*

*
Clique na logo para ouvir

*

*

segunda-feira, 31 de março de 2008

"Os Enforcados" e "O Lobisomem de Feira de Santana", de Fernando Ramos, são encontrados na Biblioteca Municipal

Capa de "Os Enforcados", autoria de Juraci Dórea, exemplar do acervo da Biblioteca Municipal Arnold Silva.
Reprodução


Os dois principais livros do escritor feirense Fernando Ramos, falecido no dia 23 de março, os romances "Os Enforcados" e "O Lobisomem de Feira de Santana", edições de 1970 e 2002, são encontrados na Biblioteca Municipal Arnold Silva. As duas publicações têm capa do artista plástico Juraci Dórea. Já li e reli "O Lobisomem de Feira de Santana" e estou relendo "Os Enforcados".
Prêmio literário da Secretaria de Educação e Cultura do Estado da Bahia, Prêmio Jorge Amado, ano 1968, "Os Enforcados", foi editado em 1970. O escritor baiano (de Itajuípe) Adonias Filho (1915-1990), um dos participantes da comissão julgadora, considerou (como está na contra-capa do livro): "Este romance é de alta qualidade literária, e há muito tempo não vejo obra de tão grande valor".

Na apresentação de "Os Enforcados", o autor Fernando Ramos diz: "Este romance com protagonistas fictícios se passa em Santa Brígida e localidades circunvizinhas ao Nordeste da Bahia, onde cavalgaram Lampião e seus cangaxeiros. A ação decorre de 2 de setembro a 7 de outubro de 1966 (Santa Brígida não tinha ainda luz elétrica), obedecendo a um tempo cronológico e a uma coincidência de fatos, na caatinga".
Ele finaliza a apresentação, afirmando: "Antes de tudo, é um romance dramático e irreal num ambiente real".









4 comentários:

Anônimo disse...

O Blog Demais está mesmo antenado. É o único veículo que está tratando sobre a obra do grande escritor feirense Fernando Ramos, a partir da informação sobre o falecimento dele. Merece registro.

Anônimo disse...

Esse é o blog mais interessante de Feira de Santana, pois posta notícias diferenciadas do nhenhenhém trivial e banal dos demais.

Anônimo disse...

O Blog Demais é mesmo o blog de Feira de Santana. Está sempre na frente dos demais, elevando a cidade com informações precisas e corretas. Está de parabéns pelo trabalho feito.

Anônimo disse...

Pesquisa é isso aí. A Biblioteca deve ter sido procurada para se conseguir a preciosidade histórica. Congratulações ao Blog Demais.