido Trabalhista do Brasil (PT do B) foi o primeiro a apresentar o seu programa na quinta-feira (13). Depois, na quinta-feira, 20, a vez do Partido Socialista dos Trabalhadores Unificados (PSTU).

PMDB tem mais eleitores filiados do que PT

Número de eleitores filiados a partidos políticos ultrapassa 13 milhões

Em novembro de 2010, o número de eleitores filiados a algum partido político no Brasil chegou a 13.885.578. Se comparado ao mesmo mês do ano anterior, houve um aumento de 1.316.720 eleitores. As cinco legendas com maior número de eleitores filiados, em novembro de 2010, são: PMDB, com 2.315.651; PT, com 1.394.292; PP, com 1.369.716; PSDB, com 1.315.527; e PTB, com 1.159.871. Na sequência, vêm PDT (1.129.867) e DEM (1.102.825).
Conforme a lei dos partidos políticos (9.096/95), na segunda semana dos meses de abril e outubro de cada ano, a legenda, por seus órgãos de direção municipais, regionais ou nacional, deverá remeter, aos juízes eleitorais, para arquivamento, publicação e cumprimento dos prazos de filiação partidária para efeito de candidatura a cargos eletivos, a relação dos nomes de todos os seus filiados, da qual constará a data de filiação, o número dos títulos eleitorais e das seções em que estão inscritos.
Para conhecer o quantitativo de eleitores filiados, mês a mês, basta acessar o endereço: http://www.tse.jus.br/internet/eleicoes/eleitores_filiados.htm.
(Com informações da Agência de Notícias da Justiça Eleitoral)

Lixeira

Dimas Oliveira no Twitter:
"Lula, o Filho do Brasil", um lixo ordinário, ficou fora do Oscar. Mas "Lixo Extraordinário", documentário anglo-brasileiro foi indicado.

Peça "Fernando Pessoa" no Gabinete Português de Leitura de Salvador

O espetáculo "Fernando Pessoa" volta a cartaz em Salvador, todas as quintas-feiras de janeiro e fevereiro, às 19 horas, no Gabinete Português de Leitura de Salvador. "Fernando Pessoa" traça um painel das tradições e da poética na literatura portuguesa, resgatando a obra de um dos maiores nomes da poesia moderna em Portugal.
Com direção, adaptação e interpretação de Marcos Machado e músicas compostas e executadas ao vivo por Amadeu Alves, o espetáculo mostra a singularidade de Fernando Pessoa e sua criatividade incomparáveis em toda a literatura universal. Mas a peça mostra o poeta como o ser humano, ligado à natureza na ânsia de buscar o significado da existência. Em cena, Fernando Pessoa e seus heterônimos: Alberto Caeiro, Ricardo Reis e Álvaro de Campos, interpretados e caracterizados num clima de lirismo e emoção.
Fundado em 1863, o Gabinete Português de Leitura possui um acervo que resgata grande parte da tradição lusitana e abriga o Centro de Estudos Portugueses. Seu prestígio nos meios intelectuais está na beleza arquitetônica do edifício, na importância do acervo bibliográfico e nas atividades que desenvolve. No Brasil, além do Gabinete Português de Leitura de Salvador, os principais edifícios neomanuelinos são o Real Gabinete, no Rio de Janeiro e o Centro Português, em Santos.
Serviço
Ingresso: R$ 20,00 inteira e R$ 10,00 meia
Local: Gabinete Português de Leitura, na praça da Piedade, s/n, centro
Tel: 3329-5758 / 3329-2733 (com estacionamento)
Fonte: Portugal Digital

"Kassab, a ida para o PMDB, o DEM e a cassação do mandato"

