Em quinta semana no Orient Cineplace

Em quinta semana no Orient Cineplace
Horários: 13h40 e 18h20

segunda-feira, 1 de fevereiro de 2010

Circo como tema de filmes






















Com a revisão de "A Morte Ronda o Espetáculo" (Ring of Fear), motivo de postagem no Blog Demais, na quarta-feira, 27, a lembrança de outros filmes vistos que têm o circo como tema, ou pano de fundo. São filmes que valorizam a importância do circo como espetáculo, com dramas vividos pelos artistas circenses.
Tem "O Circo" (The Circus) de Charles Chaplin, 1928, filme que deu a Chaplin um Oscar Honorário por sua contribuição à arte, versatilidade, genialidade, atuação, direção e produção.
Em 1941, a animação da Disney, "Dumbo" (Dumbo), de Ben Sharpsteen.
Cecil B. De Mille realizou o grandioso "O Maior Espetáculo da Terra" (The Greatest Show On Earth), em 1952, com Betty Hutton, Charlton Heston, Cornell Wilde e James Stewart.
"Os Saltimbancos" (Man On a Tightrope), de Elia Kazan, 1953, com Fredric March, Gloria Grahame e Terry Moore. Na ação, uma trupe foge do comunismo.
Em 1956, um dos melhores dramas sobre o tema, "Trapézio" (Trapeze), de Carol Reed, com Burt Lancaster, Tony Curtis e Gina Lollobrigida em triângulo amoroso. Este filme inaugurou a reforma do Cine Íris, com CinemaScope, em 1958.
Em 1958, uma comédia musical com o circo como pano de fundo: "Viva o Palhaço!" (Merry Andrews, de Michael Kidd, com Danny Kaye e Pier Angeli.
Em 1959, "O Grande Circo" (The Big Circus), de Joseph M. Newman, que reuniu Victor Mature, Rhonda Fleming e Vincent Price.
Em 1964, outra superprodução sobre o tema com "O Mundo do Circo" (Circus World), de Henry Hathaway, com John Wayne, Claudia Cardinale e Rita Hayworth.
Até o cinema brasileiro fez filme sobre o tema, com "Os Saltimbancos Trapalhões", de J. B. Tanko, em 1981, com Renato Aragão, Dedé Santana, Zacarias e Mussum.

Nenhum comentário: