Clique na imagem

*

*
Clique na logo para ouvir

*

*

sexta-feira, 31 de dezembro de 2010

Lula não lê jornais e revistas

Em entrevista à TV Brasil - aquela que ninguém vê -, na noite de quarta-feira, 29, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse que não perdeu nada por deixar de ler jornais e revistas durante seu mandato. Ele voltou a afirmar que a leitura matinal dos jornais lhe dá azia. Em entrevista no ano passado à revista "Piauí", Lula disse que não lia notícias para não ter problemas no fígado.
"Tomei a atitude de não ficar com a raiva que eles [imprensa] pensam que eu vou ficar (...). Pensam que eu vou ler, vou ficar com azia, disse ao [ministro da Comunicação], Franklin [Martins] 'vou parar de lê-los, não vou ficar com azia. E não perdi nada", disse o presidente à TV Brasil.
Lula disse que a mídia "exagera" e que faz denúncias muitas vezes sem provas. Por isso, afirmou, acha necessária a criação de mecanismos de controle da imprensa.
"Se for ver algumas manchetes dos jornais, esse governo não existiu (...). A imprensa se acha onipotente e que pode criticar todo mundo e eu não posso dizer que está errado (...) Responsabilidade vale para o presidente, jornalista e dono de jornal. Não posso dizer coisas sem ter que provar nada", disse.
Lula reclamou das cobranças da imprensa pela demissão de ministros e diretores de estatais ligados a escândalos de corrupção. Disse que é preciso dar chance de defesa.
"Quando tem denúncia, querem que eu mande embora logo. Sou contra a pena de morte, tem que esperar se explicar. Como alguém aceitaria trabalhar comigo se eu demitisse na primeira denuncia? É um jeito humano de me comportar, não sou hipócrita. A pessoa que cometeu erro tem chance de se recuperar. Agora, quando implica em criar confusão...", disse.
Fonte: Folha.com

2 comentários:

Mariana disse...

Sempre mentiroso!
Raiva, êle sempre teve, de qualquer um que pense diferente dêle.
Quem exagera...parece brincadeira!!
Outra coisa, ficou cada vez mais bronco, mais ignorante, justamente por não ter tido a capacidade prá abandonar a preguiça mental e ler um pouco.
Quanto as seus mensaleiros, bem que tentou todo o tempo, fazer com que o povo e a imprensa os esquecesse...mas com Arruda, em Brasília, crucificaram-no, prenderam-no e o enxotaram da vida pública. E depois, diz que não é hipócrita!

Luzia Fonseca disse...

Ele é analfabeto de pai e mãe, como poderia ler?