Por Reinaldo Azevedo

Será mesmo que alas do DEM pediriam a cabeça do prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, caso ele decidisse migrar para o PMDB? Não sei, não… Tenho cá as minhas dúvidas. Leiam o que informa Vera Rosa no Estadão Online. Volto em seguida:
*
Tratado como novo aliado pela presidente Dilma Rousseff, o prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, deverá enfrentar um batalha jurídica para manter o mandato se trocar o DEM pelo PMDB. Setores do Democratas querem pedir à Justiça a devolução do mandato no caso de o prefeito levar a idéia adiante. Alegam não existir nenhuma brecha que facilite a saída de Kassab na resolução do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), de 2008, que trata da fidelidade partidária.
"O partido não vai assistir a saída injustificada da agremiação de forma impune", diz um dos líderes do partido. Para o grupo, é claro que haverá reação, até em nome da preservação do partido. A legenda perdeu nas eleições do ano passado 9 de seus 52 deputados e 8 de seus 13 senadores, reduzindo as bancadas na Câmara e Senado para, respectivamente, 43 deputado e 5 senadores.
(…)
A decisão de requerer o mandato é predominante na legenda. Ficam de fora apenas os filiados que defendem a fusão com o PMDB, o que inviabilizaria qualquer tipo de recriminação contra a saída do prefeito ou de parlamentares.
Integrantes da legenda lembram que o TSE reconheceu o alcance da resolução nº 22.610, de 11 março de 2008, também com relação à desfiliação imotivadas de eleitos para cargos executivos. A perda do cargo eletivo em decorrência de desfiliação partidária ocorrerá nos casos em que não houver os seguintes motivos, tidos como justa causa: incorporação ou fusão do partido, criação de novo partido, mudança substancial ou desvio reiterado do programa partidário, grave discriminação pessoal.
Se julgar o pedido procedente, o TSE decretará a perda do mandato. No caso de parlamentar, o partido pode preencher a vaga. Já com relação, ao prefeito, caberá à Justiça Eleitoral indicar o sucessor. Gilberto Kassab se filiou ao PFL (hoje DEM) em 1995. Ele se elegeu duas vezes deputado federal, em 2002 e 2005, pelo partido. Em 2006, substituiu o então prefeito José Serra (PSDB) na Prefeitura de São Paulo e foi eleito em 2008 para continuar no cargo que hoje ocupa.
Voltei
1) Vamos por partes. Posso até estar entre aqueles que consideram a ida de Kassab para o PMDB um pouco acima do possível (não ainda provável), mas uma coisa é certa: ele nada fará antes da escolha da nova direção do DEM. Há uma possibilidade de que fique? Há, embora o ambiente não seja, efetivamente, dos melhores. O confronto com o grupo de Rodrigo Maia ganha ares de coisa incontornável.
2) Dada a legislação vigente e não havendo mudança, caso ele realmente mude de partido, a Justiça só não cassa o mandato de Kassab se não quiser - CASO O DEM VENHA A PEDIR, É CLARO!. Os motivos de Kassab não se enquadram em nenhuma das janelas possíveis - e desavença com a direção ou busca de ampliação de influência política não estão entre elas. O que Kassab alegaria? Que o DEM foi muito para a direita? Eu até ousaria dizer que ele está mais bem-comportado do que nunca, agora que a direção aecista decidiu, também ela, dar uma piscadela ou outra para o governo. Em termos absolutamente relativos, daria para dizer que o partido até foi um pouco para a esquerda… E se Kassab dissesse que foi ele a mudar? Bem, o DEM não poderia ser punido por isso, certo?
3) Assim, caso Kassab saia mesmo e caso o DEM resolva pedir o mandato de volta, a chance de que o prefeito fosse cassado seria bem razoável, embora haja entendimentos díspares a respeito. Só que… Só que tenho pra mim que os mesmos que dizem que pediriam o mandato de volta - e não é o grupo de Jorge Bornhausen - dariam um estúpido suspiro de alívio. Seria "estúpido" porque, para o partido, é claro que seria ruim. Mas sabem como é… Há quem prefira ser o primeiro num quarteirão a ser segundo numa cidade de médio porte…
Fonte: "Blog Reinaldo Azevedo"

Dúvidas sobre amamentação no quadro "Voz Universitária"

O quadro semanal da FAT na Rádio Subaé, o "Voz Universitária", conversou nesta quarta-feira, 26, com a professora Suelly Pinto de Morais para tratar de tema muito importante para mães e bebês: a amamentação. A docente do curso de Enfermagem, que é Odontóloga, Enfermeira, Mestre em Saúde Coletiva pela UEFS e Doutoranda em Saúde Coletiva pelo ISC/Ufba, também coordena o Banco de Leite do Hospital Geral Clériston Andrade e falou com propriedade sobre os benefícios do aleitamento materno tanto para a mulher quanto para a criança.
Ela esclareceu o que é mito e o que é verdade em relação ao leite materno e ao processo de amamentação, destacando que é preciso que a mãe se sinta capaz de amamentar e tenha o apoio do companheiro e da família nos primeiros dias do pós-parto para que tudo flua bem e o vinculo mamãe-bebê se estabeleça.
"Não há alimento mais rico para a criança do que o leite materno, que tem a quantidade de nutrientes necessários para o desenvolvimento do bebê nos primeiros meses de vida. O leite é uma vacina natural, porque é riquísimo em anticorpos. E estes anticorpos não existem em nenhum leite artificial no mundo", enfatizou.
Ela esclareceu várias dúvidas das pessoas relacionadas ao ato de amamentar, como, por exemplo, a preparação da mama durante a gravidez, o que fazer se mamilo rachar ou o leite empedrar, como armazenar ou doar leite materno, qual a forma mais adequada de posicionar o bebê durante a amamentação etc.
A entrevista com a professora Suelly está disponível a partir desta quinta-feira, 27, na íntegra, no site www.fat.edu.br/radiofat.
(Com informações de Sílvia Dantas, da Assessoria de Comunicação da FAT)

Calendário de lançamentos de filmes indicados ao Oscar 2011

Na terça-feira, 25, o anúncio dos filmes indicados ao Oscar 2011, pela Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood. A cerimônia de entrega acontece no dia 27 de fevereiro.
Como o Blog Demais colocou em postagem, algumas produções indicadas já foram exibidas ou estão em cartaz em Feira de Santana, caso de "Enrolados".
Agora, a expectativa agora é pelo lançamento de filmes como "O Discurso do Rei", que concorre em 12 categorias, e "Bravura Indômita", de Joel e Ethan Coen, com dez indicações. Ambos estreiam na mesma data, sexta-feira, 11 de fevereiro.
Nesta sexta-feira, 28 "Inverno da Alma", com quatro indicações, estreia em cinemas do país. Não em Feira de Santana.
Na semana seguinte, sexta-feira, 4 de fevereiro, entram em cartaz no país, outros dois filmes com indicações à premiação da Academia: "O Vencedor", com sete indicações, e "Cisne Negro". Para 18 de fevereiro, uma semana antes da premiação, lançamento de "127 Horas", com seis indicações.

