Pré-estreia quarta-feira, 22, no Orient Boulevard Cinemas

Pré-estreia quarta-feira, 22, no Orient Boulevard Cinemas
Às 20 horas

segunda-feira, 1 de fevereiro de 2010

Circo como tema de filmes






















Com a revisão de "A Morte Ronda o Espetáculo" (Ring of Fear), motivo de postagem no Blog Demais, na quarta-feira, 27, a lembrança de outros filmes vistos que têm o circo como tema, ou pano de fundo. São filmes que valorizam a importância do circo como espetáculo, com dramas vividos pelos artistas circenses.
Tem "O Circo" (The Circus) de Charles Chaplin, 1928, filme que deu a Chaplin um Oscar Honorário por sua contribuição à arte, versatilidade, genialidade, atuação, direção e produção.
Em 1941, a animação da Disney, "Dumbo" (Dumbo), de Ben Sharpsteen.
Cecil B. De Mille realizou o grandioso "O Maior Espetáculo da Terra" (The Greatest Show On Earth), em 1952, com Betty Hutton, Charlton Heston, Cornell Wilde e James Stewart.
"Os Saltimbancos" (Man On a Tightrope), de Elia Kazan, 1953, com Fredric March, Gloria Grahame e Terry Moore. Na ação, uma trupe foge do comunismo.
Em 1956, um dos melhores dramas sobre o tema, "Trapézio" (Trapeze), de Carol Reed, com Burt Lancaster, Tony Curtis e Gina Lollobrigida em triângulo amoroso. Este filme inaugurou a reforma do Cine Íris, com CinemaScope, em 1958.
Em 1958, uma comédia musical com o circo como pano de fundo: "Viva o Palhaço!" (Merry Andrews, de Michael Kidd, com Danny Kaye e Pier Angeli.
Em 1959, "O Grande Circo" (The Big Circus), de Joseph M. Newman, que reuniu Victor Mature, Rhonda Fleming e Vincent Price.
Em 1964, outra superprodução sobre o tema com "O Mundo do Circo" (Circus World), de Henry Hathaway, com John Wayne, Claudia Cardinale e Rita Hayworth.
Até o cinema brasileiro fez filme sobre o tema, com "Os Saltimbancos Trapalhões", de J. B. Tanko, em 1981, com Renato Aragão, Dedé Santana, Zacarias e Mussum.

Um comentário:

Alexandre Carvalho disse...

Tem um filme que assisti há mais de 20 anos, na Sessão da Tarde (Globo), que era ambientado em um circo, mas não me lembro do nome nem da história em si. Lembro de uma cena apenas, em que um dos equilibristas é alvo de uma brincadeira durante a noite, quando colocam gelo nas costas dele. No dia seguinte, ele acorda gripado e, à noite, decide participar do número mesmo assim, envolvendo vários artistas ao mesmo tempo. Bastou um espirro dele para que se perdesse o equilíbrio e todo mundo fosse ao chão, causando algumas mortes.

Você se lembra desse filme?