João Durval citado em matéria do jornal "O Globo"

O senador baiano João Durval, do PDT (Foto: Reprodução), foi um dos quatro senadores citados na matéria do jornal "O Globo", "Treze senadores vão acumular subsídios com aposentadorias como ex-governador", publicada na terça-feira, 25, que abriu mão da aposentadoria como ex-governador da Bahia. Durval é citado em reportagem dos jornalistas Adriana Vasconcelos e Roberto Maltchick.
Diz o texto: "Também há no Senado os ex-governantes que decidiram abrir mão do benefício. É o caso, por exemplo, de Aécio Neves (PSDB-MG), Itamar Franco (PPS-MG), João Durval (PTB-BA) e Fernando Collor (PTB-AL)".
João Durval, quando iniciou seu mandato no Senado em 2007 fez a opção: ele abriu mão da aposentadoria como ex-governador e resolveu que só receberia os subsídios a que tem direito pelo cargo de Senador da República.
(Com informações de Silvio Romero, da Assessoria do Senador João Durval)
silvioromero@senado.gov.br

Nenhum feirense serve para governo petista

Site de petista, "Jornal Grande Bahia", critica duramente governador em editorial por "dar as costas a Feira de Santana"
"O governador da Bahia, Jaques Wagner, escolheu mais seis nomes para compor o gabinete do seu segundo governo. A ingrata surpresa para os feirenses foi a completa ausência de políticos locais no primeiro escalão do governo petista.
Segunda cidade mais populosa da Bahia, Feira de Santana, teve importância singular nas vitórias petistas para presidente da república e governo do estado. Destacadas lideranças, a exemplo de: José Neto, Sérgio Carneiro, Ângelo Almeida, Marialvo Barreto, José de Arimáteia, Fernando de Fabinho, Eliana Boaventura e Jairo Carneiro, que fizeram parte da aliança que concedeu 133.097 votos (50,65% dos votos válidos) a Jaques Wagner (PT) contra 70.233 votos, a Paulo Souto (DEM).
O município é importante, não apenas pela votação concedida a Jaques Wagner e ao Partido dos Trabalhadores, ou por possuir destacada representação política. Mas, também, por contar com a segunda maior população do Estado, cerca de 550 mil habitantes, além ser uma das dez maiores economias e fontes de arrecadação tributária da Bahia.
Todos esses predicados parecem pouco influenciar o tino administrativo do governador Wagner, que do alto do seu trono, parece olhar para a planície, como um soberano pouco afeito aos clamores da plebe.
Por fim, vivemos em uma república, e nada melhor do que o espírito crítico e eleições a cada dois anos, para lembrar aos soberbos soberanos, para quem eles governam e a quem devem se subservientes, ou seja, o povo que os elegeu.
O que mais é apreciável na democracia é este espírito crítico. Dois anos antes das eleições de 2010, cambaleando na condução do governo estadual, Jaques Wagner viu sua liderança ser contestada por setores que gostariam de ter outro nome que representa-se o petismo baiano nas eleições estaduais, e alguns chegaram a citar um possível embate entre Luiz Caetano e Wagner.
Para a alegria do ínclito governante, Wagner contou com o decisivo apoio do presidente Lula. E conseguiu refrescar os cofres estaduais com dinheiro federal. Tirando do papel ou da prateleira, diversas obras que estavam paradas, ou que sequer, tinham começado. O exemplo mais emblemático é o conjunto de hospitais estaduais construídos no primeiro Governo Wagner.
Estamos em 2011, e mais uma vez, o imobilismo toma conta do governo. Em Feira de Santana diversas obras estaduais e federais encontram-se paradas. O setor que mais cresce é o da construção, embalado pelo aporte financeiro da classe média feirense, que em verdade, é tomadora de empréstimos junto ao agente financeiro, leia-se Caixa Econômica.
Se para realizar um bom governo fossem necessários apenas técnicos, o mundo não passaria por crises. Parece que as lições marxistas pelas quais o antigo sindicalista Jaques Wagner passou, adormecem em algum canto de sua mente e o deixa entorpecido quanto às verdadeiras necessidades do povo.
Enquanto isto as máquinas públicas: federal, estadual e municipal sorvem quase 40% do Produto Interno Bruto (PIB) nacional em impostos. Devolvendo à sociedade serviços de péssima qualidade, obas que parecem não ter fim e privatizações que terminam por aumentar a carga tributária da classe média brasileira".